• Facebook
  • Myspace
  • Twitter
  • Google+

Candidata-te

A Metal Imperium encontra-se a recrutar colaboradores para redação de notícias, reviews de álbuns ou entrevistas a bandas.

Quem quiser fazer parte desta equipa poderá candidatar-se contactando-nos por email: metalimperium@gmail.com



Reviews Mais Recentes

Uada - Cult of the Dying Sun


Occultum - In Nomine Rex Inferni


Monolithe - Nebula Septem


Morag Tong - Last Knell of Om


Haunted - Dayburner


Djevel - Blant Svarte Graner


Raw Decimating Brutality - Era Matarruana


Czort - Czarna Ewangelia


Kinetik - Critical Fallout


Dopethrone - Transcanadian Anger


Abhor - Occulta ReligiO


Refuge - Solitary Men


Sevendust - All I See Is War


Black Fast - Spectre of Ruin


Sleep - The Sciences


Tomb Mold - Manor of Infinite Forms


Taphos - Come Ethereal Somberness


Wrath Sins - The Awakening


Judas Priest - Firepower


Bleeding Through - Love Will Kill All


Ihsahn - Àmr


Alkaloid - Liquid Anatomy


Filii Nigrantium Infernalium - "Fellatrix


Amorphis - Queen of Time


Ghost - Prequelle


Angelus Apatrida - Cabaret de la Guillotine


Bleed From Within - Era


Painted Black - Raging Light


Necrobode - Metal Negro da Morte


Pestilence - Hadeon


Tortharry - Sinister Species


Inframonolithium - Mysterium


Somali Yacht Club - The Sea


Dallian - Automata


Concertos em Destaque

Tradutor

Entrevistas Mais Recentes



































The Sword vão entrar num hiato

Corte quase fatal no futuro dos The Sword, uma vez que a banda texana anunciou há dias que fará uma pausa, embora tenha lançado ainda em março (...)

Hate Eternal lançam áudio de "Nothingness of Being"

A banda de death metal irá lançar o novo álbum, Upon Desolate Sands, a 26 de outubro através da Season Of Mist. Depois de desvendar (...)

Alterações no alinhamento do Festival Bardoada e Ajcoi

O Festival Bardoada e Ajcoi anunciou a substituição de duas das bandas previamente confirmadas. (...)

Marky Ramone em Portugal no próximo mês

O veterano Marky Ramone tem dois espectáculos marcados para o nosso país, que serão nada mais, nada menos, do que o warm up para o Lisbon Tattoo Rock Fest 2018. (...)

Behemoth lançam nova música "Wolves Ov Siberia"

"Wolves Ov Siberia", o novo vídeo de Behemoth, pode ser visto acima. A música faz parte do próximo álbum da banda, "I Loved You At Your Darkest", (...)



Finalizando uma sequência de três eventos em três noites consecutivas, todos registados pela Metal Imperium, era chegada a hora de experimentar Rock n’ Roll, pelas mãos dos Nashville Pussy e dos Dollar Llama. O recente RCA Club, bem perto da República da Música (para os leitores se situarem caso não conheçam ainda o espaço), foi o anfitrião de serviço recebendo cerca de uma centena de apaixonados pelo rock em dia de São Valentim, e duas bandas dispostas a darem dois belíssimos concertos independentemente desses números. E assim foi.


Exactamente no horário previsto, o que é sempre de salutar, os lisboetas Dollar Llama deram as boas noites a uma sala que se foi compondo melhor com o decorrer da sua actuação. Com inegáveis atitude e presença, demonstradas pelo à vontade e confiança em palco, estes dignos representantes do rock nacional, que emprestam ao seu som costelas de grunge e sludge, mostraram-se bastante sólidos arrancando algum headbanging à plateia, mas, acima de tudo, granjeando aplausos dos fãs e dos novos adeptos que conseguiram arrecadar com esta boa prestação. Concerto de nível, com boa qualidade de som (felizmente parece que o RCA permite isso mesmo) e tudo pronto para o cabeça de cartaz.





O quarteto americano, composto por dois homens e duas senhoras, passou pelo meio do público, subiu ao palco, muniu-se dos respectivos instrumentos, saudou-nos e arrancou para uma tremenda dose de rock n’ roll sujo, perverso, despreocupado, bem bebido, ou seja, uma autêntica festa com toda a gente a divertir-se, em harmonia com a banda liderada por Blaine Cartwright. Com o novíssimo “Up The Dosage” na bagagem, a visita que lhe fizeram até foi muito limitada, tendo o set passado muito mais pelos álbuns anteriores. Sobre o palco a boa disposição era evidente, e a vontade de “rockar” sem que mais nada importasse estava acima de tudo. É sempre de registar quando os anos vão passando e o espírito das bandas não se ressente. No sangue dos Nashville Pussy não estão fretes nem trabalhos de casa, mas sim honestidade, impulso e loucura. Tudo isso foi claro na noite dos namorados, com whiskey e cerveja à mistura a deixarem o próprio Blaine a ver estrelas, enquanto na guitarra Ruyter Suys dava espectáculo e ouvia uns piropos. “Keep on Fuckin’” abriu o que “You’re Going Down” fechou, passando por “Why Why Why” e “Go Moterfucker Go”, temas que puseram todos a bater o pé e ajudaram o bar do RCA a facturar. Gente simpática, sem grandes vedetismos e uma noite de excelente rock n’ roll!


Texto por Carlos Fonte
Fotografias por Ana Carvalho
Agradecimentos: Prime Artists