• Facebook
  • Myspace
  • Twitter
  • Google+

Reviews Mais Recentes


Rasgo - Ecos da Selva Urbana


Terror Empire - Obscurity Rising


Painted Black - Raging Light


Wolves in the Throne Room - Thrice Woven


Celeste - Infidèle(s)


Moonspell - 1755


Battle Dagorath - II - Frozen Light of Eternal Darkness


Kalmankantaja - Routamaa


Archspire - Relentless Mutation


Tod Huetet Uebel - N.A.D.A


Benthik Zone - Via Cosmicam ad Europam ab Gelid Inferis


Acherontas - Amarta अमर्त (Formulas of Reptilian Unification Part II)


Progenie Terrestre Pura - oltreLuna


Vita Imana - El M4l


Overkill - The Grinding Wheel


Time Lurker - Time Lurker


Warbringer - Woe to the Vanquished



Akercocke - Renaissance in Extremis


Neige et Noirceur - Verglapolis


Concertos em Destaque

Tradutor

Entrevistas Mais Recentes



































System of a Down têm músicas novas

Afinal não há nenhum problema com os System of a Down. É Serj Tankian quem o afirma, numa entrevista recente concedida à Rolling Stone. Na verdade a banda tem músicas novas, (...)

Simbiose, Alien Squad, Dokuga atuam no Porto em fevereiro

Os nacionais Simbiose, Alien Squad e Dokuga vão tocar no Metalpoint (Porto), no dia 3 de fevereiro do próximo ano.(...)

Hourswill apresentam novo álbum na companhia dos Inner Blast, The Chapter e Scarmind

Os Hourswill apresentam ao vivo o seu mais recente álbum, "Harm Full Embrace", dia 13 de janeiro, no RCA Club em Lisboa.(...)

Kamelot lançam novo vídeo e revelam novidades para 2018

Os Kamelot disponibilizaram o novo vídeo do tema "Under Grey Skies", que conta com a participação da vocalista dos Delain, Charlotte Wessels.(...)

Graveyard a gravar novo álbum

Os suecos Graveyard encontram-se nos Park Studios, em Estocolmo, a gravar o seu próximo álbum de estúdio, sucessor de "Innocence and Decadence", lançado no ano 2015. (...)


Shiraz Lane é um nome muito estranho para uma banda, mas tendo em conta que são finlandeses, se calhar até é algo que tem um significado profundo, mas tendo em conta o feeling boa onda que advém de músicas como "Wake Up", provavelmente não será o caso. "For Crying Out Loud" é o álbum de estreia da banda finlandesa e surge como uma bomba literalmente. Sabem aquela energia que bandas como Aerosmith, Mötley Crüe e sobretudo Guns'N'Roses tinham no início da sua carreira? Pois bem, é o que temos aqui, sem tirar nem por.

Às toneladas.

Não é exagero. E também que não se pense que se trata de ripp-off. É certo que uma música como "Momma's Boy" faz lembrar a "Mr. Brownstone" dos Guns misturada com a "Monkey Business" dos Skid Row, no entanto, a energia é tão própria e fresca que tudo nos soa original, mesmo quando racionalmente sabemos que o que temos aqui é influenciado e apoiado em músicas de há trinta ou pelo menos vinte e muitos anos atrás. A banda surge bem sólida mas temos que destacar obrigatoriamente a prestação sobrehumana do vocalista Hannes Kett e do guitarrista solo Jani Laine - que também ficou a cargo da produção, potente e totalmente apropriada a este tipo de sonoridade.

Claro que alguns poderão encarar músicas como "Begging For Mercy" e "Same Ol Blues" como sendo dispensáveis, mas a verdade é que até mesmo essas se instalam na cabeça em repeat e não querem mais sair, a primeira pela boa onda e disposição enquanto a segunda pela tom azeiteiro. E para cada uma dessas temos temazorros como "Mental Slavery" e o tema título com grandes riffs e aquela sensação de hard rock que só julgávamos encontrar em discos gravados trinta anos atrás. Poderá nem sempre manter esse gás vencedor mas nunca baixa o nível de qualidade o suficiente que ponha em causa esta estreia. Uma excelente surpresa hard rock e uma promessa para o futuro do género, já que a malta dos Shiraz Lane ainda é jovem.


Nota: 8.4/10

Review por Fernando Ferreira