• Facebook
  • Myspace
  • Twitter
  • Google+

Total Pageviews

Reviews Mais Recentes


Amorphis - Queen of Time


Ghost - Prequelle


Angelus Apatrida - Cabaret de la Guillotine


Bleed From Within - Era


Painted Black - Raging Light


Necrobode - Metal Negro da Morte


Pestilence - Hadeon


Tortharry - Sinister Species


Inframonolithium - Mysterium


Somali Yacht Club - The Sea


Dallian - Automata


Candidata-te

A Metal Imperium encontra-se a recrutar colaboradores para redação de notícias, reviews de álbuns ou entrevistas a bandas.

Quem quiser fazer parte desta equipa poderá candidatar-se contactando-nos por email: metalimperium@gmail.com



Concertos em Destaque

Tradutor

Entrevistas Mais Recentes



































Ghost estreiam duas novas músicas ao vivo

Os Ghost fizeram um inicio "oficioso" da sua próxima digressão mundial no "The Roxy", em Hollywood, Los Angeles, e presentearam os fãs que(...)

Roy Khan confessa que sair dos Kamelot foi a "melhor decisão" que alguma vez tomou

Roy Sætre Khantatat, conhecido como Roy Khan, ou mais conhecido como o antigo vocalista dos Kamelot, falou à italiana SpazioRock (...)

Epica lançam vídeo para “Universal Love Squad”

Os holandeses lançaram recentemente o vídeo para a canção “Universal Love Squad”, sendo possível visualizar o mesmo (...)

Morbid Angel disponibilizam novo vídeo

A banda de death metal Morbid Angel divulgou recentemente um novo vídeo para o tema "Garden Of Disdain", pertencente ao mais recente álbum, "Kingdoms Disdained". (...)

Alice In Chains lançam vídeo para novo single

"The One You Know" é o novo single dos Alice In Chains, que pode ser ouvido no vídeo acima. A faixa faz parte do próximo álbum da banda, (...)

Archive for 2009

Estava reservada para finais deste ano, mais propriamente para 29 de Outubro, o lançamento de um dos melhores e mais completos lançamentos a nível nacional dos últimos anos, este "October Dawn" dos Portuenses Oblique Rain. Este que é o segundo registo do colectivo, é um grande álbum, daqueles que crescem com as audições e que nunca perde o interesse, tendo várias excelentes músicas e nenhum 'filler' e é a nível instrumental muito bom, com todos os músicos a mostrarem protagonismo, mas tudo soa em harmonia. A diferente voz de Flávio está aqui intensa e irrepreensível; as guitarras estão muito bem trabalhadas e envolventes; o trabalho de bateria é de grande nível e o baixo também está bem audível.

O álbum inicia em grande com o tema "Out There" e continua em muito bom nível, sendo que é a partir do meio do álbum que estão as outras grandes músicas do CD. A 5ª faixa "Reminiscence" é talvez o 'Magnum Opus' deste álbum rico em grandes momentos, sendo uma música de grande intensidade e de beleza melancólica. O seguinte tema intitulado "Inanity" mantém o nível elevado, fazendo por momentos lembrar um pouco Alice In Chains no refrão. Penso que tal não foi propositado, até porque a banda, apesar de ter influências como todas as outras e nesse capítulo os nomes que vêm à cabeça em primeiro lugar são os Opeth e os Katatonia, as semelhanças com essas bandas aparecem aqui dissimuladas, notando-se a intenção dos Oblique Rain, marcarem uma identidade própria na sua sonoridade. Outro dos pontos altos de "October Dawn" é "Spiral Dreams", um tema que tem como convidado, na sua parte mais agreste, o vocalista Nuno Rodrigues dos W.A.K.O., que demonstra ser uma mais valia, imprimindo força à música com os seus guturais característicos. "Dawn" é um belo tema acústico de uns curtos 1:53 minutos. O álbum não poderia acabar de melhor forma, "Darker Woods" sublinha aqui a capacidade de compor grandes temas, virtude que distingue as grandes bandas. Os Oblique Rain pertencem a esse lote e só por injustiça não farão uma carreira de nível internacional.


