• Facebook
  • Myspace
  • Twitter
  • Google+

Reviews Mais Recentes


Vita Imana - El M4l


Overkill - The Grinding Wheel


Time Lurker - Time Lurker


Warbringer - Woe to the Vanquished



Akercocke - Renaissance in Extremis


Neige et Noirceur - Verglapolis


Process Of Guilt - Black Earth


Dephosphorus - Impossible Orbits


Samsara Blues Experiment - One With the Universe


Æther Realm - Tarot


Psygnosis - Neptune


Schammasch - The Maldoror Chants: Hermaphrodite


Altar of Betelgeuze - Among The Ruins


Nargaroth - Era of Threnody


Condor - Unstoppable Power


Holy Blood - Glory to the Heroes


The Flight of Sleipnir - Skadi


The Obsessed - Sacred


Necroblood - Collapse of the Human Race


Full of Hell - Trumpeting Ecstasy


Funeralium - Of Throes And Blight


Nightbringer - Terra Damnata


The Sarcophagus - Beyond This World's Illusion


Chaos Synopsis - Gods of Chaos


Farsot - Fail.Lure


Unearthly Trance - Stalking the Ghost


Daemon Forest - Dissonant Walk


The Ruins of Beverast - Exuvia


Novembers Doom - Hamartia


Funeral Tears - Beyond The Horizon



Summoner - Beyond the Realm of Light

Metal Imperium - Merchandise

.
Para encomendar, enviar email para: metalimperium@gmail.com

Concertos em Destaque

Tradutor

Entrevistas Mais Recentes



































Queens of the Stone Age confirmados no NOS Alive'18

Os Queens of the Stone Age foram confirmados para a próxima edição do NOS Alive, que vai ocorrer entre os dias 12 e 14 de Julho de 2018(...)

Under The Doom V anuncia um cancelamento e respetiva substituição

O cartaz do Under The Doom V, que vai ocorrer entre os dias 30 de Novembro e 2 de Novembro, acaba de sofrer uma ligeira alteração. Os franceses Funeraliumoi (...)

Corrosion Of Conformity lançam novo álbum em Janeiro

Os americanos Corrosion Of Conformity estão a preparar-se para lançar, a 12 de Janeiro, o seu novo álbum “No Cross No Crown”, pela Nuclear Blast Entertainment. (...)

SWR Barroselas Metalfest revela primeiras confirmações

O festival SWR Barroselas Metalfest anunciou hoje as primeiras confirmações para a edição do próximo ano. O evento, que vai ter lugar de 27 a 29 de Abril(...)

Graveyard em Portugal - Revelada banda de abertura

Como é sabido, os suecos Graveyard vão atuar na sala Lisboa Ao Vivo, já no próximo dia 25 de Novembro. Os portugueses(...)


As Nyx são uma nova força da música extrema que encontrou na Agonia Records uma casa para o lançamento do seu álbum de estreia. Provavelmente uma das razões para que primeiramente dêem nas vistas vem do facto de ser composto por duas mulheres – o que revela no ponto em que estamos como sociedade no nosso amado som sagrado, onde hoje em dia ainda é considerado espantoso ou pelo menos fora do normal ter duas mulheres a tocar metal extremo. Considerações de igualdade entre os sexos aparte, o que estamos aqui para debater é mesmo a música e nesse aspecto, “Home” é uma agradável estreia.

Não se limita a focar os lugares comuns do black metal, género que domina estilisticamente este “Home”. Temos ritmos frenéticos, vozes arranhadas e tremolo picking com fartura mas também temos alguns pormenores que seriam mais próprios de qualquer coisa pós-metal – calma, não estamos a dizer que se trata de um daqueles lançamentos “revolucionários” de pós-black metal. Trata-se apenas de um espectro mais alargado daquilo que consideramos black metal. Se uma “Beyond” se insere perfeitamente no que se convencionou chamar de black metal melódico com as vozes limpas a terem alguma preponderância, uma curta “Prelude” mostra a capacidade mais ambiental e experimental da banda que provavelmente se revelará mais no futuro.

Para quem espera um álbum de black metal puro, ficará sem dúvida desiludido, no entanto, para quem gosta de música extrema no geral, haverá muitos motivos para que este “Home” rode umas boas vezes no leitor. Melódico e agreste e com muita margem para progressão, principalmente a cada audição, no interior do ouvinte. É um trabalho que consegue demonstrar diferentes facetas e que peca só por parecer que algumas das ideias não foram desenvolvidas o suficiente – aquela “S.ave O.ur S.ouls” soa a um produto inacabado e a “Deep” parece demasiado genérica para o seu próprio bem. Ainda assim, uma excelente estreia. Veremos o que o futuro reserva às Nyx.


Nota: 7.5/10

Review por Fernando Ferreira