• Facebook
  • Myspace
  • Twitter
  • Google+

Total Pageviews

Reviews Mais Recentes


Amorphis - Queen of Time


Ghost - Prequelle


Angelus Apatrida - Cabaret de la Guillotine


Bleed From Within - Era


Painted Black - Raging Light


Necrobode - Metal Negro da Morte


Pestilence - Hadeon


Tortharry - Sinister Species


Inframonolithium - Mysterium


Somali Yacht Club - The Sea


Dallian - Automata


Candidata-te

A Metal Imperium encontra-se a recrutar colaboradores para redação de notícias, reviews de álbuns ou entrevistas a bandas.

Quem quiser fazer parte desta equipa poderá candidatar-se contactando-nos por email: metalimperium@gmail.com



Concertos em Destaque

Tradutor

Entrevistas Mais Recentes



































Ghost estreiam duas novas músicas ao vivo

Os Ghost fizeram um inicio "oficioso" da sua próxima digressão mundial no "The Roxy", em Hollywood, Los Angeles, e presentearam os fãs que(...)

Roy Khan confessa que sair dos Kamelot foi a "melhor decisão" que alguma vez tomou

Roy Sætre Khantatat, conhecido como Roy Khan, ou mais conhecido como o antigo vocalista dos Kamelot, falou à italiana SpazioRock (...)

Epica lançam vídeo para “Universal Love Squad”

Os holandeses lançaram recentemente o vídeo para a canção “Universal Love Squad”, sendo possível visualizar o mesmo (...)

Morbid Angel disponibilizam novo vídeo

A banda de death metal Morbid Angel divulgou recentemente um novo vídeo para o tema "Garden Of Disdain", pertencente ao mais recente álbum, "Kingdoms Disdained". (...)

Alice In Chains lançam vídeo para novo single

"The One You Know" é o novo single dos Alice In Chains, que pode ser ouvido no vídeo acima. A faixa faz parte do próximo álbum da banda, (...)


Nada como um bom hardcore bruto dos queixos para nos animar naqueles momentos em que estamos mais em baixo. É para isso que a música serve, não é? Neste caso é o motivador para mandar tudo às urtigas e para desatar ao biqueiro a tudo o que mexa à frente. E o poder de "Poisonous Legacy" é que é capaz de nos colocar neste estado mesmo que se esteja bem disposto e feliz da vida. Mas mais do que ser um trabalho violento para pessoas violentas, esta é uma reflexão sobre aquilo que somos e daquilo que somos capazes. E por esta não esperavam vocês, certo?

A banda grega Sarabante traz-nos algo mais do que simples hardcore, mais do que aquilo que milhentas bandas nos trazem todos os dias. Juntam-lhe emoção, juntam-lhe um sentimento de coesão entre todas as faixas que faz com que seja difícil deixar de ouvir o álbum. Ou melhor, torna impossível ouvir o trabalho que não seja pela sua sequência, do início ao fim. Quantos álbuns hoje em dia conseguem fazer isso? Muitos poucos.

Por vezes fica-nos a ideia de que algumas das músicas aqui contidas acabam por não ser exploradas ao máximo, deixando a sensação no ar de que falta algo. Felizmente é uma sensação que não perdura apesar de pairar de vez em quando. Nada que mais algumas audições não colmatem. Indicado não só aos amantes de hardcore mas também aos amantes da música pesada em geral. Para descomprimir não há melhor, mas é mais do que uma banda-sonora para um arraial de porrada. É a banda-sonora para a vida em si. Com foco nos momentos em que levamos porrada.


Nota: 7.5/10

Review por Fernando Ferreira