• Facebook
  • Myspace
  • Twitter
  • Google+

Total Pageviews

Reviews Mais Recentes


Amorphis - Queen of Time


Ghost - Prequelle


Angelus Apatrida - Cabaret de la Guillotine


Bleed From Within - Era


Painted Black - Raging Light


Necrobode - Metal Negro da Morte


Pestilence - Hadeon


Tortharry - Sinister Species


Inframonolithium - Mysterium


Somali Yacht Club - The Sea


Dallian - Automata


Candidata-te

A Metal Imperium encontra-se a recrutar colaboradores para redação de notícias, reviews de álbuns ou entrevistas a bandas.

Quem quiser fazer parte desta equipa poderá candidatar-se contactando-nos por email: metalimperium@gmail.com



Concertos em Destaque

Tradutor

Entrevistas Mais Recentes



































Ghost estreiam duas novas músicas ao vivo

Os Ghost fizeram um inicio "oficioso" da sua próxima digressão mundial no "The Roxy", em Hollywood, Los Angeles, e presentearam os fãs que(...)

Roy Khan confessa que sair dos Kamelot foi a "melhor decisão" que alguma vez tomou

Roy Sætre Khantatat, conhecido como Roy Khan, ou mais conhecido como o antigo vocalista dos Kamelot, falou à italiana SpazioRock (...)

Epica lançam vídeo para “Universal Love Squad”

Os holandeses lançaram recentemente o vídeo para a canção “Universal Love Squad”, sendo possível visualizar o mesmo (...)

Morbid Angel disponibilizam novo vídeo

A banda de death metal Morbid Angel divulgou recentemente um novo vídeo para o tema "Garden Of Disdain", pertencente ao mais recente álbum, "Kingdoms Disdained". (...)

Alice In Chains lançam vídeo para novo single

"The One You Know" é o novo single dos Alice In Chains, que pode ser ouvido no vídeo acima. A faixa faz parte do próximo álbum da banda, (...)



Warnot é o nome do projecto visionário do guitarrista Bjorn Eliasson, projecto esse a que se decidiu dedicar de corpo e alma após a sua saída dos Cloudscape em 2009. A sonoridade deste álbum é dividida entre os meandros do metal progressivo e uma espécie de doom teatral, o que demonstra tanto o lado tanto técnico e perfeccionista, como o lado mais obscuro dos temas que podemos aqui ouvir.

Com um toque de terror na sua atmosfera, o tema "Raptures of the Deep" é o que marca o início desta viagem tenebrosa de "His Blood Is Yours", com uma sonoridade progressiva e que pode ser facilmente relacionada com Cloudscape, mas que possui nuances um pouco mais negras, nomeadamente a nível dos teclados. Uma particularidade que evidencia e dá um toque sempre fresco a este registo é o facto de ter vários vocalistas convidados, dando uma variedade vocal bastante interessante e dinâmica ao longo do álbum. Tal pode ser visto no tema "The Crow Will Die" onde, a par de uma voz semelhante à de Russel Allen, encontramos também a presença de guturais que vão adensando o carácter mais negro dos temas. "A Late Night Dance" traz-nos uma entrada triunfante com teclados épicos que dominam a composição, embora o ponto forte esteja nas guitarras e nos solos de Bjorn que se mostram como um contraste de beleza na escuridão, o que acrescenta um contraste sonoro bastante interessante. Com uma linda introdução de piano, "New York" é um momento mais suave neste álbum com mais destaque para riffs mais harmónicos e melodiosos de Eliasson, proporcionando um momento mais introspectivo ao ouvinte. "The Patriot" é dos temas onde, a nível de guitarra, os solos de Bjorn Eliasson atingem o expoente, sendo uma das faixas com os melhores solos de guitarra de "His Blood Is Yours".

Em suma, este é um registo que nos traz uma dualidade interessante no seu âmago, o que faz com que ao ouvi-lo, ele soe sempre refrescante, alternando entre estados de alma ora iluminados, ora mais enegrecidos.

Nota: 8/10

Review por Ruben Mineiro