Nota:
8.4/10



"October Dawn" track list:


01. Soaring Alone

02. Out There

03. Soul Circles

04. Absent Awry

05. Reminiscense

06. Inanity

07. Spiral Dreams

08. Dawn

09. Darker Woods


Myspace Oficial:
http://www.myspace.com/obliquerain


Review por Mário Rodrigues


Seguno Michael Romeo (guitarrista dos Symphony X) a banda já se contra a compor novas músicas para o sucessor de "Paradise Lost" de 2007.
Relembramos que o novo álbum dos Symphony X deverá sair lá mais para o meio de 2010 pela Nuclear Blast Records.


DF

Os Portugueses Gwydion deram por concluídos os trabalhos no seu novo álbum.
O sucessor de "Ynys Mön" de 2008 sairá no próximo ano de 2010, numa data ainda por confirmar.


DF

"Reptilian" foi o nome escolhido pelos Keep Of Kalessin para nomear o seu novo trabalho.
O sucessor de "Kolossus" de 2008 irá sair pela Nuclear Blast no início de 2010 e segundo Obsidian C. será mais "forte, pesado, brutal e épico".

Pode ainda ser visto aqui, um vídeo promocional referente a "Reptilian".


DF

No dia 23 de Janeiro, pelas 20:30h na A.R.C.M. em Faro, irá realizar-se mais uma ronda das W:O:A Metal Battle Portugal.
As bandas que actuarão nesta Metal Battle encontram-se apresentadas abaixo. O preço das entradas será de apenas 5€.

Birth Signs
Cryptor Morbious Family

Prayers Of Sanity

Suprah

VRT139



DF

Aqui, encontra-se disponível o e-card pertencente a "After", o novo trabalho dos Ihsahn.
"After" irá sair para o mercado através da Candlelight Records no dia 26 de Janeiro de 2010.

"After" track list:

01. The Barren Lands
02. A Grave Inversed
03. After
04. Frozen Lakes On Mars
05. Undercurrent
06. Austere
07. Heavens Black Sea
08. On The Shores


DF

Abaixo pode ser vista a track list do novo trabalho dos Misery Index.
O colectivo irá entrar em estúdio, mais propriamente nos Wright Way Studios, no início de Janeiro para dar início à sua gravação, sendo que as misturas deverão terminar no dia 28 de mesmo mês.
O álbum deverá sair no próximo mês de Maio através da Relapse Records, com o título "Heirs To Thievery".

"Heirs To Thievery" (possível) track list:

01. Embracing Extinction
02. Fed To The Wolves
03. The Carrion Call
04. Heirs To Thievery
05. Spectator
06. The Seventh Cavalry
07. Illuminaught
08. Plague Of Objects
09. You Lose
10. Sleeping Giants


DF

Os Torture Division irão entrar em estúdio para dar início ás gravações da sua nova demo.
Esta será a segunda demo da triologia "Evighetens Dårar", sendo que a primeira de dome "Evighetens Dårar I" saíu em Agosto deste ano de 2009.


DF

O recém criado projecto, ainda sem nome, formado por Jamie Hunt (ex-Biomechanical), Steve Smyth ( Forbidden, ex-Nevermore e ex-Testament), Mikkel Sandager (ex-Mercenary), Adrian Lambert (Biomechanical) e Morten Sørensen (Anubis Gate), revelou que já têm compostas algumas novas músicas.
Segundo o colectivo, o novo trabalho deverá sair em 2010.


DF


"Futile" é o nome da primeira demo que irá ser lançada pelos Decomposter.
Este novo projecto de Death Metal foi formado por Mathias Lillmåns dos Finntroll, e já se encontra disponível do myspace oficial do colectivo, uma música intitulada "The Composter" que fará parte de "Futile".

Myspace Oficial: http://www.myspace.com/decomposterband


DF

Segundo um anuncio da banda de Epic Black Metal Eclipse Eternal, o colectivo já se encontra a trabalhar no seu novo álbum intitulado "The Essence Of Hopelessness".
O grupo espera poder entrar em estúdio em Janeiro ou Fevereiro para dar início ás gravação do mesmo.
Alguns títulos de algumas músicas também foram anunciados e podem ser vistos abaixo.


