• Facebook
  • Myspace
  • Twitter
  • Google+

Reviews Mais Recentes


Rasgo - Ecos da Selva Urbana


Terror Empire - Obscurity Rising


Painted Black - Raging Light


Wolves in the Throne Room - Thrice Woven


Celeste - Infidèle(s)


Moonspell - 1755


Battle Dagorath - II - Frozen Light of Eternal Darkness


Kalmankantaja - Routamaa


Archspire - Relentless Mutation


Tod Huetet Uebel - N.A.D.A


Benthik Zone - Via Cosmicam ad Europam ab Gelid Inferis


Acherontas - Amarta अमर्त (Formulas of Reptilian Unification Part II)


Progenie Terrestre Pura - oltreLuna


Vita Imana - El M4l


Overkill - The Grinding Wheel


Time Lurker - Time Lurker


Warbringer - Woe to the Vanquished



Akercocke - Renaissance in Extremis


Neige et Noirceur - Verglapolis


Concertos em Destaque

Tradutor

Entrevistas Mais Recentes



































System of a Down têm músicas novas

Afinal não há nenhum problema com os System of a Down. É Serj Tankian quem o afirma, numa entrevista recente concedida à Rolling Stone. Na verdade a banda tem músicas novas, (...)

Simbiose, Alien Squad, Dokuga atuam no Porto em fevereiro

Os nacionais Simbiose, Alien Squad e Dokuga vão tocar no Metalpoint (Porto), no dia 3 de fevereiro do próximo ano.(...)

Hourswill apresentam novo álbum na companhia dos Inner Blast, The Chapter e Scarmind

Os Hourswill apresentam ao vivo o seu mais recente álbum, "Harm Full Embrace", dia 13 de janeiro, no RCA Club em Lisboa.(...)

Kamelot lançam novo vídeo e revelam novidades para 2018

Os Kamelot disponibilizaram o novo vídeo do tema "Under Grey Skies", que conta com a participação da vocalista dos Delain, Charlotte Wessels.(...)

Graveyard a gravar novo álbum

Os suecos Graveyard encontram-se nos Park Studios, em Estocolmo, a gravar o seu próximo álbum de estúdio, sucessor de "Innocence and Decadence", lançado no ano 2015. (...)


Depois do percurso dos Satyricon ter sido conturbado nos últimos anos, devido acima de tudo ao tumor cerebral de Styr, diagnosticado em 2015, esperamos que este novo ano nos traga mais da banda norueguesa, como por exemplo um álbum de covers que continua na forja e pelo qual o seu líder anseia, como explicou ao programa de rádio israelita"Met Al Metal": 

"Isso é algo pelo qual trabalhámos muito, mas tivemos de arrumá-lo na prateleira, porque o 'Deep Calleth Upon Deep' chamou toda a nossa atenção. De modo geral, gostaríamos de pegar nisso novamente. Não sei quando é que isso acontecerá, porque temos mesmo de o querer fazer - não podemos simplesmente fazê-lo, porque é algo que não concluímos; temos de concluí-lo, porque queremos concluí-lo. Quando o deixámos na prateleira, foi porque, embora estivéssemos a gostar, demorou muito tempo e tomou o tempo do álbum ['Deep Streetth Upon Deep'], o que pensávamos ser um projeto mais importante. Por isso, quando desenvolves um projeto como um álbum de covers, deves desenvolvê-lo, porque nesse momento há espaço para isso na tua vida. Mas assim que chegarmos lá, sim, é possível.

Sigurd "Satyr" Wongraven também falou sobre o seu estado de saúde:

"Hoje as coisas estão a correr bem. Naquela altura, tal como para qualquer outra pessoa, a situação não era seguramente boa para mim, mas as coisas estão melhor agora. Nunca tive cancro ou algo assim - eu tive um grande quisto no meu cérebro, o que me causou muitos problemas de saúde. Tens de decifrar estas coisas e lidar com elas, mas, em geral, como adultos, todos nós vamos descobrir que haverá algumas pedras nos nossos caminhos e haverá problemas, algumas coisas com que temos de lidar - seja a nossa própria saúde, mental ou física, ou a saúde das pessoas nas nossas famílias ou coisas assim. Infelizmente, é apenas uma parte da vida e algo com que todos nós temos de lidar a dada altura mais cedo ou mais tarde, e eu lidei com isso da melhor maneira possível, e agora cheguei a um ponto em que sinto que posso lidar muito bem com esta condição. E também aprecio muito a preocupação e os pensamentos de apoio que recebi dos fãs dos Satyricon de todo o mundo - isso é algo que definitivamente me inspirou muito."

Por: Bruno Porta Nova - 03 Janeiro 18