• Facebook
  • Myspace
  • Twitter
  • Google+

Reviews Mais Recentes


Iron Reagan - Crossover


Lich King - Omniclash


Demonic Resurrection - Dashavatar


Black Anvil - As Was


Benighted - Necrobreed


Mechina - As Embers Turn To Dust


Adamantine - Heroes & Villains


Barathrum - Fanatiko


Persefone - Aathma


Blame Zeus - Theory Of Perception


Kreator - Gods Of Violence


Lock Up - Demonization


Obituary - Obituary


H.O.S.T. - Bastard Of The Fallen Thrones


Antropomorphia - Sermon Ov Warth


Fall From Perfection - Metamorph


Pallbearer - Heartless


Mastodon - Emperor Of Sand


wolfheart - Tyhjyys


Sinister - Syncretism


Primal Attack - Heartless Oppressor


Grog - Ablutionary Rituals

Metal Imperium - Merchandise

.
Para encomendar, enviar email para: metalimperium@gmail.com

Concertos em Destaque

Visitantes

Tradutor

Entrevistas Mais Recentes



































Dying Fetus revelam detalhes do novo álbum

Os Dying Fetus vão lançar o seu novo álbum, "Wrong One To Fuck With", a 23 de Junho pela editora Relapse Records, e será o tão aguardado sucessor de "Reign Supreme", lançado em 2012.(...)

Novembers Doom - Novo álbum disponível para audição na íntegra

O novo álbum dos norte-americanos Novembers Doom, intitulado "Hamartia", é lançado hoje pela The End Records. Este trabalho pode ser ouvido na íntegra através desta ligação. (...)

SWR Barroselas Metalfest XX - Horários das atuações

Ampliando a imagem acima, é possível conhecer o horário de atuação de cada uma das bandas que irá compor o SWR Barroselas Metalfest XX. Recorde-se que o festival ocorre entre os dias 27 e 30 de Abril, em Barroselas. (...)

Tony Iommi está a trabalhar em novo material de Black Sabbath

O já conhecido guitarrista dos Black Sabbath, Tony Iommi confirmou em entrevista que está neste momento a juntar e trabalhar o som do último concerto que a banda deu, em Birmingham, e também há rumores(...)

Tankard lançam novo vídeo com letra

Os Tankard lançaram um novo video com letra para a música "Arena Of The True Lies", que fará parte do seu sétimo álbum de estúdio, "One Foot In The Grave"(...)


Agora que dois discos passaram desde a trágica morte de Andrew “Mac” McDermott, está na hora de (re)apresentar o novo vocalista, Damien Wilson, a todos aqueles que infelizmente não têm a possibilidade de ver os Threshold ao vivo. Já se sabe a tendência para os coletivos que tocam sobre a chancela do metal / rock progressivo de lançar discos ao vivo, como forma de mostrarem ao mundo o quão virtuosamente evoluidos os seus músicos são, mas felizmente os Threshold sempre foram um bocado mais do que apenas um desfilar de notas tocadas à velocidade da luz, ou pluralidade de ritmos.

Este novo lançamento ao vivo European Journey é, com efeito, o cartão de visita perfeito para quem quer descobrir a música dos Threshold. Desde logo, quando comparado com as edições ao vivo anteriores do colectivo, poderemos ouvir uma maior dinâmica entre os músicos e o próprio vocalista, o que faz com que os temas não só se soltem mais, ao invés de presos às suas versões de estúdio, como também ganhem uma nova pujança, em especial na forma mais alta como as guitarras se apresentam na mixagem final.

A setlist é também o expectável, embora com demasiada enfase nos trabalhos mais recentes, mas tirando isso, pouco ou nada se poderá apontar quando temos obras como os já enigmáticos Slipstream, Ashes, Coda ou Watchtower on the Moon. A esses juntam-se também a mestria dos longos épicos como The Hours, Pilot in the Sky of Dreams ou The Box, tornando este lançamento perfeito no que diz respeito a complementar a parte direta com a parte mais complexa dos Threshold.

E no fundo, é mesmo a mistura desses dois predicados que fazem dos Threshold uma banda tão interessante e, de certa forma, subvalorizada, quando comparada com os grandes nomes do metal progressivo. Como se não bastasse, alguns dos temas referidos acima (com Pilot in the Sky of Dreams à cabeça), mostram também que não se trata de um coletivo frio e robótico, conseguindo na maioria das vezes transpor nas suas composições uma carga emocional bem vincada, muito devido também ao tom caloroso de Damien Wilson. A descobrir, mesmo para quem geralmente não tem grande paciência para metal progressivo.


Nota: 8.8/10


Review por António Salazar Antunes