- Deathbound

- Writing With A Razor Upon The Blue Lines
- Ancient Voices On The Wind

- Know That I Am The Noose

- You Are Nothing
- The Essence Of Hopelessness
- Ode To A Time Long Gone



DF


Abaixo pode ser vista a capa do novo álbum dos Demonic Resurrection.
"The Return To Darkness" assim se chamará o novo trabalho do colectivo Indiano de Death Metal, que irá sair no dia 15 de Janeiro do próximo ano.


"The Return To Darkness" track list:

01. Between Infinity And Oblivion
02. Where Dreams And Darkness Unite
03. The Warriors Return
04. A Tragedy Befallen
05. The Unrelenting Surge Of Vengeance
06. Bound By Blood, Fire And Stone
07. Lord Of Pestilence
08. Dismembering The Fallen
09. The Final Stand
10. Omega, I


DF



A banda de Death/Black Metal Vasaeleth, que é formada por membros de Legions Of Astaroth e Dagon, revelou que terminou os trabalhos no seu álbum de estreia.
"Crypt Born And Tethered To Ruin", é o nome do seu primeiro longa duração a sair em Fevereiro através da Profound Lore Records.
Abaixo podem ser vistas a capa e track list do trabalho.

"Warthful Deities", é o nome da nova música que pode ser ouvida no myspace oficial do colectivo Norte Americano.

"Crypt Born And Tethered To Ruin" track list:

01. Wrathful Deities
02. Figures Of Chained Spirits
03. Curse Seeping Through Flesh
04. Gateways To The Cemetery Of Being
05. Poisoned Tongue
06. Spirit Of Noxious Miasmas
07. Adorned And Iridescent
08. Crypt Born And Tethered To Ruin


DF

Os My Eyes Inside são uma nova banda do Porto formada em 2005 e "Anatomy Of Ties", álbum lançado em Outubro deste ano, marca a estreia da banda.

A banda mescla aqui vários estilos; Death Metal, Progressivo, Post Rock, Sludge, Rock Alternativo, numa mistura muito interessante e original. Originalidade que é de salientar, numa altura em que está tudo inventado e os My Eyes Inside estão de parabéns por arriscarem numa mescla de sonoridades que à partida poderiam não encaixar. De referir que mesmo sendo um primeiro álbum, a banda soa a si própria o que é de louvar e as influências da banda estão aqui dissimuladas.
O cd é composto por 8 faixas (sendo que duas são introduções) que deambulam de modo imprevisível pelos estilos que mencionei em cima, sendo as duas primeiras músicas as mais fortes do trabalho, "Road To The Ground" e "Hope", boas apresentações dos My Eyes Inside ao ouvinte. Por outro lado o último tema do álbum "Between The Cross And Believers" com cerca de 15 minutos de duração é grande demais para o seu próprio bem, até porque não são em grande número as bandas que façam músicas tão longas e que consigam manter o interesse do ouvinte durante tanto tempo.
O trabalho instrumental da banda é bom, com destaque para as guitarras bem trabalhadas, bem acompanhadas por uma bateria "cirúrgica". Quanto ao vocalista, nos guturais que se estendem à maior parte do tempo das músicas, a performance é boa, o mesmo não se pode dizer das partes cantadas que precisam ser melhoradas, ou mesmo o registo vocal ser um pouco alterado, pois as partes mais melódicas das músicas pediam ali uma voz de nível algo superior. Isso melhoraria o resultado final deste CD de estreia.

Este é um bom álbum, ainda mais tendo em conta que se trata de uma estreia e é indicado especialmente para quem anda à procura de ouvir coisas diferentes.

Nota:7.1/10

"Anathomy Of Ties" Track List:


01.Road to the Ground
02.Hope
03.Acceptance
04The Old Man
05.City of Marigolds
06.Euphoria
07.White Rose Serenity
08.Between the Cross and Believers


Myspace Oficial: http://www.myspace.com/myeyesinside


Review por Mário Rodrigues

Os Corpus Christii anunciaram que irão entrar em estúdio no próximo mês de Janeiro, para darem início à gravação dos 9 temas até agora compostos.
As gravações do sucessor de "
Rising" de 2007, irão durar até o mês de Fevereiro.
Mais informações são esperadas.



