• Facebook
  • Myspace
  • Twitter
  • Google+

Total Pageviews

Reviews Mais Recentes


Amorphis - Queen of Time


Ghost - Prequelle


Angelus Apatrida - Cabaret de la Guillotine


Bleed From Within - Era


Painted Black - Raging Light


Necrobode - Metal Negro da Morte


Pestilence - Hadeon


Tortharry - Sinister Species


Inframonolithium - Mysterium


Somali Yacht Club - The Sea


Dallian - Automata


Candidata-te

A Metal Imperium encontra-se a recrutar colaboradores para redação de notícias, reviews de álbuns ou entrevistas a bandas.

Quem quiser fazer parte desta equipa poderá candidatar-se contactando-nos por email: metalimperium@gmail.com



Concertos em Destaque

Tradutor

Entrevistas Mais Recentes



































Ghost estreiam duas novas músicas ao vivo

Os Ghost fizeram um inicio "oficioso" da sua próxima digressão mundial no "The Roxy", em Hollywood, Los Angeles, e presentearam os fãs que(...)

Roy Khan confessa que sair dos Kamelot foi a "melhor decisão" que alguma vez tomou

Roy Sætre Khantatat, conhecido como Roy Khan, ou mais conhecido como o antigo vocalista dos Kamelot, falou à italiana SpazioRock (...)

Epica lançam vídeo para “Universal Love Squad”

Os holandeses lançaram recentemente o vídeo para a canção “Universal Love Squad”, sendo possível visualizar o mesmo (...)

Morbid Angel disponibilizam novo vídeo

A banda de death metal Morbid Angel divulgou recentemente um novo vídeo para o tema "Garden Of Disdain", pertencente ao mais recente álbum, "Kingdoms Disdained". (...)

Alice In Chains lançam vídeo para novo single

"The One You Know" é o novo single dos Alice In Chains, que pode ser ouvido no vídeo acima. A faixa faz parte do próximo álbum da banda, (...)


Ca PUTÊNCIA! É o que nos surge na cabeça em forma de comentário à entrada do tema "Tripped Out", o primeiro de três temas que compõe o segundo EP dos suecos Shosen By Gods. O É como se fosse uma mistura entre death metal sueco (aquela gravilha no som das guitarras... é como o cheiro de frango assado. Pode estar a milhas de distância mas para os que têm os sentidos mais atentos, nunca passa despercebido), com o metal mais moderno - onde a produção surge bem cheia e potente - e onde se tem depois uma voz que seria perfeita para uma qualquer proposta de hard rock ou até mesmo rock. Mas não interessam os detalhes, o que interessa é que tudo no raio da canção resulta na perfeição.

A fórmula repete-se um pouco nas outras duas faixas - "Land Of Everything's Mine" e "Don't Waste My Time" - embora a eficácia não seja tão acentuada como anteriormente, de qualquer forma, com mais dinâmica, a banda estará completamente pronta para o álbum de estreia. Até lá temos aqui três temas que rockam como tudo e se tornam completamente viciantes para os menos exigentes.


Nota: 7/10

Review por Fernando Ferreira