• Facebook
  • Myspace
  • Twitter
  • Google+

Candidata-te

A Metal Imperium encontra-se a recrutar colaboradores para redação de notícias, reviews de álbuns ou entrevistas a bandas.

Quem quiser fazer parte desta equipa poderá candidatar-se contactando-nos por email: metalimperium@gmail.com



Reviews Mais Recentes

Uada - Cult of the Dying Sun


Occultum - In Nomine Rex Inferni


Monolithe - Nebula Septem


Morag Tong - Last Knell of Om


Haunted - Dayburner


Djevel - Blant Svarte Graner


Raw Decimating Brutality - Era Matarruana


Czort - Czarna Ewangelia


Kinetik - Critical Fallout


Dopethrone - Transcanadian Anger


Abhor - Occulta ReligiO


Refuge - Solitary Men


Sevendust - All I See Is War


Black Fast - Spectre of Ruin


Sleep - The Sciences


Tomb Mold - Manor of Infinite Forms


Taphos - Come Ethereal Somberness


Wrath Sins - The Awakening


Judas Priest - Firepower


Bleeding Through - Love Will Kill All


Ihsahn - Àmr


Alkaloid - Liquid Anatomy


Filii Nigrantium Infernalium - "Fellatrix


Amorphis - Queen of Time


Ghost - Prequelle


Angelus Apatrida - Cabaret de la Guillotine


Bleed From Within - Era


Painted Black - Raging Light


Necrobode - Metal Negro da Morte


Pestilence - Hadeon


Tortharry - Sinister Species


Inframonolithium - Mysterium


Somali Yacht Club - The Sea


Dallian - Automata


Concertos em Destaque

Tradutor

Entrevistas Mais Recentes



































The Sword vão entrar num hiato

Corte quase fatal no futuro dos The Sword, uma vez que a banda texana anunciou há dias que fará uma pausa, embora tenha lançado ainda em março (...)

Hate Eternal lançam áudio de "Nothingness of Being"

A banda de death metal irá lançar o novo álbum, Upon Desolate Sands, a 26 de outubro através da Season Of Mist. Depois de desvendar (...)

Alterações no alinhamento do Festival Bardoada e Ajcoi

O Festival Bardoada e Ajcoi anunciou a substituição de duas das bandas previamente confirmadas. (...)

Marky Ramone em Portugal no próximo mês

O veterano Marky Ramone tem dois espectáculos marcados para o nosso país, que serão nada mais, nada menos, do que o warm up para o Lisbon Tattoo Rock Fest 2018. (...)

Behemoth lançam nova música "Wolves Ov Siberia"

"Wolves Ov Siberia", o novo vídeo de Behemoth, pode ser visto acima. A música faz parte do próximo álbum da banda, "I Loved You At Your Darkest", (...)


Parece que a Academia Recreativa de Linda-a-Velha voltou para ficar. Um dos mais míticos locais do movimento underground nacional, que aos poucos foi desaparecendo um pouco do mapa, vai já no segundo evento no espaço de um mês e ainda agora o ano começou. Outro factor que ainda veio salientar mais este regresso marcante foi a quantidade de pessoas que esteve presente neste LVHC Fest, bem acima do limite razoável do espaço, o que poderia ter tomado contornos mais arriscados, mas que felizmente acabou em bem.

A abrir esta noite mítica, e a dar também mostras de que a nova escola tem tanto valor como a antiga, os PUSH de Alvalade vieram despejar o seu Hardcore musculado e trabalhado, com o primeiro álbum Breathe in the Future... Breathe Out The Past na bagagem e o novo registo a dar os primeiros sinais de vida. Com a habitual cover de Ceremony e passagens a remeter a riffs de Metallica dos anos 80, houve ainda tempo para algumas faixas novas que aumentam bastante as expectativas em relação ao próximo lançamento desta jovem banda, sendo também de notar a habitual coesão e presença monstruosa em palco.


De seguida vieram os Sarna de Leiria. Esta banda, com um percurso algo atribulado, foi formada em 1996, mas após 4 anos de existência cessou actividades. Em 2013 regressaram aos concertos e desta vez vieram a Linda-a-Velha relembrar o seu hardcore punk rápido e sujo, na onda de Ratos de Porão, dos quais ainda fizeram uma versão em jeito de homenagem. Descontraídos mas coesos, mostram que não são precisos grandes truques para dar um bom concerto de punk, tal como dita a lei, com corpos e cerveja a voar. Sem dúvida um nome a ter em conta no panorama punk nacional.

E o que poderia ser melhor para dar seguimento a esta grande, e lotada, noite? Uma banda da casa. Os Mordaça, de Linda-a-Velha, contam já com quase 10 anos de formação e estrada, apesar de apenas contarem com um lançamento de estúdio. Uma banda que sofreu algumas alterações na formação ao longo da carreira, mostra-se agora em excelente forma, a preparar um novo álbum intitulado "Sempre a Lutar". Com uma performance com pouco a apontar, conseguiram manter o excelente ambiente que se vivia na Academia com uma postura descontraída enquanto despejavam o seu Hardcore Punk da velha escola, contagiando todos os presentes que iam ajudando nas letras, enquanto outros continuavam o desfile de stagedives que se fez sentir durante toda a noite.

E depois de uma (demasiado) longa espera, os míticos Mata-Ratos. Uma das bandas mais aguardadas pelos presentes, fizeram valer a espera. Foi um desfilar de clássicos desde "Deus, Pátria e Família" até ao "És um Homem ou És um Rato", deliciando todos os que ali estavam para fazer parte desta festa. Passando por temas como "C.C.M" e "Última Rodada", ficaram ainda a faltar alguns outros clássicos, provavelmente devido ao atraso no início do seu alinhamento. No entanto, os stagedives não pararam e o bom ambiente muito menos, com toda a sala a cantar em uníssono com Miguel Newton, já um ícone do punk português.

Para fechar esta noite de festa, mais uma banda da casa, com 20 anos de existência, os Trinta & Um vieram estremecer os alicerces da Academia de Linda-a-Velha com 60 minutos do seu Hardcore Punk à antiga e em português. Uma das mais emblemáticas bandas do underground nacional, foram um dos pilares do desenvolvimento do movimento que se fez sentir naquela zona noutros tempos. Agora, em 2015, apresentam-se de cara lavada e mais coesos que nunca, com Deris na guitarra, Rato na bateria, Metralha no baixo e Zé Goblin na voz. Clássico atrás de clássico, não faltaram temas como "O Cavalo Mata", do primeiro lançamento da banda com o mesmo título, "Não Há Regresso" e "Coma 85". Com a Academia a rebentar pelas costuras, todos os presentes entoaram as letras durante o enorme alinhamento dos Trinta & Um, mostrando mais uma vez o carinho que o público de Linda-a-Velha, e não só, sente por esta banda. Aguardamos agora, 11 anos depois do último "Terceiro Assalto", por um novo lançamento da mítica banda de Linda-a-Velha.


Texto por Afonso Veiga
Fotografia por Tiago Barbas
Agradecimentos: Trinta & Um