DF

Segundo um comunicado dos Stratovarius, o colectivo Finlandês irá começar a trabalhar num novo álbum já em 2010.


DF

Dia 30 de Janeiro (Sábado) no Metal Point irá realizar-se mais uma W:O:A Metal Battle.
Desta feita serão os Angriff, Endamage, Final Mercy, Gates Of Hell e Humanart, a subirem ao palco e a nos oferecerem mais uma noite de peso.
A entrada ocorrerá por volta das 21 horas e custará apenas 5€.


DF



"Forced To Rock" é o título do novo tema disponibilizado para audição no myspace dos Arsis.
Este tema foi retirado do novo trabalho do colectivo Norte Americano, intitulado "Starve For The Devil" que irá sair no dia 5 de Fevereiro através da Nuclear Blast.

Myspace Oficial: http://www.myspace.com/arsis


"Starve For The Devil" track list:

01. Forced To Rock
02. A March For The Sick
03. From Soulless To Shattered (Art In Dying)
04. Beyond Forlorn
05. The Ten Of Swords
06. Closer To Cold
07. Sick Perfection
08. Half Past Corpse O'Clock
09. Escape Artist
10. Sable Rising
11. A Pound Of Flesh (For The Hell Of It) - (bónus)
12. The Lake (cover de King Diamond) - (bónus)


DF

Segundo Zack Wylde, o novo álbum dos Black Label Society deverá sair no mês de Junho do próximo ano. Segundo o músico, as gravações do sucessor de "Shot to Hell" de 2006 deverão começar entre os meses de Janeiro e Fevereiro, seguindo-se as misturas no mês de Março.


DF

"Vivid Enterpretations Of The Void" é o nome do segundo álbum do colectivo Californiano de Death Metal/Grindcore Embryonic Devourment.
Este novo trabalho sairá no início do próximo ano, numa data ainda a anunciar.

"Vivid Enterpretations Of The Void" track list:

01. Militarized Reptoids
02. Gravitational Oblivion
03. Vivid Enterpretations Of The Void
04. We Are Chitauri
05. Eye Of The Horomatangi
06. Cleansing The Infinite
07. Darkened Fluids
08. Perception Of The Multidimensional


DF


Segundo anuncio dos Gorath, o baterista K. Deleener saiu do grupo.
As razões da sua saída ainda não foram anunciadas, mas o colectivo já encontrou um substituto para Deleener: B.Vanderheyden (Ill Fares the Land e Storm Upon the Masses).

O colectivo irá lançar no início de 2010 o seu novo álbum "MXCII", através da Twilight Vertrieb.

"MXCII" track list:

01. Tombeveld
02. Thiedenbecke
03. Doed over't Galgeveld
04. Do ut Des
05. Godsgerecht Geschiedde
07. Heidewake
08. Gesta Sancti Servatii


DF

Os Domination Black anunciaram a saída do vocalista Kari Kilgast.
As razões da saída de Kari, ainda não foram reveladas, mas a banda já se encontra à procura de substituto.


DF

A banda Finlandesa Evemaster disponibilizou aqui, um trailer pertencente ao seu novo trabalho, "III Newtopia".
"III Newtopia" contou com as participações especiais de Jarno Taskula (voz), Tomi Mykkänen (guitarra e também voz), Enrico Annus (bateria), Ville Sorvali (baixo), Dan Swanö (voz limpa), Ismo Monola (synths), Markus Vanhala (guitarra), Harri Hyytiäinen (voz) e deverá sair no início do próximo ano de 2010.

"III Newtopia" track list:

01. Enter
02. New Age Dawns
03. Humanimals
04. Losing Ground
05. The Great Unrest
06. Sweet Poison
07. Harvester of Souls
08. Fevered Dreams
09. Absolution


DF


No dia 21 de Janeiro de 2010, irá ser lançado através da Razar Ice Records, o novo DVD dos Tokyo Blade.
"Live In Germany" é o nome do DVD, que foi gravado no Keep It True Festival, no mês de Novembro do ano passado e que irá conter material bónus como filmagens da banda, ainda mais músicas tocadas ao vivo e também com várias galerias de fotos.

