• Facebook
  • Myspace
  • Twitter
  • Google+

Candidata-te

A Metal Imperium encontra-se a recrutar colaboradores para redação de notícias, reviews de álbuns ou entrevistas a bandas.

Quem quiser fazer parte desta equipa poderá candidatar-se contactando-nos por email: metalimperium@gmail.com



Reviews Mais Recentes

Uada - Cult of the Dying Sun


Occultum - In Nomine Rex Inferni


Monolithe - Nebula Septem


Morag Tong - Last Knell of Om


Haunted - Dayburner


Djevel - Blant Svarte Graner


Raw Decimating Brutality - Era Matarruana


Czort - Czarna Ewangelia


Kinetik - Critical Fallout


Dopethrone - Transcanadian Anger


Abhor - Occulta ReligiO


Refuge - Solitary Men


Sevendust - All I See Is War


Black Fast - Spectre of Ruin


Sleep - The Sciences


Tomb Mold - Manor of Infinite Forms


Taphos - Come Ethereal Somberness


Wrath Sins - The Awakening


Judas Priest - Firepower


Bleeding Through - Love Will Kill All


Ihsahn - Àmr


Alkaloid - Liquid Anatomy


Filii Nigrantium Infernalium - "Fellatrix


Amorphis - Queen of Time


Ghost - Prequelle


Angelus Apatrida - Cabaret de la Guillotine


Bleed From Within - Era


Painted Black - Raging Light


Necrobode - Metal Negro da Morte


Pestilence - Hadeon


Tortharry - Sinister Species


Inframonolithium - Mysterium


Somali Yacht Club - The Sea


Dallian - Automata


Concertos em Destaque

Tradutor

Entrevistas Mais Recentes



































Alcest revelam detalhes sobre novo álbum

Depois de um longo e intenso período de trabalho no Drudenhaus Studio, os Alcest anunciaram o término das gravações do seu sexto registo. (...)

Korn lançam novo álbum em setembro e divulgam novo single

Os Korn preparam-se para lançar o seu novo álbum, "The Nothing", no dia 13 de setembro, através da Roadrunner/Elektra

Killswitch Engage lançam novo single

Os Killswitch Engage continuam a antecipar o seu novo álbum. Para o efeito, a banda divulgou agora o primeiro single do mesmo, "Unleashed", que pode ser ouvido (...)

Testament - Novo álbum será lançado no princípio do próximo ano

O vocalista Chuck Billy e o guitarrista Eric Peterson revelaram há dias, no festival francês Hellfest, que gravaram todas as faixas para o próximo álbum (...)

Possessed, Burn Damage @ RCA Club, Lisboa – 18Jun2019

Quando eu era um jovem apreciador de metal, nos finais da década de 80, Portugal era um deserto no que toca a concertos de sons mais pesados, e quando havia algum, por exemplo no mítico Pavilhão do Dramático de Cascais, (...)


O recentemente reaberto a espectáculos Paradise Garage, recebeu no passado dia 3 de Outubro, a mítica banda britânica Paradise Lost, naquele que foi o primeiro concerto da tournée europeia do colectivo, de promoção ao excelente "Tragic Idol". Este foi o primeiro de dois concertos do grupo em território nacional, que no dia seguinte actuou no Hard Club... sendo mais dois grandes eventos organizados pela Prime Artists.


A abertura ficou a cargo dos Soen, que para quem não sabe é, nada mais nada menos, que uma nova banda formada por grandes músicos como o baterista Martin Lopez (ex-Opeth) e o baixista Steve DiGiorgio (ex-Death, ex-Testament, ex-Sadus). O super-grupo trouxe na bagagem o seu álbum de estreia "Cognitive", editado em Fevereiro do presente ano e não desiludiu. A banda terá mesmo surpreendido pela positiva muitos dos que ainda não os conheciam e os mais cépticos, que olham para os Soen como uma cópia de Tool. É inegável a ascendência que a banda de Los Angeles tem sobre o colectivo de Lopez e DiGiorgio mas ao vivo os Soen soaram um pouco mais a si próprios, mostraram a sua proficiência técnica e provaram que são um projecto com pernas para andar e a manter debaixo de olho. Não faltaram os seus temas mais conhecidos como "Delenda", "Canvas" e "Savia", que foram dois dos pontos altos da actuação.



Depois de algum tempo de espera entraram em palco os icónicos Paradise Lost e presentearam-nos com cerca de uma hora e quinze minutos - que passaram depressa - com uma óptima setlist que, não sendo perfeita, estava feita para agradar os fãs das várias fases do grupo britânico. Foi um concerto recheado de clássicos e temas mais recentes que caminham para futuramente terem essa designação, o que por si só já garantia um concerto que agradasse aos fãs. Não há muitas bandas capazes de ter vários temas que perdurem no tempo mas os Paradise Lost são sem dúvida uma delas. Não foi um concerto perfeito - daqueles para nos lembrarmos mais tarde como um dos melhores - mas foi mais de uma hora de entretenimento garantido e é sempre bom recordarmos músicas como "Forever Failure", "Widow", "One Second", "Pity the Sadness", "Say Just Words" e "As I Die", assim como vermos interpretados ao vivo pela primeira vez em Portugal, temas como "Honesty in Death", "In This We Dwell", "Fear of Impending Hell" e "Tragic Idol" este último, tema título do álbum editado em 2012, registo esse que promete invadir as listas de melhores discos do ano. Com todas estas músicas no alinhamento do concerto, entre outras, poucos foram os fãs que não gostaram deste concerto. A interpretação destes temas ao vivo por parte da banda foi muito competente, tendo ficado apenas um pouco prejudicada devido à voz de Nick Holmes não ter estado no seu melhor (ouviu-se pouco), aparentemente devido a problemas técnicos. É caso para dizer "voltem sempre", que embora não sejam reconhecidamente a melhor banda do mundo ao vivo, sabe bem ir a um concerto ouvir músicas daquelas que pertencem à banda sonora da nossa vida.


Texto por Mário Santos Rodrigues
Fotos por Diana Fernandes
Agradecimentos: Prime Artists