• Facebook
  • Myspace
  • Twitter
  • Google+

Candidata-te

A Metal Imperium encontra-se a recrutar colaboradores para redação de notícias, reviews de álbuns ou entrevistas a bandas.

Quem quiser fazer parte desta equipa poderá candidatar-se contactando-nos por email: metalimperium@gmail.com



Reviews Mais Recentes

Uada - Cult of the Dying Sun


Occultum - In Nomine Rex Inferni


Monolithe - Nebula Septem


Morag Tong - Last Knell of Om


Haunted - Dayburner


Djevel - Blant Svarte Graner


Raw Decimating Brutality - Era Matarruana


Czort - Czarna Ewangelia


Kinetik - Critical Fallout


Dopethrone - Transcanadian Anger


Abhor - Occulta ReligiO


Refuge - Solitary Men


Sevendust - All I See Is War


Black Fast - Spectre of Ruin


Sleep - The Sciences


Tomb Mold - Manor of Infinite Forms


Taphos - Come Ethereal Somberness


Wrath Sins - The Awakening


Judas Priest - Firepower


Bleeding Through - Love Will Kill All


Ihsahn - Àmr


Alkaloid - Liquid Anatomy


Filii Nigrantium Infernalium - "Fellatrix


Amorphis - Queen of Time


Ghost - Prequelle


Angelus Apatrida - Cabaret de la Guillotine


Bleed From Within - Era


Painted Black - Raging Light


Necrobode - Metal Negro da Morte


Pestilence - Hadeon


Tortharry - Sinister Species


Inframonolithium - Mysterium


Somali Yacht Club - The Sea


Dallian - Automata


Concertos em Destaque

Tradutor

Entrevistas Mais Recentes



































The Sword vão entrar num hiato

Corte quase fatal no futuro dos The Sword, uma vez que a banda texana anunciou há dias que fará uma pausa, embora tenha lançado ainda em março (...)

Hate Eternal lançam áudio de "Nothingness of Being"

A banda de death metal irá lançar o novo álbum, Upon Desolate Sands, a 26 de outubro através da Season Of Mist. Depois de desvendar (...)

Alterações no alinhamento do Festival Bardoada e Ajcoi

O Festival Bardoada e Ajcoi anunciou a substituição de duas das bandas previamente confirmadas. (...)

Marky Ramone em Portugal no próximo mês

O veterano Marky Ramone tem dois espectáculos marcados para o nosso país, que serão nada mais, nada menos, do que o warm up para o Lisbon Tattoo Rock Fest 2018. (...)

Behemoth lançam nova música "Wolves Ov Siberia"

"Wolves Ov Siberia", o novo vídeo de Behemoth, pode ser visto acima. A música faz parte do próximo álbum da banda, "I Loved You At Your Darkest", (...)


Doomsnight garantida com a estreia dos alemães Kadavar em Lisboa, no RCA Club, depois de terem arrebatado o SonicBlast Moledo no ano passado. Para ajudarem à grande festa do stoner rock, tivemos os canadianos We Hunt Buffalo e os nacionais Miss Lava.

Os Miss Lava deram início a uma noite incandescente com um alinhamento engrandecido pelos seus temas mais conhecidos, mas nem só de temas como "The Silent Ghost of Doom" ou "Ride" se perfilou a atuação da banda de Lisboa, uma vez que tivemos o privilégio de escutar temas novos que, segundo o vocalista Johnny Lee, farão parte do próximo trabalho dos Miss Lava. "Fourth Dimension", "In The Mire", "Doom Machine" e "Oracle" foram os poderosos destaques de um concerto apoiado por fãs que compuseram gradualmente o RCA Club e que se manifestaram ainda assim efusivamente perante um dos nomes mais sonantes do panorama nacional e que há muito dá cartas no panorama internacional. Os cerca de 40 minutos de heavy rock n' roll viram o seu término no tema "Don’t Tell A Soul", mas digam a todos que o novo álbum dos Miss Lava promete ser quente!


Os We Hunt Buffalo já são um habitué em terras lusas e, como não podia deixar de ser, escolheram mais uma vez este país adorador de stoner rock para desta feita nos darem a conhecer o seu mais recente álbum intitulado "Head Smashed In". E foi esse o mote de uma atuação replicante: cabeças esmagadas (metaforicamente falando) pela descarga sónica deste trio canadiano. 
Entre o psicadelismo e a força devastadora de temas como o conhecido "Back to the River" ou "Prophecy Wins", do último álbum, todos ficaram a ganhar com esta caçada repleta de fuzz que arrebatou os nossos sentidos.

Do meio de uma atmosfera mística fumegante, quase como tivessem saído de uma máquina do tempo, provenientes dos anos 70, surgiram os Kadavar. Estes gigantes de Berlim dispuseram-se imediatamente bem à frente no palco, com o baterista Christoph "Tiger" Bartelt ao meio, qual fera em transe, a orquestrar a restante avassaladora secção rítmica composta por Christoph "Lupus" Lindemann e Simon "Dragon" Bouteloup. A primeira malha, "Skeleton Blues", tratou logo de abanar os esqueletos dos fãs ávidos por uma boa dose de heavy rock e, na esteira de "Rough Times", o último álbum da banda, com outras bojardas como "Into The Wormhole", o tempo de escuta não se revelou nada difícil perante tamanha força da natureza sonora. Ainda assim, a apoteose deu-se com "Doomsday Machine", um tema já bastante conhecido dos presentes. Mais temas conhecidos se seguiram como "Live In Your Head" ou "The Old Man" e talvez como forma de reconhecimento por parte dos Kadavar, o público teve ainda direito a encore ao som de, por exemplo, "Die Baby Die", tema com refrão orelhudo, e finalmente "All Our Thoughts". Excelente concerto deste trio germânico que provou que já não existem sítios improváveis para o heavy, doom ou stoner, uma vez que estas vertentes do rock têm-se disseminado cada vez com mais força e enquanto assim for, o rock não morrerá.

Texto por Bruno Porta Nova
Fotografia por Anne Carvalho
Agradecimentos: Amazing Events