• Facebook
  • Myspace
  • Twitter
  • Google+

Reviews Mais Recentes


Rasgo - Ecos da Selva Urbana


Terror Empire - Obscurity Rising


Painted Black - Raging Light


Wolves in the Throne Room - Thrice Woven


Celeste - Infidèle(s)


Moonspell - 1755


Battle Dagorath - II - Frozen Light of Eternal Darkness


Kalmankantaja - Routamaa


Archspire - Relentless Mutation


Tod Huetet Uebel - N.A.D.A


Benthik Zone - Via Cosmicam ad Europam ab Gelid Inferis


Acherontas - Amarta अमर्त (Formulas of Reptilian Unification Part II)


Progenie Terrestre Pura - oltreLuna


Vita Imana - El M4l


Overkill - The Grinding Wheel


Time Lurker - Time Lurker


Warbringer - Woe to the Vanquished



Akercocke - Renaissance in Extremis


Neige et Noirceur - Verglapolis


Concertos em Destaque

Tradutor

Entrevistas Mais Recentes



































System of a Down têm músicas novas

Afinal não há nenhum problema com os System of a Down. É Serj Tankian quem o afirma, numa entrevista recente concedida à Rolling Stone. Na verdade a banda tem músicas novas, (...)

Simbiose, Alien Squad, Dokuga atuam no Porto em fevereiro

Os nacionais Simbiose, Alien Squad e Dokuga vão tocar no Metalpoint (Porto), no dia 3 de fevereiro do próximo ano.(...)

Hourswill apresentam novo álbum na companhia dos Inner Blast, The Chapter e Scarmind

Os Hourswill apresentam ao vivo o seu mais recente álbum, "Harm Full Embrace", dia 13 de janeiro, no RCA Club em Lisboa.(...)

Kamelot lançam novo vídeo e revelam novidades para 2018

Os Kamelot disponibilizaram o novo vídeo do tema "Under Grey Skies", que conta com a participação da vocalista dos Delain, Charlotte Wessels.(...)

Graveyard a gravar novo álbum

Os suecos Graveyard encontram-se nos Park Studios, em Estocolmo, a gravar o seu próximo álbum de estúdio, sucessor de "Innocence and Decadence", lançado no ano 2015. (...)



Doooooooooooom! – entoar com voz cavernosa.  Os Hooded Menace são uma das grandes sensações do doom finlandês, pelo que o seu regresso é sempre apreciado pelas hordes doomescas que por aí andam. A proposta da banda sempre teve um encanto especial, um cheiro a old school que sempre se tornou irresistível e esse encanto perdura neste “Darkness Drips Forth”, o quarto álbum de originais da banda. Com quatro temas longos – apenas “Ashen With Solemn Decay” não ultrapassar a marca dos dez minutos mas anda lá perto, muito perto – este é um álbum que flui muito bem e até sabe a pouco.

Já estamos cansados de falar aqui da dificuldade em fazer álbuns de doom metal com qualidade, principalmente quando temos temas superiores a dez minutos. No caso dos Hooded Menace, até nem é seu costume, mas aqui dotam-se com uma sensibilidade death metal, com algumas melodias inesperadas à mistura, o que lhes dá um teor clássico e old school ainda mais acentuado, sendo bastante próximo da sonoridade do primeiro álbum dos Amorphis, “The Karelian Ishtmus”, e do som tipicamente sueco. Existe também por aqui uma certa progressividade. As músicas crescem dentro do ouvinte a cada audição, de uma forma orgânica, isto é, não há nada por aqui que seja forçado. Se “Darkness Drips Forth” fosse um vinho, seria uma preciosidade de gosto ímpar e que teria que se deixar respirar.

Não é um reunir de condições pré-estabelecidas, não é um disco pensado – não querendo dizer isto que também é fruto do acaso – mas é sobretudo algo que sai do coração da banda. Tem uma palete de cores que não é muito comum encontrar no género, mas além de ter essa palete de cores, nunca deixa de ser pesado, intenso e de certa forma e em algumas ocasiões, claustrofóbico. Nunca deixa de ser negro. Tudo isto aliado a um groove que é viciante de uma forma impressionante faz com que este trabalho seja visitado e revisitado vezes sem conta. Essa multiplicidade, essa incapacidade por parte do ouvinte só mostra o quão especial é este trabalho. Qualquer álbum que consiga transmitir sensações pouco usuais ao estilo e ao mesmo tempo enquadrar-se no mesmo perfeitamente.


Nota: 9/10

Review por Fernando Ferreira