• Facebook
  • Myspace
  • Twitter
  • Google+

Reviews Mais Recentes


Rasgo - Ecos da Selva Urbana


Terror Empire - Obscurity Rising


Painted Black - Raging Light


Wolves in the Throne Room - Thrice Woven


Celeste - Infidèle(s)


Moonspell - 1755


Battle Dagorath - II - Frozen Light of Eternal Darkness


Kalmankantaja - Routamaa


Archspire - Relentless Mutation


Tod Huetet Uebel - N.A.D.A


Benthik Zone - Via Cosmicam ad Europam ab Gelid Inferis


Acherontas - Amarta अमर्त (Formulas of Reptilian Unification Part II)


Progenie Terrestre Pura - oltreLuna


Vita Imana - El M4l


Overkill - The Grinding Wheel


Time Lurker - Time Lurker


Warbringer - Woe to the Vanquished



Akercocke - Renaissance in Extremis


Neige et Noirceur - Verglapolis


Concertos em Destaque

Tradutor

Entrevistas Mais Recentes



































System of a Down têm músicas novas

Afinal não há nenhum problema com os System of a Down. É Serj Tankian quem o afirma, numa entrevista recente concedida à Rolling Stone. Na verdade a banda tem músicas novas, (...)

Simbiose, Alien Squad, Dokuga atuam no Porto em fevereiro

Os nacionais Simbiose, Alien Squad e Dokuga vão tocar no Metalpoint (Porto), no dia 3 de fevereiro do próximo ano.(...)

Hourswill apresentam novo álbum na companhia dos Inner Blast, The Chapter e Scarmind

Os Hourswill apresentam ao vivo o seu mais recente álbum, "Harm Full Embrace", dia 13 de janeiro, no RCA Club em Lisboa.(...)

Kamelot lançam novo vídeo e revelam novidades para 2018

Os Kamelot disponibilizaram o novo vídeo do tema "Under Grey Skies", que conta com a participação da vocalista dos Delain, Charlotte Wessels.(...)

Graveyard a gravar novo álbum

Os suecos Graveyard encontram-se nos Park Studios, em Estocolmo, a gravar o seu próximo álbum de estúdio, sucessor de "Innocence and Decadence", lançado no ano 2015. (...)


Hardcore! Antes de ser moda, antes de ser em alguns casos específicos uma autêntica praga, o hardcore já existia e em grande parte das suas encarnações de forma pura. Os exemplos portugueses são bastantes de bandas que fazem parte da história da nossa música pesada – e aí incluímos todos os géneros porque a questão das tribos se não fazia sentido no passado, agora muito menos fazem. Linda-A-Velha foi um dos grandes centros do hardcore nacional – não desvalorizando todas as outras propostas que surgiram doutras zonas do país.

Os Mordaça surgem como justos representantes da zona de Linda-A-Velha e apesar deste ser apenas o seu segundo álbum de originais, a sua prestação em cima dos palcos já é lendária. “Sempre A Lutar” – e que melhor título para um álbum de hardcore nacional que representa, tal como é próprio da sua génese, a denúncia das dificuldades e atrocidades sociais a que o povo está sujeito? – surpreende logo pela sua produção forte a que não se fica a dever em nada ao que nos chega lá de fora. Produção forte mas orgânica que não distrai da mensagem, pelo contrário, reforça-a pelo intensidade do seu peso. “Demência” é uma abertura de luxo num álbum que promete fazer história dentro do seu género.

Há aqui muitos petardos e muitos dedos apontados, sendo que “Ovelha Mansa”, com a participação de Inês Menezes, dos Nostragamus, no refrão é aquele que toca o dedo na ferida, um tema quase profético tendo em conta os resultados das últimas eleições e os níveis elevados de abstenção. “Síndrome Do comodismo”, “De Olhos Fechado”s e o tema título são outras boas representações do espírito crítico e combativo dos Mordaça. Mesmo para aqueles que não gostam de retirar sentido das letras, musicalmente “Sempre A Lutar” é um álbum forte de hardcore onde todas as músicas se revelam viciantes, sem deixar de ter um solo com bastante feeling aqui e ali. Bem vindos de volta, esperemos que não fiquem ausentes tanto tempo como até aqui, mas se ficarem… fica a mensagem: “Sempre A Lutar”!


Nota: 8.5/10


Review por Fernando Ferreira