• Facebook
  • Myspace
  • Twitter
  • Google+

Reviews Mais Recentes


Rasgo - Ecos da Selva Urbana


Terror Empire - Obscurity Rising


Painted Black - Raging Light


Wolves in the Throne Room - Thrice Woven


Celeste - Infidèle(s)


Moonspell - 1755


Battle Dagorath - II - Frozen Light of Eternal Darkness


Kalmankantaja - Routamaa


Archspire - Relentless Mutation


Tod Huetet Uebel - N.A.D.A


Benthik Zone - Via Cosmicam ad Europam ab Gelid Inferis


Acherontas - Amarta अमर्त (Formulas of Reptilian Unification Part II)


Progenie Terrestre Pura - oltreLuna


Vita Imana - El M4l


Overkill - The Grinding Wheel


Time Lurker - Time Lurker


Warbringer - Woe to the Vanquished



Akercocke - Renaissance in Extremis


Neige et Noirceur - Verglapolis


Concertos em Destaque

Tradutor

Entrevistas Mais Recentes



































System of a Down têm músicas novas

Afinal não há nenhum problema com os System of a Down. É Serj Tankian quem o afirma, numa entrevista recente concedida à Rolling Stone. Na verdade a banda tem músicas novas, (...)

Simbiose, Alien Squad, Dokuga atuam no Porto em fevereiro

Os nacionais Simbiose, Alien Squad e Dokuga vão tocar no Metalpoint (Porto), no dia 3 de fevereiro do próximo ano.(...)

Hourswill apresentam novo álbum na companhia dos Inner Blast, The Chapter e Scarmind

Os Hourswill apresentam ao vivo o seu mais recente álbum, "Harm Full Embrace", dia 13 de janeiro, no RCA Club em Lisboa.(...)

Kamelot lançam novo vídeo e revelam novidades para 2018

Os Kamelot disponibilizaram o novo vídeo do tema "Under Grey Skies", que conta com a participação da vocalista dos Delain, Charlotte Wessels.(...)

Graveyard a gravar novo álbum

Os suecos Graveyard encontram-se nos Park Studios, em Estocolmo, a gravar o seu próximo álbum de estúdio, sucessor de "Innocence and Decadence", lançado no ano 2015. (...)


Os High Llamas estão de volta após quatro anos de ausência. Poderão perguntar, caros amigos metálicos desta nossa/vossa Metal Imperium, quem são os High Llamas e porque é que nunca ouvimos falar deles antes? Bem, os High Llamas são londrinos e nunca ouviram falar deles porque os mesmos tocam uma espécie de pop letárgico que tem muito do art rock tipicamente britânico dos finais da década setenta e inícios da década de oitenta, ainda com um toque aqui e ali, muito levemente (mesmo muito levemente como a faixa “Bramble Black” evidencia) de bossa nova.

Sendo assim é muito natural que os aficionados da metalada os desconhecessem. A dúvida é… será que conseguimos ouvir alguma coisa em “Here Come The Rattling Trees” que interesse e nos cative, mesmo sendo tão fora daquilo que normalmente ouvimos? Depende. É a resposta parva mais comum mas também a mais verdadeira. Se houver alguma apetência para sonoridades dos momentos mais pacatos dos The Beatles misturado com os momentos mais calmos dos The Alan Parsons Project (para enumerar uma das muitas possibilidades) e misturando ainda de vez em quando um pouco do trabalho de Syd Barrett a solo, então este será um álbum que vos agradará definitivamente.

Caso contrário, será algo que tem potencial fortíssimo para vos colocar em coma durante um bom tempo. Dizer que falta energia e potência a este álbum é algo parvo e desnecessário, porque esse não é definitivamente o estilo dos High Llamas, embora essa será a queixa de muito boa gente. É um trabalho em que a sua qualidade não está de todo em causa – podendo ser apenas apontado o facto de soar algo datado – mas sim a forma como nem sempre consegue agarrar o interesse do ouvinte e cativá-lo. Dezasseis faixas, algumas muito curtas e um trabalho que nem se dá conta pela sua passagem. Tanto no bom como no mau sentido.


Nota: 5/10

Review por Fernando Ferreira