• Facebook
  • Myspace
  • Twitter
  • Google+

Total Pageviews

Reviews Mais Recentes


Amorphis - Queen of Time


Ghost - Prequelle


Angelus Apatrida - Cabaret de la Guillotine


Bleed From Within - Era


Painted Black - Raging Light


Necrobode - Metal Negro da Morte


Pestilence - Hadeon


Tortharry - Sinister Species


Inframonolithium - Mysterium


Somali Yacht Club - The Sea


Dallian - Automata


Candidata-te

A Metal Imperium encontra-se a recrutar colaboradores para redação de notícias, reviews de álbuns ou entrevistas a bandas.

Quem quiser fazer parte desta equipa poderá candidatar-se contactando-nos por email: metalimperium@gmail.com



Concertos em Destaque

Tradutor

Entrevistas Mais Recentes



































Ghost estreiam duas novas músicas ao vivo

Os Ghost fizeram um inicio "oficioso" da sua próxima digressão mundial no "The Roxy", em Hollywood, Los Angeles, e presentearam os fãs que(...)

Roy Khan confessa que sair dos Kamelot foi a "melhor decisão" que alguma vez tomou

Roy Sætre Khantatat, conhecido como Roy Khan, ou mais conhecido como o antigo vocalista dos Kamelot, falou à italiana SpazioRock (...)

Epica lançam vídeo para “Universal Love Squad”

Os holandeses lançaram recentemente o vídeo para a canção “Universal Love Squad”, sendo possível visualizar o mesmo (...)

Morbid Angel disponibilizam novo vídeo

A banda de death metal Morbid Angel divulgou recentemente um novo vídeo para o tema "Garden Of Disdain", pertencente ao mais recente álbum, "Kingdoms Disdained". (...)

Alice In Chains lançam vídeo para novo single

"The One You Know" é o novo single dos Alice In Chains, que pode ser ouvido no vídeo acima. A faixa faz parte do próximo álbum da banda, (...)


Continuando na senda das reedições de Pro-Pain por parte da SPV, aqui vamos nós para o segundo álbum da banda de hardcore/crossover norte-americana. Apesar de "The Truth Hurts" já ter mais de vinte anos de existência, não é aquilo que se pode chamar de lançamento de culto. A banda conseguiu ter algum sucesso mas parece que sempre houve (e talvez continue a haver) alguma resistência à sua fórmula de hardcore thrashado (ou thrash hardcorizado). No que a este álbum diz respeito, mais clássico que isto não pode haver.

A influência metálica está bem presente e este é um bom álbum de introdução à sonoridade da banda, mais ainda que o álbum de estreia. Temos aqui temas que marcam como a faixa de abertura "Make War (Not Love)", a "Put The Lights Out" (onde Gary Meskill faz um dueto com Ice T) e a "One Man Army". Se a primeira soa bem ameaçadora (soava assim em 1994 e continua a soar assim ainda hoje em dia, em 2016) a "One Man Army" é diversão do início ao fim, com o solo de saxofone a ser o climax. O peso é mais abundante assim como a aproximação ao thrash com mais groove, uma característica que viria a marcar ainda mais a banda nos próximos lançamentos.

Remasterizado mas com aquele som característico, este é um álbum clássico que é obrigatório todos os coleccionadores que se prezem não perder esta oportunidade. A banda poderá não estar entre os grandes do hardcore e apesar da febre que (ainda) há hoje em dia, os Pro-Pain acabam por ser postos sempre de lado. Que este clássico do metal sirva para que isso deixe de acontecer e chame a atenção que é devida e justa.


Nota: 8/10

Review por Fernando Ferreira