• Facebook
  • Myspace
  • Twitter
  • Google+

Total Pageviews

Reviews Mais Recentes


Amorphis - Queen of Time


Ghost - Prequelle


Angelus Apatrida - Cabaret de la Guillotine


Bleed From Within - Era


Painted Black - Raging Light


Necrobode - Metal Negro da Morte


Pestilence - Hadeon


Tortharry - Sinister Species


Inframonolithium - Mysterium


Somali Yacht Club - The Sea


Dallian - Automata


Candidata-te

A Metal Imperium encontra-se a recrutar colaboradores para redação de notícias, reviews de álbuns ou entrevistas a bandas.

Quem quiser fazer parte desta equipa poderá candidatar-se contactando-nos por email: metalimperium@gmail.com



Concertos em Destaque

Tradutor

Entrevistas Mais Recentes



































Ghost estreiam duas novas músicas ao vivo

Os Ghost fizeram um inicio "oficioso" da sua próxima digressão mundial no "The Roxy", em Hollywood, Los Angeles, e presentearam os fãs que(...)

Roy Khan confessa que sair dos Kamelot foi a "melhor decisão" que alguma vez tomou

Roy Sætre Khantatat, conhecido como Roy Khan, ou mais conhecido como o antigo vocalista dos Kamelot, falou à italiana SpazioRock (...)

Epica lançam vídeo para “Universal Love Squad”

Os holandeses lançaram recentemente o vídeo para a canção “Universal Love Squad”, sendo possível visualizar o mesmo (...)

Morbid Angel disponibilizam novo vídeo

A banda de death metal Morbid Angel divulgou recentemente um novo vídeo para o tema "Garden Of Disdain", pertencente ao mais recente álbum, "Kingdoms Disdained". (...)

Alice In Chains lançam vídeo para novo single

"The One You Know" é o novo single dos Alice In Chains, que pode ser ouvido no vídeo acima. A faixa faz parte do próximo álbum da banda, (...)


Da Grécia surgem os Bacchnalia com um death metal tão poderoso que a entrada com o tema homónimo até faz tremer os mais desprevenidos. O que há desde já a assinalar é a pujança da produção deste trabalho que é capaz de destruir um pequeno país. Com um som assim, é impossível o amante da porrada pura não ficar logo fascinado. O seu death metal também ajuda a cativar, mostrando potencialidades para se tornar uma das grandes bandas da Grécia. É certo que o estilo não tem tanta tradição no death metal como no black metal, mas também é certo que este álbum arrebata qualquer fã do estilo.

Qualquer uma destas músicas é bombásticas, mas existem algumas que se destacam. "Satyr King", por exemplo, além de ter groove também uma certa mística do médio oriente, muito subliminar, mas que para os mais atentos é bem perceptível. Esta é uma palavra recorrente quando falamos dos Bacchanalia: groove. O que poderá ser perigoso, porque os mais receosos poderão pensar que se trata de algo "nu2 ou "core", cheio de pessoal aos saltos e breakdowns e coisas assim. Não poderia estar mais longe da realidade. "Rise Again" tem montes de groove mas mesmo assim ainda nos brinda com um inspirado solo de guitarra no final, cheio de feeling.

Tecnicamente é um trabalho muito seguro, em qualquer um dos instrumentos, embora seja obviamente as guitarras que dão mais nas vistas. De qualquer forma, não se poderá negar a cadência certeira da bateria e como o baixo realmente captura os sons mais graves, enchendo bem o som e ajudando ao já-mencionado-até-exaustão groove. Em termos de dinâmica, o álbum também está bem conseguido, não deixando nunca de se focar no death metal propriamente dito. Podendo parecer uma contradição, este é um trabalho moderno de death metal old school, o que para muitos equivale a muitas horas de audições viciantes.


Nota: 8/10

Review por Fernando Ferreira