• Facebook
  • Myspace
  • Twitter
  • Google+

Reviews Mais Recentes


Rasgo - Ecos da Selva Urbana


Terror Empire - Obscurity Rising


Painted Black - Raging Light


Wolves in the Throne Room - Thrice Woven


Celeste - Infidèle(s)


Moonspell - 1755


Battle Dagorath - II - Frozen Light of Eternal Darkness


Kalmankantaja - Routamaa


Archspire - Relentless Mutation


Tod Huetet Uebel - N.A.D.A


Benthik Zone - Via Cosmicam ad Europam ab Gelid Inferis


Acherontas - Amarta अमर्त (Formulas of Reptilian Unification Part II)


Progenie Terrestre Pura - oltreLuna


Vita Imana - El M4l


Overkill - The Grinding Wheel


Time Lurker - Time Lurker


Warbringer - Woe to the Vanquished



Akercocke - Renaissance in Extremis


Neige et Noirceur - Verglapolis


Concertos em Destaque

Tradutor

Entrevistas Mais Recentes



































System of a Down têm músicas novas

Afinal não há nenhum problema com os System of a Down. É Serj Tankian quem o afirma, numa entrevista recente concedida à Rolling Stone. Na verdade a banda tem músicas novas, (...)

Simbiose, Alien Squad, Dokuga atuam no Porto em fevereiro

Os nacionais Simbiose, Alien Squad e Dokuga vão tocar no Metalpoint (Porto), no dia 3 de fevereiro do próximo ano.(...)

Hourswill apresentam novo álbum na companhia dos Inner Blast, The Chapter e Scarmind

Os Hourswill apresentam ao vivo o seu mais recente álbum, "Harm Full Embrace", dia 13 de janeiro, no RCA Club em Lisboa.(...)

Kamelot lançam novo vídeo e revelam novidades para 2018

Os Kamelot disponibilizaram o novo vídeo do tema "Under Grey Skies", que conta com a participação da vocalista dos Delain, Charlotte Wessels.(...)

Graveyard a gravar novo álbum

Os suecos Graveyard encontram-se nos Park Studios, em Estocolmo, a gravar o seu próximo álbum de estúdio, sucessor de "Innocence and Decadence", lançado no ano 2015. (...)


É engraçada o parodoxo do black metal. Se por um lado é um dos estilos musicais mais herméticos da música extrema, por outro, é também aquele que mais experimentações lança sobre o mundo. Os Movimento D'Avanguardia Ermetico são um belo exemplo de como é possível estar no meio, lançando algo que é simultaneamente convencional mas que ao mesmo tempo não se enquadra no estilo. Com dez anos de carreira, a banda chega agora ao terceiro álbum e se uma primeira música, basicamente spoken word, entitulada "La Caduta" é capaz de afastar grande parte dos apreciadores de black metal mais tradicionais, "Risonanza Originaria Del Tremendo" já proporciona o movimento inverso. Um longo tema de black metal mais tradicional que mesmo assim ainda consegue encaixar alguns pormenores mais próximos do doom metal experimental do que do black metal, não fossem os constantes tremolo pickings.

A questão principal que surge com este "Torri Del Silenzio" não é propriamente a pureza do seu black metal mas, como sempre, a sua qualidade. E logo ao já mencionado atrás primeiro tempo, deparamos-nos com uma questão que é definitiva. Não basta fazer música de dez minutos, é preciso dotar esses mesmos dez minutos de qualidade que impeçam que se passe para outra coisa qualquer. E se o elemento hipnótico e repetitivo tem excelentes resultados quando usado correctamente, também pode ser uma boa solução para aqueles que têm insónias. Infelizmente é uma tendência que se vai encontrando no resto do trabalho, que é apenas composto por cinco faixas, sendo que quatro delas têm mais de dez minutos.

É de salutar a aproximação aos elementos mais clássicos e underground do estilo, com uma produção podre mas ainda assim ideal para as musicas, no entanto, raramente este trabalho atinge em cheio na mouche, tirando nas melodias melancólicas da "La Cresta Verso Grauhaupt" que mesmo assim, nos seus mais de quinze minutos, podem submeter os menos preparados para um coma profundo. As vocalizações cantadas em italiano não ajudam, não propriamente devido à linguagem em si mas mais principalmente pela voz (ou tipo de abordagem vocal) que as declama. Poderá interessar aos mais fanáticos do black metal lo-fi e depressivo mas mesmo assim, não será algo para se ouvir todos os dias. a não ser que se queira fazer uma cura de sono.


Nota: 5.9/10

Review por Fernando Ferreira