• Facebook
  • Myspace
  • Twitter
  • Google+

Candidata-te

A Metal Imperium encontra-se a recrutar colaboradores para redação de notícias, reviews de álbuns ou entrevistas a bandas.

Quem quiser fazer parte desta equipa poderá candidatar-se contactando-nos por email: metalimperium@gmail.com



Reviews Mais Recentes

Uada - Cult of the Dying Sun


Occultum - In Nomine Rex Inferni


Monolithe - Nebula Septem


Morag Tong - Last Knell of Om


Haunted - Dayburner


Djevel - Blant Svarte Graner


Raw Decimating Brutality - Era Matarruana


Czort - Czarna Ewangelia


Kinetik - Critical Fallout


Dopethrone - Transcanadian Anger


Abhor - Occulta ReligiO


Refuge - Solitary Men


Sevendust - All I See Is War


Black Fast - Spectre of Ruin


Sleep - The Sciences


Tomb Mold - Manor of Infinite Forms


Taphos - Come Ethereal Somberness


Wrath Sins - The Awakening


Judas Priest - Firepower


Bleeding Through - Love Will Kill All


Ihsahn - Àmr


Alkaloid - Liquid Anatomy


Filii Nigrantium Infernalium - "Fellatrix


Amorphis - Queen of Time


Ghost - Prequelle


Angelus Apatrida - Cabaret de la Guillotine


Bleed From Within - Era


Painted Black - Raging Light


Necrobode - Metal Negro da Morte


Pestilence - Hadeon


Tortharry - Sinister Species


Inframonolithium - Mysterium


Somali Yacht Club - The Sea


Dallian - Automata


Concertos em Destaque

Tradutor

Entrevistas Mais Recentes



































The Sword vão entrar num hiato

Corte quase fatal no futuro dos The Sword, uma vez que a banda texana anunciou há dias que fará uma pausa, embora tenha lançado ainda em março (...)

Hate Eternal lançam áudio de "Nothingness of Being"

A banda de death metal irá lançar o novo álbum, Upon Desolate Sands, a 26 de outubro através da Season Of Mist. Depois de desvendar (...)

Alterações no alinhamento do Festival Bardoada e Ajcoi

O Festival Bardoada e Ajcoi anunciou a substituição de duas das bandas previamente confirmadas. (...)

Marky Ramone em Portugal no próximo mês

O veterano Marky Ramone tem dois espectáculos marcados para o nosso país, que serão nada mais, nada menos, do que o warm up para o Lisbon Tattoo Rock Fest 2018. (...)

Behemoth lançam nova música "Wolves Ov Siberia"

"Wolves Ov Siberia", o novo vídeo de Behemoth, pode ser visto acima. A música faz parte do próximo álbum da banda, "I Loved You At Your Darkest", (...)

No dia 14 de Abril, um sábado, assistimos ao concerto de apresentação do álbum de estreia dos Adamantine, intitulado "Chaos Genesis", na República da Música, em Alvalade. Mesmo com outros concertos relevantes a acontecer em Lisboa no mesmo dia e com jogos de futebol importantes, os Adamantine tiveram algumas dezenas de pessoas a assistir, o que é de louvar.

A primeira banda a tocar foram os All Splintered Memories, colectivo que foi substituir os anteriormente confirmados Sounds Like Tornado. Com uma sonoridade entre o post-hardcore, o metalcore e o punk rock, a banda que tem uma jovem vocalista, teve uma actuação mediana, agradando provavelmente a uma mão cheia de gente que lá estava presente.


Os Blame The Skies já são um grupo com outro potencial. São uma boa banda no género metalcore e com muito trabalho a juntar às boas qualidades já evidenciadas, poderão ser futuramente a próxima banda setubalense a dar cartas, depois do sucesso dos More Than A Thousand, Hills Have Eyes e dos extintos One Hundred Steps. O grupo mostrou já uma boa presença em palco e boas ideias que podem vir a ser aproveitadas. Os temas que mais se destacaram foram claramente os dois últimos. Esta é uma banda a seguir daqui para a frente.


Os Echidna demonstraram ser uma verdadeira máquina em palco. O colectivo portuense veio a Lisboa com uma setlist baseada principalmente no seu óptimo novo álbum, cheio de fortes temas de thrash/death metal, superiormente executados neste concerto. Este foi um concerto muito apreciado pelo público presente e já ouve algum movimento na sala. Nota-se perfeitamente a coesão deste grupo, fruto dos muitos concertos que dão na zona norte e serão bem-vindos à capital novamente.

A grande razão da maior parte do público ali estar eram os Adamantine. Como a banda tinha previamente prometido, tocaram o seu disco de estreia na integra e ainda houve tempo para o já conhecido tema "Thrash and Devastate". Quanto às músicas novas, nota-se a adição de influências mais modernas na sonoridade thrash do grupo, assim como mais melodias e partes mais extremas, mas isso será analisado com mais detalhes na review do álbum que sairá muito em breve na Metal Imperium. O que interessa é que as novas músicas resultaram bem ao vivo e foram apresentadas da melhor maneira aos presentes. Foi o melhor concerto que vimos dos Adamantine, eles que são uma banda talentosa e em plena evolução.



Esta foi certamente uma noite especial e memorável para os Adamantine e bem passada para os presentes.


Texto por Mário Rodrigues
Fotos por Diana Fernandes

Agradecimentos: Adamantine