"Live In Germany" DVD track list:

01. Intro - The Killer
02. Lovestruck
03. Lightning Strikes
04. Midnight Rendezvous
05. Death On Main St.
06. Dead Of The Night
07. Attack, Attack
08. Monkeys Blood
09. Long Live Rock and Roll
10. If Heaven Is Hell
11. Night Of The Blade


DF

O colectivo Polaco de Death/Black Metal Azarath anunciou no seu myspace que o vocalista e baixista Bruno deixou a banda, por motivos familiares.
Necrosodom (foto acima), assim se chama o novo substituto de Bruno.


DF

Os M.O.R.G. são uma banda de Santa Maria da Feira que lançou recentemente o seu EP de estreia, sendo que a sua sonoridade se pode descrever como Heavy/Thrash Metal. Tivemos o gosto de entrevistar o seu baixista André Alves, que nos falou um pouco do grupo, desde o EP às suas ambições.


1-Apresenta os M.O.R.G. para os leitores da Metal Imperium que ainda não vos conhecem.

Bem desde já quero agradecer a oportunidade que nos tem dado para promover o nosso trabalho e pela boa review que fizeram ao nosso Ep. Basicamente somos uma banda de Heavy Thrash Metal com muitas influencias do Metal Old School, anos 80 e 90, é um grupo formado em Maio de 2004 e que devido a várias dificuldades, só agora conseguiram lançar um registo em formato EP e que tentam de certa maneira, ter algum impacto no Metal Português em quem sabe também a nível Internacionalmente! Como pessoas, enfim somos 5 pessoas que adoram música e gostamos de dar uns bons concertos e nos divertir! basicamente é isto!


2-Porque tomaram a decisão de lançar um EP em vez de um longa-duração?

È simples, em 2008 ganhamos um prémio que era uma gravação profissional num estúdio á nossa escolha, tínhamos uma certa quantia que poderíamos gastar, ou seja, decidimos que deveríamos criar algo com uma boa qualidade sonora e que representa-se um bom começo para a banda, e desde o principio que escolhemos a EP, até por que na altura o Guitarrista era O Vítor e tínhamos 6, 7 musicas prontas com ele, daí não se justificar ir para algo com uma álbum ou algo do género, mesmo por que a nível financeiro não tínhamos essa opção! Por isso a Ep Justificou-se perfeitamente para os planos da banda, claro que se soubesse-mos o futuro teríamos feito de maneira diferente, pois foi preciso um ano para gravar, devido a saído do Vítor da banda, e de vários problemas que a banda teve em 2008 a nível interno.


3-Testament e sobretudo Metallica são as bandas que mais vêm à cabeça durante a audição do vosso EP. São duas das vossas influências certo?

Correcto, Metallica num nível geral é talvez a influencia que todos os elementos na banda partilham, Testament, já é uma banda mais ouvida por mim e pelo Paulo, que deve ter composto 85% dos Riffs que estão presentes na Ep, mas temos mais influencias, mas essas não as podemos negar, cada um tem o seu gosto pessoal, e procuramos não soar a essas bandas, mas hoje em dia ser original é quase impossível se não impossível, por isso é normal que nos comparem sempre a esta e aquela banda, o que pode ser bom ou mau, mas encaramos essas comparações sempre com um sorriso, pois são grandes nomes do Metal!


4-O baixo esta muito audível e proeminente no vosso EP. O que te fez começar a tocar baixo e que baixistas consideras uma influência para ti?

Quanto ao som do baixo no Ep, sinto-me bastante satisfeito, pois desde que foi para estúdio cresci muito a nível técnico e a nível de som, tendo conseguido obter um som próprio , com um baixo meio distorcido e bastante preenchido, daí estar bastante presente no CD. Bem agora passando a pergunta em concreto, o que me fez tocar baixo, basicamente foi uma conversa com um grande amigo meu, e que num tom de brincadeira nos desafiamos a aprender um instrumento, ele escolheu a guitarra eu o baixo, até por que era fá do Cliff Burton, e achava bastante interessante o conceito do baixo, e assim foi, comprei o meu primeiro baixo, tive aulas com o Paulo Barros (Tarantula) e um professor de Jazz local, e lá foi criando o meu estilo, juntamente com as minhas influencias que passam por vários estilos, blues, jazz, Rock, Funk, Metal, e claro que temos sempre aqueles músicos que admiramos, que no meu caso como já referi admiro os Três baixistas de Metallica, principalmente o Cliff, Victor Woten, talvez um dos melhores Mestres, Geezer Butler, John Myung, Greg Christian, aqui esta Testament, Rex Brown, Les Claypool, entre outros claro!


