• Facebook
  • Myspace
  • Twitter
  • Google+

Total Pageviews

Reviews Mais Recentes


Amorphis - Queen of Time


Ghost - Prequelle


Angelus Apatrida - Cabaret de la Guillotine


Bleed From Within - Era


Painted Black - Raging Light


Necrobode - Metal Negro da Morte


Pestilence - Hadeon


Tortharry - Sinister Species


Inframonolithium - Mysterium


Somali Yacht Club - The Sea


Dallian - Automata


Candidata-te

A Metal Imperium encontra-se a recrutar colaboradores para redação de notícias, reviews de álbuns ou entrevistas a bandas.

Quem quiser fazer parte desta equipa poderá candidatar-se contactando-nos por email: metalimperium@gmail.com



Concertos em Destaque

Tradutor

Entrevistas Mais Recentes



































Ghost estreiam duas novas músicas ao vivo

Os Ghost fizeram um inicio "oficioso" da sua próxima digressão mundial no "The Roxy", em Hollywood, Los Angeles, e presentearam os fãs que(...)

Roy Khan confessa que sair dos Kamelot foi a "melhor decisão" que alguma vez tomou

Roy Sætre Khantatat, conhecido como Roy Khan, ou mais conhecido como o antigo vocalista dos Kamelot, falou à italiana SpazioRock (...)

Epica lançam vídeo para “Universal Love Squad”

Os holandeses lançaram recentemente o vídeo para a canção “Universal Love Squad”, sendo possível visualizar o mesmo (...)

Morbid Angel disponibilizam novo vídeo

A banda de death metal Morbid Angel divulgou recentemente um novo vídeo para o tema "Garden Of Disdain", pertencente ao mais recente álbum, "Kingdoms Disdained". (...)

Alice In Chains lançam vídeo para novo single

"The One You Know" é o novo single dos Alice In Chains, que pode ser ouvido no vídeo acima. A faixa faz parte do próximo álbum da banda, (...)



Os mestres estão de volta depois do aquecimento que foi o EP de apresentação lançado o ano passado. O dito EP deixou-nos com as expectativas bastante elevadas para esta estreia e a mesma não desilude. Para os fãs de Mercyful Fate não têm aqui um seguimento natural, esta é uma entidade nova mas com muito em comum com o a banda clássica de heavy metal dinamarquesa. Não falamos do óbvio (os dois guitarristas que emprestam o nome à banda) nem de Snowy Shaw (que surge como baterista, posição que também já tinha ocupado nos Mercyful Fate), mas sim do facto de estarmos perante heavy metal potente e tradicional.

Duas coisas que parece que não combinam, correcto?

Não poderia estar mais errado. A produção deste trabalho é bem moderna e poderosa mas o espírito é bem tradicional, com temas como "Son Of Satan" e "The Wolf That Feeds At Night" parecerem clássicos de Mercyful Fate, assim como "Pentagram And The Cross". E por muito injusto que possa parecer, terão que se fazer sempre essas comparações com a mítica banda já que acaba por ser o seu legado e os seus fãs que sustentam este regresso - provavelmente seria um trabalho que não teria a mesma atenção, caso não houvesse ligação. Daí o ser injusto já que a banda tem o seu próprio poder e identidade.

Grande parte desse factor deve-se à voz de Sean Peck (dos Cage), que acaba por trazer um feeling norte-americano às suas composições. É um trabalho muito poderoso e principalmente viciante que custa a largar. Para quem só chegou aqui agora, provavelmente estará imune, mas para quem vibrava com a banda que teve como frontman King Diamond, então isto é o mais próximo que se consegue chegar, ainda que, reforçamos, mantenha a sua própria identidade. Um caso curioso de sucesso de uma banda old school sem ser propriamente retro.


Nota: 8.8/10

Review por Fernando Ferreira