• Facebook
  • Myspace
  • Twitter
  • Google+

Total Pageviews

Reviews Mais Recentes


Amorphis - Queen of Time


Ghost - Prequelle


Angelus Apatrida - Cabaret de la Guillotine


Bleed From Within - Era


Painted Black - Raging Light


Necrobode - Metal Negro da Morte


Pestilence - Hadeon


Tortharry - Sinister Species


Inframonolithium - Mysterium


Somali Yacht Club - The Sea


Dallian - Automata


Candidata-te

A Metal Imperium encontra-se a recrutar colaboradores para redação de notícias, reviews de álbuns ou entrevistas a bandas.

Quem quiser fazer parte desta equipa poderá candidatar-se contactando-nos por email: metalimperium@gmail.com



Concertos em Destaque

Tradutor

Entrevistas Mais Recentes



































Ghost estreiam duas novas músicas ao vivo

Os Ghost fizeram um inicio "oficioso" da sua próxima digressão mundial no "The Roxy", em Hollywood, Los Angeles, e presentearam os fãs que(...)

Roy Khan confessa que sair dos Kamelot foi a "melhor decisão" que alguma vez tomou

Roy Sætre Khantatat, conhecido como Roy Khan, ou mais conhecido como o antigo vocalista dos Kamelot, falou à italiana SpazioRock (...)

Epica lançam vídeo para “Universal Love Squad”

Os holandeses lançaram recentemente o vídeo para a canção “Universal Love Squad”, sendo possível visualizar o mesmo (...)

Morbid Angel disponibilizam novo vídeo

A banda de death metal Morbid Angel divulgou recentemente um novo vídeo para o tema "Garden Of Disdain", pertencente ao mais recente álbum, "Kingdoms Disdained". (...)

Alice In Chains lançam vídeo para novo single

"The One You Know" é o novo single dos Alice In Chains, que pode ser ouvido no vídeo acima. A faixa faz parte do próximo álbum da banda, (...)


Salli Antonen, estudante finlandesa da Universidade da Finlândia de Leste, fez uma dissertação que tenta descobrir a razão pela qual os Nickelback são tão "mal-amados" na comunidade do rock/metal, chegando a algumas conclusões que nos deixam a pensar, como por exemplo: "Os Nickelback são demasiado de tudo para poderem ser o suficiente de alguma coisa".

No estudo em questão, traduzido em inglês para "‘Hypocritical bullshit performed through gritted teeth’: Authenticity discourses in Nickelback’s album reviews in Finnish media", Salli analisou artigos presentes na imprensa finlandesa desde que a banda começou em 2000 até ao ano de 2014.

Em entrevista à Buzzfeed, ela explicou que uma das conclusões que retirou deste trabalho, foi o facto da "composição das músicas" da banda canadiana "se adaptar facilmente aos critérios das rádio mais populares", levando à formulação de ideias como "terem sido feitas com ideias de comercializar o produto e menos como uma expressão dos sentimentos profundos", no fundo menos arte e mais produção para as massas.

"Os Nickelback são demasiado de tudo para poderem ser o suficiente de alguma coisa. Eles seguem as expectativas dos géneros musicais demasiado bem, o que é visto como uma imitação vazia, mas ainda assim sem o fazerem suficientemente bem, o que transmite a ideia de tácticas comerciais de venda, bem como a falha de manter uma identidade sincera". terminou por dizer.

O artigo pode ser comprado aqui.

Por: Carlos Ribeiro - 12 Abril 16