• Facebook
  • Myspace
  • Twitter
  • Google+

Total Pageviews

Reviews Mais Recentes


Amorphis - Queen of Time


Ghost - Prequelle


Angelus Apatrida - Cabaret de la Guillotine


Bleed From Within - Era


Painted Black - Raging Light


Necrobode - Metal Negro da Morte


Pestilence - Hadeon


Tortharry - Sinister Species


Inframonolithium - Mysterium


Somali Yacht Club - The Sea


Dallian - Automata


Candidata-te

A Metal Imperium encontra-se a recrutar colaboradores para redação de notícias, reviews de álbuns ou entrevistas a bandas.

Quem quiser fazer parte desta equipa poderá candidatar-se contactando-nos por email: metalimperium@gmail.com



Concertos em Destaque

Tradutor

Entrevistas Mais Recentes



































Ghost estreiam duas novas músicas ao vivo

Os Ghost fizeram um inicio "oficioso" da sua próxima digressão mundial no "The Roxy", em Hollywood, Los Angeles, e presentearam os fãs que(...)

Roy Khan confessa que sair dos Kamelot foi a "melhor decisão" que alguma vez tomou

Roy Sætre Khantatat, conhecido como Roy Khan, ou mais conhecido como o antigo vocalista dos Kamelot, falou à italiana SpazioRock (...)

Epica lançam vídeo para “Universal Love Squad”

Os holandeses lançaram recentemente o vídeo para a canção “Universal Love Squad”, sendo possível visualizar o mesmo (...)

Morbid Angel disponibilizam novo vídeo

A banda de death metal Morbid Angel divulgou recentemente um novo vídeo para o tema "Garden Of Disdain", pertencente ao mais recente álbum, "Kingdoms Disdained". (...)

Alice In Chains lançam vídeo para novo single

"The One You Know" é o novo single dos Alice In Chains, que pode ser ouvido no vídeo acima. A faixa faz parte do próximo álbum da banda, (...)


Os Crisalida podem não ter grande projecção internacional mas no que diz respeito à América do Sul, mais concretamente do Chile, o país de origem da banda, é uma das mais sólidas bandas de metal progressivo. E não é preciso muito da audição deste “Terra Ancestral”, o quatro trabalho de originais da banda, para se chegar a essa conclusão. Na verdade, basta apenas ouvir o primeiro tema, “Cabo de Hornos” para que o caro ouvinte ficar logo automaticamente rendido ao metal progressivo da banda.

Para quem não os ouvir e gostar de fazer juízos com base na imagem, será fácil ficar preso no meio de preconceitos que não correspondem à verdade – o facto de terem uma vocalista poderá levar a que se pense que se trata de mais uma banda de metal gótico que não acrescenta nada em relação às outras todas que povoam a América Latina. O metal progressivo apresentado aqui é de luxo, e a abordagem vocal da vocalista Cinthia Santibáñez cai como uma luva na música que oscila entre a solidez do rock mais moderno e o cuidado com os detalhes do metal progressivo.

Não se poderá dizer que a abordagem aqui é para o lado da técnica, como muitas bandas de metal e rock progressivo optam. A escolha da banda recai na força das melodias, dos arranjos e estruturas das músicas que são de topo. É um álbum imediato sem ter músicas imediatas. Isto é, ao ouvir este trabalho pela primeira vez, é impossível não gostar dele, embora não tenha nenhuma música que fique especialmente gravada no nosso cérebro. Isto à primeira audição, porque aos poucos o trabalho vai crescendo dentro do ouvinte, deixando ficar mais pedaços de si a cada audição. Uma excelente banda que merece ser mais conhecida na Europa.


Nota: 8/10

Review por Fernando Ferreira