• Facebook
  • Myspace
  • Twitter
  • Google+

Reviews Mais Recentes

Symphony X - Underworld




Riverside - Love Fear And The Time Machine




Amorphis - Under The Red Cloud





Flayed - Monster Man




Ivanhoe - 7 Days




Elferya - Eden's Fall




Spektr - The Art To Disappear




Rab - Rab 2




Exumer - The Raging Tides




Tales Of The Tomb - Volume One Morprhas




Dimino - Old Habits Die Hard




Roxxcalibur - Gems Of The NWOBHM





The Fifth Alliance - Death Poems




Augrimmer - Moth And The Moon




The Great Tyrant - The Trouble With Being Born




Weeping Silence - Opus IV - Oblivion




Watercolour Ghosts - Watercolour Ghosts




Hexx - Under The Spell/ No Escape




Deseized - A Thousand Forms Of Action




Razor Rape - Orgy In Guts




Sadist - Hyaena




Xandria - Fire & Ashes




Alien Syndrome 777 - Outer




Asylum Pyre - Spirited Away




Canyon Of The Skell - Canyon Of The Skull




Chron Goblin - Blackwater




Extreme Cold Winter - Paradise Ends Here

Metal Imperium - Merchandise

.
Para encomendar, enviar email para: metalimperium@gmail.com

Concertos em Destaque

Visitantes

Tradutor

Entrevistas Mais Recentes



















Entrevista aos Wintersun

Os Wintersun estão de volta mas só acede ao novo álbum “The Forest Seasons” quem participar na campanha de crowdfunding que se iniciou no dia 1 de março e que terminará no dia 31 do mesmo mês. (...)

Vallenfyre revelam detalhes do novo álbum

O próximo álbum dos Vallenfyre, intitulado "Fear Those Who Fear Him", será lançado a 2 de Junho pela Century Media Records. O 3º álbum da banda foi gravado (...)

Hail Of Bullets chegam ao fim

A guerra dos Hail Of Bullets chegou ao fim. A banda holandesa colocou um término na sua luta e para a história ficaram álbuns como "...of Frost and War", (...)

Novembers Doom lançam novo vídeo

Os Novembers Doom, banda oriunda de Chicago, acaba de lançar um novo vídeo com a letra. Retirada do seu décimo álbum, “Zephyr”, foi, desta feita, a escolhida.(...)

Testament preparam lançamento de novo álbum e livro

Apesar do seu último álbum "Brotherhood Of The Snake" ter sido lançado há apenas cinco meses, os Testament encontram-se já a trabalhar no seu sucessor. A revelação surgiu numa entrevista(...)


Os Heavenwood estão a atravessar um excelente momento na sua carreira, mostrando e provando de que a perseverança compensa aqueles que não param de lutar por aquilo que acreditam. A banda lançou dois excelentes álbuns, incontornáveis no panorama nacional e internacional dentro do género do metal gótico mais pesado e acabou por colapsar devido a uma série de problemas internos e externos à banda. No entanto, e para alegria de muitos fãs inconformados com o fim inglório da banda, temos aqui este “Redemption” que marcou o regresso da banda à vida, sendo um álbum extremamente importante já que marca um novo começo, que em alguns aspectos, para a banda, foi quase como começar do zero após alguns anos de ausência.

Criativamente, “Redemption” é alheio a tudo isto e mostra-se bastante sólido, com fome de mostrar novamente aquilo que a banda já tinha provado (logo no excelente e clássico imortal “Diva”). Segue a tradição de “Swallow” no que diz aos convidados de luxo, tendo aqui a guitarra de Gus G. (Firewind e Ozzy Osbourne) na “One Step To Devotion”, a guitarra de Jeff Waters (Annihilator) na Bridge To Neverland, a voz de Tijs Vanneste (Oceans Of Sadness) na “Obsolete” e a voz de Liv Kristine (ex-Theatre Of Tragedy e ex-Leave’s Eyes) na “Scent In The Spiral” mas segue por um caminho mais moderno ou actual do que o anterior álbum de originais mostrando-se mais pesado.

Também tem que ser salientada a participação de Daniel Cardoso na bateria e na cadeira de produtor que em muito contribuiu para que o som fosse tão potente, sendo que a mistura e masterização ficou a cargo do mítico Jens Bogren. É um álbum ambicioso que tem a apoiá-lo matéria prima forte o suficiente para suster essas mesmas ambições. Passados quase dez anos desde o seu lançamento, nenhuma destas músicas mostra sinal de cansaço ou envelhecimento. Depois de voltarem à casa de partida, a Massacre Records, “Redemption” tem finalmente o tratamento que merece e estará disponível para muitos mais fãs por todos os cantos do mundo. A justiça tardou mas felizmente não falhou.


Nota: 8.6/10

Review por Fernando Ferreira