5-Vocês têm músicas no vosso reportório que não incluiram no EP e muito boas até. Pensam incluír algumas delas no vosso próximo trabalho?

Sem dúvida, até por que sentimos que essas musicas, deveriam estar gravadas, pois têm muito potencial para nós, até temos duas delas no youtube, tocadas ao vivo, mas sem dúvida alguma são temas que num próximo trabalho estarão presentes.


6-Recentemente ficaram sem baterista. Como estão a lidar com esta situação?

Ficamos sem baterista se não me engano em Setembro, estamos em Dezembro, e o que posso dizer é que não foi fácil para nenhum de nós a saída do Daniel, até por que ele era um elemento bastante importante na banda, não como músico, mas como amigo, o que fez que fosse difícil aceitar a sua saída, e tivemos fases internas na banda depois da saída dele, não muito boas.
Durante os meses que se seguiram, tentamos achar um substituto, mas devido á nossa localização foi muito difícil, o que ainda frustrou mais a banda, mas neste momento já nos encontramos a trabalhar com um baterista, e o espírito da banda esta outra vez em alta, até melhor do que nunca, e a cada dia melhora, por isso á males que vêm por Bem!


7-Estão há algum tempo à procura de um novo elemento para esse posto. Têm aparecido muitos candidatos?

Como já referi na pergunta anterior, só em Dezembro tivemos respostas concretas de bateristas, e já nos encontramos a trabalhar com um deles, e até ao momento tem corrido tudo bastante bem!


8-Presumo que estejam bastante ansiosos por encontrar a pessoa certa para a bateria, para depois poderem voltar aos ensaios e aos concertos para promoverem o vosso lançamento. Estou correcto?

Muito correcto, esperamos anunciar em breve o novo alinhamento, e voltar a carga, sem duvida que irá ser um regresso bastante suado por nossa parte, mas desistir não faz parte de nós e logo, espero que a banda permaneça activa por muitos anos!


9-Quais consideras os melhores momentos da vossa, até agora, curta carreira?

O melhor momento ate agora, é bastante difícil para nós, até por que cada um deve ter um momento especial na banda, mas acho que a nível geral, com os elementos actuais, foi a finalização da gravação da Ep, depois dos muitíssimos problemas que tivemos, conseguimos ultrapassar e ainda aqui estar! Com a Ep cá fora e a receber boas criticas! O que para nós é óptimo!

10-Sendo uma banda relativamente recente, que metas os M.O.R.G. procuram atingir?

Não somos propriamente uma banda recente, até por que para Maio de 2010 fazemos 6 anos de existência, apenas agora e só agora depois de termos ultrapassado muitas dificuldades é que conseguimos mostrar algo ao publico, neste caso a Ep, mas as metas são simples e directas, apresentar o novo elemento, ou seja o novo baterista, que espero que seja breve, pois já nos encontramos a ensaiar com um baterista, ensaiar e criar temas novos, até estarmos mentalmente e fisicamente preparados para voltar aos palcos, depois será certamente apresentar os dois novos elementos quer o baterista como o Liliano que também se vai estrear ao vivo com os M.O.R.G. pela primeira vez, promover a Ep ao máximo, tanto a nível nacional como lá fora, e depois muito provável, passar a um novo nível e gravar o nosso primeiro álbum de originais e que sabe arranjar uma editora ou algo do género!


11-Tens sido tu a tratar da promoção dos M.O.R.G. nomeadamente junto da imprensa online e na divulgação da banda nas redes sociais. Até que ponto consideras estes pontos de promoção importantes para a divulgação das bandas e da cena Metal Nacional?

