• Facebook
  • Myspace
  • Twitter
  • Google+

Candidata-te

A Metal Imperium encontra-se a recrutar colaboradores para redação de notícias, reviews de álbuns ou entrevistas a bandas.

Quem quiser fazer parte desta equipa poderá candidatar-se contactando-nos por email: metalimperium@gmail.com



Reviews Mais Recentes

Uada - Cult of the Dying Sun


Occultum - In Nomine Rex Inferni


Monolithe - Nebula Septem


Morag Tong - Last Knell of Om


Haunted - Dayburner


Djevel - Blant Svarte Graner


Raw Decimating Brutality - Era Matarruana


Czort - Czarna Ewangelia


Kinetik - Critical Fallout


Dopethrone - Transcanadian Anger


Abhor - Occulta ReligiO


Refuge - Solitary Men


Sevendust - All I See Is War


Black Fast - Spectre of Ruin


Sleep - The Sciences


Tomb Mold - Manor of Infinite Forms


Taphos - Come Ethereal Somberness


Wrath Sins - The Awakening


Judas Priest - Firepower


Bleeding Through - Love Will Kill All


Ihsahn - Àmr


Alkaloid - Liquid Anatomy


Filii Nigrantium Infernalium - "Fellatrix


Amorphis - Queen of Time


Ghost - Prequelle


Angelus Apatrida - Cabaret de la Guillotine


Bleed From Within - Era


Painted Black - Raging Light


Necrobode - Metal Negro da Morte


Pestilence - Hadeon


Tortharry - Sinister Species


Inframonolithium - Mysterium


Somali Yacht Club - The Sea


Dallian - Automata


Total Pageviews

Concertos em Destaque

Tradutor

Entrevistas Mais Recentes



































The Sword vão entrar num hiato

Corte quase fatal no futuro dos The Sword, uma vez que a banda texana anunciou há dias que fará uma pausa, embora tenha lançado ainda em março (...)

Hate Eternal lançam áudio de "Nothingness of Being"

A banda de death metal irá lançar o novo álbum, Upon Desolate Sands, a 26 de outubro através da Season Of Mist. Depois de desvendar (...)

Alterações no alinhamento do Festival Bardoada e Ajcoi

O Festival Bardoada e Ajcoi anunciou a substituição de duas das bandas previamente confirmadas. (...)

Marky Ramone em Portugal no próximo mês

O veterano Marky Ramone tem dois espectáculos marcados para o nosso país, que serão nada mais, nada menos, do que o warm up para o Lisbon Tattoo Rock Fest 2018. (...)

Behemoth lançam nova música "Wolves Ov Siberia"

"Wolves Ov Siberia", o novo vídeo de Behemoth, pode ser visto acima. A música faz parte do próximo álbum da banda, "I Loved You At Your Darkest", (...)


Mais uma edição do Deathmania, no Hard club, no Porto. O cartaz prometia com os nacionais Cape Torment e Unfleshed, ambas bandas do Porto e com o regresso dos suecos Unleashed, ao nosso país, passados 7 anos.

A noite começou com um ligeiro atraso de trinta minutos relativamente ao que estava inicialmente previsto, mas isso não esmoreceu os fãs que se deslocaram ao Porto. É verdade que a noite estava fria ,mas rapidamente aqueceu com a prestação curta, mas forte e aguerrida dos Cape Torment que acordaram os poucos espectadores que já estavam presentes no recinto. Com o seu death metal, não foi por falta de comunicação com o público que o recinto não começou a mexer, porque nesse campo os Cape Torment estiveram sem falhas, chegaram, tocaram e aproveitaram ao máximo os escassos vinte minutos que tiveram de tempo em palco. Foi uma prestação bem conseguida.

Seguiram-se os também portuenses Unfleshed. Estes, já com mais tempo para tocar, apresentaram ao público o seu death metal agressivo, bem ao estilo de uns Deicide. Mais uma prestação arrasadora e arrebatadora que não deixou nenhum dos presentes indiferente e, com a sua atitude em palco, certamente espantou aqueles que não os conheciam A principal surpresa deste concerto foi a cover de Deicide que fizeram, deixando desse modo muitas pessoas de boca aberta, tal foi a eficácia com que a tocaram. 

Já quase batiam as doze badaladas do dia 29 de outubro, quando subiram ao palco os tão esperados Unleashed. Regressaram a Portugal passados 10 anos desde a última vinda, que tinha acontecido no Cine-Teatro Avenida, em Castelo Branco. A atuação começou com "The Final Silence", do álbum "Shadows In The Deep", seguida de "This Is Our World Now. A banda esteve muito comunicativa com o público. Este respondeu com mosh pits da primeira até à última música da noite, sem parar, correspondendo à atitude que os próprios Unleashed demonstraram em palco, visivelmente satisfeitos por regressar ao nosso país. Com uma setlist variada, ao longo de pouco mais de uma hora de concerto, percorreram praticamente toda a discografia da banda: desde músicas de "Where No Life Dwells", passando por "Victory", "Hell’s Unleashed" e o mais recente "Dawn Of The Nine". Não tardou muito e o vocalista Johnny Hedlund foi buscar o seu corno e bebeu a cerveja que lá estava, como um bom viking. A noite terminou com um encore do qual fizeram parte as músicas "Midvinterblot" e "Hammer Battalion", dos álbuns homónimos. Durante o concerto foi feita a promessa que voltariam mais vezes ao nosso país. Após a excelente actuação com que presentearam os fãs, esperemos que a cumpram, porque o concerto soube a pouco de tão bom que foi.

Texto por Pedro Loureiro