• Facebook
  • Myspace
  • Twitter
  • Google+

Reviews Mais Recentes


Iron Reagan - Crossover


Lich King - Omniclash


Demonic Resurrection - Dashavatar


Black Anvil - As Was


Benighted - Necrobreed


Mechina - As Embers Turn To Dust


Adamantine - Heroes & Villains


Barathrum - Fanatiko


Persefone - Aathma


Blame Zeus - Theory Of Perception


Kreator - Gods Of Violence


Lock Up - Demonization


Obituary - Obituary


H.O.S.T. - Bastard Of The Fallen Thrones


Antropomorphia - Sermon Ov Warth


Fall From Perfection - Metamorph


Pallbearer - Heartless


Mastodon - Emperor Of Sand


wolfheart - Tyhjyys


Sinister - Syncretism


Primal Attack - Heartless Oppressor


Grog - Ablutionary Rituals

Metal Imperium - Merchandise

.
Para encomendar, enviar email para: metalimperium@gmail.com

Concertos em Destaque

Visitantes

Tradutor

Entrevistas Mais Recentes



































Dying Fetus revelam detalhes do novo álbum

Os Dying Fetus vão lançar o seu novo álbum, "Wrong One To Fuck With", a 23 de Junho pela editora Relapse Records, e será o tão aguardado sucessor de "Reign Supreme", lançado em 2012.(...)

Novembers Doom - Novo álbum disponível para audição na íntegra

O novo álbum dos norte-americanos Novembers Doom, intitulado "Hamartia", é lançado hoje pela The End Records. Este trabalho pode ser ouvido na íntegra através desta ligação. (...)

SWR Barroselas Metalfest XX - Horários das atuações

Ampliando a imagem acima, é possível conhecer o horário de atuação de cada uma das bandas que irá compor o SWR Barroselas Metalfest XX. Recorde-se que o festival ocorre entre os dias 27 e 30 de Abril, em Barroselas. (...)

Tony Iommi está a trabalhar em novo material de Black Sabbath

O já conhecido guitarrista dos Black Sabbath, Tony Iommi confirmou em entrevista que está neste momento a juntar e trabalhar o som do último concerto que a banda deu, em Birmingham, e também há rumores(...)

Tankard lançam novo vídeo com letra

Os Tankard lançaram um novo video com letra para a música "Arena Of The True Lies", que fará parte do seu sétimo álbum de estúdio, "One Foot In The Grave"(...)


Primeiros as compilações. Depois os álbuns ao vivo. Agora as regravações. Existem várias formas de espremer o leite à vaca e as regravações é a mais recente tendência. Se por um lado se percebe as motivações como por exemplo naqueles casos em que a editora é detentora dos direitos que, por justiça, deveriam pertencer à banda, por outros soa a tentar capitalizar com qualquer coisa sem muito trabalho envolvido. Depois podemos dividir em dois estes tipos de casos. Temos a opção de reunir os temas antigos da banda e apresentá-los com uma nova e mais moderna roupagem ou então a regravação de uma certa e determinada obra. Isto tudo para dizer que no caso dos Grave Digger, temos a primeira opção tal como o título tão bem ilustra - “Exhumation – The Early Years”.

Pegando nos temas dos primeiros trabalhos da banda (“Heavy Metal Breakdown”, “Witch Hunter” e “War Games”) antes de mudar de nome em busca de mais alguns cobres - excepção feita para o tema "Stand Up And Rock", o único da fase Digger -  a banda dá-lhes um tratamento actual mas não foge muito às músicas originais e em relação ao seu som característico da sua segunda encarnação que começou no já distante “The Reaper” de 1993. Previsivelmente teríamos que ter “Headbanging Man”, “Witch Hunter” e “Heavy Metal Breakdown”, as três músicas mais identificáveis da primeira fase da banda – e também as melhores, por muito subjectivo que seja uma afirmação deste tipo.

Depois temos outras músicas que até acabam por beneficiar e muito com esta nova abordagem e que ficam bem mais apreciáveis, sendo o caso da “Fire In Your Eyes”, “Shoot Her Down”e “We Wanna Rock You”, com a sua forte viber à la década de oitenta. É um álbum de regravações que deixa um misto de emoções. Por um lado é uma forma de ficar a conhecer os momentos mais antigos e marcantes da banda, por outro lado, acaba por soar um pouco banal já que poderia ter-se aqui a oportunidade de reinventar um pouco o passado da banda – a exemplo que os Helloween fizeram com o seu álbum comemorativo dos vinte e cinco anos – mesmo que isso implicasse sair um pouco da linha. Ainda assim, os fãs dos Grave Digger, não terão aqui razões para ficarem descontentes. Se ficam entusiasmados… isso já são outros tantos.


Nota: 6.9/10

Review por Fernando Ferreira