Acho bastante importante, mesmo que apesar de já receber criticas de algumas pessoas que nos acompanham desde sempre, que nos dizem que nos estamos a promover demasiadamente, acho muito positivo as bandas poderem promover os seu trabalhos em foruns revistas online e blogues, pois para uma banda sem editora a única maneira de divulgar o seu trabalho é dar bastantes concertos e divulgar através da Web, mas como no nosso caso os concertos, neste momento estão postos de parte, promover a banda num âmbito online é bastante importante, e temos recebido bastante apoio nessa área, desde vocês Metal Imperium e entre outros que nos têm ajudado imenso, mesmo que as pessoas que gostem da banda achem que estamos a forças as coisas, mas não podemos ter todos o mesmo pensamento. Quanto a promoção das bandas Nacionais, na minha opinião sem dúvida alguma que as principais fontes de publicidade derivam de fontes recém criadas, de pessoas que adoram Metal e querem ajudar as bandas de garagem, é pena que de certa forma os locais mais fortes para promover as bandas, não o façam e apenas ajudem as bandas que lhes interessem, mas até ao momento não precisei deles, pois tenho recebido bastante apoio de pessoas que nos querem ajudar com pequenos blogues e espaços online, por isso só posso considerar positivo!


12-Pensas que o facto de acumulares funções a partir deste mês de Dezembro nos Final Mercy, irá ajudar-te a crescer ainda mais como músico?

Sem dúvida alguma, até por que uma das razões para me ter metido em dois projectos, foi mesmo para evoluir como músico e como pessoa também, sem os Final Mercy um estilo diferente em termos de banda dos M.O.R.G., para mim é bastante positivo isso, pois posso explorar mais a minha parte criativa e ocupar mais p meu tempo, pois eu sou daqueles que só vive para a música, sem este factor na minha vida, já tinha dado um tiro na cabeça, e até ao momento tem sido bastante divertido estar nos Final, tem corrido bem os ensaios, tenho me adaptado bem a banda, e já sinto que de certa forma já estou a crescer, e espero mostrar o meu valor brevemente!


13-Escolheram M.O.R.G. (iniciais de Music Of Revolutionary Generation) para nome da banda. Conta-nos o porquê da sua escolha e o significado do mesmo.

Bem eu entrei muito depois do nome ter sido escolhido, mas sei a história por detrás do nome (risos), basicamente o baterista na altura que se chamava Miguel, num dia de ensaio em casa dele, que possuía uma adega de vinho, ou seja os elementos já estavam bastante alegres, atirou para a mesa o nome MORG, e lá acharam piada ao nome e lá ficou, depois de por assim dizer de voltarem a realidade, deparam-se com outras bandas com o mesmo nome, e decidirem colocar uns pontos M.O.R.G., mas tinha-se de dar um significado as letras e lá num meio de uma conversa surgiu, Music Of Revolutionary Generation, que tem a ver com o que nos achamos em termos musicais ter sido os anos dourados do metal, que foi os anos 80 e 90, em que tínhamos uma geração muito mais rebelde e mais activa do que a que temos agora, e na minha opinião o Metal estava com muita mais saúde do que está agora, daí o nosso nome ser um chamamento a esse velho espírito old school, ou seja trazer outra vez essa fase para a actualidade, que de certa forma é o que tentamos fazer musicalmente!

Myspace Oficial: http://www.myspace.com/morgband


Entrevista por Mário Rodrigues

Os Noruegueses Vreid anunciaram que têm estado a trabalhar em novas músicas.
O colectivo irá dar inicio à gravação dos 9 temas durante a Primavera de 2010, devendo apenas lançar o sucessor de "Milorg" no início de 2011.
O grupo prepara-se também para lançar um single e ainda um DVD em 2010. Acerca deste dois lançamentos apenas sabe-se que o DVD irá sair provavelmente em Março ou Abril e que a banda encontra-se a dar os últimos retoques no mesmo.

Mais informações serão reveladas futuramente.


DF

Abaixo pode ser vista a track list do novo trabalho dos Alemães Crematory."Infinity" de seu nome, irá sair em Fevereiro pela Massacre Records.

