• Facebook
  • Myspace
  • Twitter
  • Google+

Total Pageviews

Reviews Mais Recentes


Amorphis - Queen of Time


Ghost - Prequelle


Angelus Apatrida - Cabaret de la Guillotine


Bleed From Within - Era


Painted Black - Raging Light


Necrobode - Metal Negro da Morte


Pestilence - Hadeon


Tortharry - Sinister Species


Inframonolithium - Mysterium


Somali Yacht Club - The Sea


Dallian - Automata


Candidata-te

A Metal Imperium encontra-se a recrutar colaboradores para redação de notícias, reviews de álbuns ou entrevistas a bandas.

Quem quiser fazer parte desta equipa poderá candidatar-se contactando-nos por email: metalimperium@gmail.com



Concertos em Destaque

Tradutor

Entrevistas Mais Recentes



































Ghost estreiam duas novas músicas ao vivo

Os Ghost fizeram um inicio "oficioso" da sua próxima digressão mundial no "The Roxy", em Hollywood, Los Angeles, e presentearam os fãs que(...)

Roy Khan confessa que sair dos Kamelot foi a "melhor decisão" que alguma vez tomou

Roy Sætre Khantatat, conhecido como Roy Khan, ou mais conhecido como o antigo vocalista dos Kamelot, falou à italiana SpazioRock (...)

Epica lançam vídeo para “Universal Love Squad”

Os holandeses lançaram recentemente o vídeo para a canção “Universal Love Squad”, sendo possível visualizar o mesmo (...)

Morbid Angel disponibilizam novo vídeo

A banda de death metal Morbid Angel divulgou recentemente um novo vídeo para o tema "Garden Of Disdain", pertencente ao mais recente álbum, "Kingdoms Disdained". (...)

Alice In Chains lançam vídeo para novo single

"The One You Know" é o novo single dos Alice In Chains, que pode ser ouvido no vídeo acima. A faixa faz parte do próximo álbum da banda, (...)


Cada vez há mais bandas de death metal a tentarem reviver o estilo mais old school deste sub-género. Apesar dos Festering praticarem essa classe de death metal, o interessante deles é que vêm da old school antes mesmo de existir esta denominação, no que a esse género diz respeito. O que eu quero dizer é que a banda de Santo António dos Cavaleiros formou-se em 1992, como um projecto paralelo a membros de Extreme Unction que acabou por terminar algures a meio dessa década devido às actividades com a “banda principal” dos seus membros. Uns bons anos depois, em 2011, Koja Mutilator, Pedro Gonçalves e João Galego (dois membros e um ex-membro dos Extreme Unction), ressuscitam os Festering da sua fétida sepultura acrescentando Norberto Arrais dos Filii Nigrantium Infernalium, Ironsword e Grog (só para nomear alguns) ao line-up, lançando uma cassete demo no passado ano de 2012 para marcarem o seu regresso com espírito dos anos 90.

Mantendo a atitude dos últimos anos do século XX, lançaram agora este EP de 7’’ composto por três temas. O primeiro é apenas uma intro completamente irrelevante que tem a infelicidade de ter sido baptizada com o nome da banda, mas nada a temer aqui, pois o tema-título segue de imediato mostrando que o sangue que corre nos Festering mantêm-se limpo de quaisquer novas tendências de depois da época em que eles nasceram. Brutal e bem apelativo ao headbanging, “Exhumed” é um tema que irá satisfazer especialmente quando tocado ao vivo. “Submerged in Emptiness” é o outro tema deste EP que se destaca por um acompanhamento melódico a dada parte que só dá ainda mais garra à faixa, momentos lentos e arrastadores e um solo simples, mas bastante eficaz na parte final.

“Exhumed” é um pequeno aperitivo, mesmo pequeno, mas sólido no duo que segue à intro, revelando que os Festering são realmente uma banda a ter em conta nos meandros do death metal mais “vintage”. Uma última coisa interessante: este EP está disponível para download gratuito no site oficial da banda, por isso, fãs de death old school só têm a ganhar em fazer uma visita e experimentar.

Nota: 6.6/10

Review por Tiago Neves