• Facebook
  • Myspace
  • Twitter
  • Google+

Candidata-te

A Metal Imperium encontra-se a recrutar colaboradores para redação de notícias, reviews de álbuns ou entrevistas a bandas.

Quem quiser fazer parte desta equipa poderá candidatar-se contactando-nos por email: metalimperium@gmail.com



Reviews Mais Recentes

Uada - Cult of the Dying Sun


Occultum - In Nomine Rex Inferni


Monolithe - Nebula Septem


Morag Tong - Last Knell of Om


Haunted - Dayburner


Djevel - Blant Svarte Graner


Raw Decimating Brutality - Era Matarruana


Czort - Czarna Ewangelia


Kinetik - Critical Fallout


Dopethrone - Transcanadian Anger


Abhor - Occulta ReligiO


Refuge - Solitary Men


Sevendust - All I See Is War


Black Fast - Spectre of Ruin


Sleep - The Sciences


Tomb Mold - Manor of Infinite Forms


Taphos - Come Ethereal Somberness


Wrath Sins - The Awakening


Judas Priest - Firepower


Bleeding Through - Love Will Kill All


Ihsahn - Àmr


Alkaloid - Liquid Anatomy


Filii Nigrantium Infernalium - "Fellatrix


Amorphis - Queen of Time


Ghost - Prequelle


Angelus Apatrida - Cabaret de la Guillotine


Bleed From Within - Era


Painted Black - Raging Light


Necrobode - Metal Negro da Morte


Pestilence - Hadeon


Tortharry - Sinister Species


Inframonolithium - Mysterium


Somali Yacht Club - The Sea


Dallian - Automata


Concertos em Destaque

Tradutor

Entrevistas Mais Recentes



































The Sword vão entrar num hiato

Corte quase fatal no futuro dos The Sword, uma vez que a banda texana anunciou há dias que fará uma pausa, embora tenha lançado ainda em março (...)

Hate Eternal lançam áudio de "Nothingness of Being"

A banda de death metal irá lançar o novo álbum, Upon Desolate Sands, a 26 de outubro através da Season Of Mist. Depois de desvendar (...)

Alterações no alinhamento do Festival Bardoada e Ajcoi

O Festival Bardoada e Ajcoi anunciou a substituição de duas das bandas previamente confirmadas. (...)

Marky Ramone em Portugal no próximo mês

O veterano Marky Ramone tem dois espectáculos marcados para o nosso país, que serão nada mais, nada menos, do que o warm up para o Lisbon Tattoo Rock Fest 2018. (...)

Behemoth lançam nova música "Wolves Ov Siberia"

"Wolves Ov Siberia", o novo vídeo de Behemoth, pode ser visto acima. A música faz parte do próximo álbum da banda, "I Loved You At Your Darkest", (...)


Sessão nocturna do underground lusitano, no RCA, com a chancela da Notredame Productions.  A liderar uma noite solene tinhamos os nossos Cripta Oculta que, ao contrário do incialmente previsto, não puderam contar com a companhia dos também nacionais Dolentia. Assim, pertenceu à banda de Lisboa e arredores o monopólio do palco e do tempo no que a este evento diz respeito, uma vez que logo a seguir coube à banda residente de covers encerrar a noite num outro registo.

A surpresa começou assim que descemos as escadas que nos dão acesso à plateia, com uma visão diferente da habitual. Onde normalmente nada existe a não ser público de pé a abanar a cabeça, existiam cadeiras e mesas. O aspecto típico de um bar, mas desta vez com uma armada de Black Metal sobre o palco. Foi já com um número assinalável de público que os seis membros da cripta surgiram, enquanto uma intro oculta dava as boas vindas a todos. Não tardou até que uma tremenda sessão de riffs triunfantes e orgulhosos, acompanhados por teclados assertivos, tomassem conta das nossas sensações. Entoados com uma das vozes mais gélidas, versáteis e bem enquadradas do espectro negro nacional, temas como «Aos nossos ancestrais», «Através de Olhos Pagãos» ou «Ferro Forjado com Sangue» assumem uma grandiosidade que honra a história das lutas e conquistas lusitanas em dias e noites idos. Com uma presença próxima mas sempre distante e impenetrável, os Cripta Oculta limitaram-se a derramar, durante uma hora e quinze, toda a qualidade metálica que Portugal oferece, sem espaço para conversas que só iriam chocar com o ambiente ritualista ali criado. Que continuem a subir esporadicamente ao palco, e que o nível seja sempre este. 

Conforme referido inicialmente, e à margem das “Underground Sessions”, a noite terminaria em formato rock n’ roll, com os RCA a partilhar com os presentes temas eternos de Motorhead, Metallica ou Pantera, entre outros. Um final de festa animado após a missa.

Texto por Carlos Fonte
Agradecimentos: Notredame Productions