"Infinity" track list:


01. Infinity

02. Sense Of Time

03. Out Of Mind
04. Black Celebration (cover de Depeche Mode)
05. Never Look Back

06. Broken Halo

07. Where Are You Now

08. A Story About...

09. No One Knows

10. Auf Der Flucht



DF

Os Mourning Lenore revelaram que irão lançar o seu primeiro longa duração na primeira metade de 2010. O colectivo encontra-se neste momento em estúdio a gravar 4 novas músicas, sendo que neste momento a bateria, baixo e guitarra ritmo encontram-se gravadas. No final de Janeiro os Mourning Lenore irão regressar ao estúdio para gravarem as partes vocais do seu novo trabalho ainda sem nome.
O álbum irá conter para além de 4 novas músicas, uma introdução e como bónus, as músicas "Rain’s Seduction" e "Patterns of Emptiness", do seu CD Split com os Insaniae.



DF

A segunda ronda das W:O:A Metal Battle irá realizar-se no já conhecido Side B em Benavente, no dia 16 de Janeiro.
O cartaz desta vez irá contar com Antichthon, Artworx, Face Of A Virus Karnak Seti e Reltih.
O preço dos bilhetes para esta ronda será o mesmo que na primeira, ou seja, 5€.


DF

Triptykon, é o nome da banda formada por Tom Warrior (Celtic Frost) no passado ano de 2008. O colectivo assinou agora contracto com a Century Media Records, para o lançamento do seu álbum de estreia "Eparistera Daimones". O lançamento deverá ocorrer no dia 22 de Março do ano que vem.

Entretanto no
myspace oficial do grupo, podem ser ouvidas duas músicas pertencentes ao álbum: "Abyss Within My Soul" e "A Thousand Lies".

"Eparistera Daimones" Track List:


01. Goetia

02. Abyss Within My Soul

03. In Shrouds Decayed

04. Shrine

05. A Thousand Lies

06. Descendant

07. Myopic Empire

08. My Pain

09. The Prolonging



DF

A banda Belga de Pagan/Black Metal Theudho disponibilizou para download grátis e legal o seu novo EP, "The Silence EP".
O download pode ser efectuado aqui:
Link

"The Silence EP" track list:

01. Silence Reigned Over The Bog

02. Fafnirs Blut

03. Foreboding Dreams
0
4. Gudrun's Revenge



DF

Formados em 1981 na Califórnia, os Hellhound regressam agora neste ano de 2009. A banda encontra-se a trabalhar no seu primeiro longa-duração, que irá suceder à sua demo de 1987 "From the Ruins of Yesterday".


DF


A banda Norueguesa de Gothic Metal Evig Natt, assinou recentemente contracto com a Black Bards Entertainment, para o lançamento do seu novo trabalho.
"Darkland", assim se chama o sucessor do álbum de 2007 "I Am Silence", que conta agora com a participação de um vocalista masculino Oskar Naley e deverá sair na Primavera vindoura.

Pode ainda ser ouvida "Sjelelaus", música que fará parte de "Darkland": http://www.myspace.com/evignattband



DF

"Heaven's Venom" é o nome do sucessor de "Prevail" de 2008.
Segundo os Kataklysm, "Heaven's Venom" será mais complexo, terá mais partes rápidas e dinâmicas, vontando também a ter partes mais técnicas. Este será um álbum bastante agressivo, real e determinado, e sempre com o groove característico dos Kataklysm.
Segundo a previsão do grupo, o álbum deverá sair em Outubro de 2010 pela Nuclear Blast.


DF

Os Switchtense, Pitch Black, Coldfear, Echidna, Web, Revolution Within, Seven Stitches e Damnull, irão actuar em Panoias (Braga) no dia 13 de Fevereiro.
Mais informações sobre o festival são esperadas em breve.


DF

Após 5 anos de ausência, o festival Underfest está de volta.
A realizar-se no dia 6 de Fevereiro, na Associação cultural e Desportiva de Torneios de Vila Real, o evento irá contar com o seguinte alinhamento:

Sinister
Suidakra

Fuckness

Mata-Ratos

Holocausto Canibal

Web

Fungus

Decrepidemic


O preço das entradas será de apenas 15€.
Mais detalhes acerca de possíveis excursões serão revelados brevemente.


DF