• Facebook
  • Myspace
  • Twitter
  • Google+

Reviews Mais Recentes


Rasgo - Ecos da Selva Urbana


Terror Empire - Obscurity Rising


Painted Black - Raging Light


Wolves in the Throne Room - Thrice Woven


Celeste - Infidèle(s)


Moonspell - 1755


Battle Dagorath - II - Frozen Light of Eternal Darkness


Kalmankantaja - Routamaa


Archspire - Relentless Mutation


Tod Huetet Uebel - N.A.D.A


Benthik Zone - Via Cosmicam ad Europam ab Gelid Inferis


Acherontas - Amarta अमर्त (Formulas of Reptilian Unification Part II)


Progenie Terrestre Pura - oltreLuna


Vita Imana - El M4l


Overkill - The Grinding Wheel


Time Lurker - Time Lurker


Warbringer - Woe to the Vanquished



Akercocke - Renaissance in Extremis


Neige et Noirceur - Verglapolis


Concertos em Destaque

Tradutor

Entrevistas Mais Recentes



































System of a Down têm músicas novas

Afinal não há nenhum problema com os System of a Down. É Serj Tankian quem o afirma, numa entrevista recente concedida à Rolling Stone. Na verdade a banda tem músicas novas, (...)

Simbiose, Alien Squad, Dokuga atuam no Porto em fevereiro

Os nacionais Simbiose, Alien Squad e Dokuga vão tocar no Metalpoint (Porto), no dia 3 de fevereiro do próximo ano.(...)

Hourswill apresentam novo álbum na companhia dos Inner Blast, The Chapter e Scarmind

Os Hourswill apresentam ao vivo o seu mais recente álbum, "Harm Full Embrace", dia 13 de janeiro, no RCA Club em Lisboa.(...)

Kamelot lançam novo vídeo e revelam novidades para 2018

Os Kamelot disponibilizaram o novo vídeo do tema "Under Grey Skies", que conta com a participação da vocalista dos Delain, Charlotte Wessels.(...)

Graveyard a gravar novo álbum

Os suecos Graveyard encontram-se nos Park Studios, em Estocolmo, a gravar o seu próximo álbum de estúdio, sucessor de "Innocence and Decadence", lançado no ano 2015. (...)



Álbum de estreia dos holandeses Terzij De Horde que apresentam algo que parece saído do underground francês: black metal dissonante (ainda que bastante vitaminado) e completo, com a apetência para as faixas longas - o tema mais curto de "Self", "Contre Le Monde, Contre La Vie", tem quase seis minutos. Os malefícios desse tipo de black metal mencionado atrás é que o mesmo pode tornar-se aborrecido e demasiado auto-indulgente. Felizmente, não é o que temos aqui. As dinâmicas são uma constante e o primeiro tema, "Abscence" é um excelente exemplo disso mesmo. Quando tema parece já estar esgotado eis que surgem uns riffs saídos sabe-se lá de onde e que o tornam logo viciante.

Outro dos problemas que o uso de dissonâncias podem provocar é o facto também dos temas se tornarem demasiado aborrecidos e perderem-se em devaneios que estariam melhor num álbum dos The Dillinger Escape Plan (nada contra, grande banda) do que propriamente num disco de black metal. Aqui, essas raízes nunca se perdem de vista, embora não existam problemas em introduzir outros elementos que se conjugam na perfeição. Na "A Marriage Of Flesh And Air" existe um certo travo progressivo e post-punk/new wave, principalmente ao nível do trabalho de bateria.

Ao longo de seis temas, a banda tem aqui um belo álbum de estreia, que junta várias referências do black metal (e de música extrema em geral) mistura-as e apresenta um resultado final que é impossível de desagradar quem gosta do género e das suas experimentações. Claro que esta é uma altura ingrata (quer dizer, para os trve sempre foi) para que se façam experimentações devido à quantidade elevada de bandas de pós-black metal que vão surgindo, mas os holandeses acabam por manterem bem presentes todos os príncipios básicos do black metal. É feito, é sujo, intenso e até por vezes, um pouco claustrofóbico. E é por isso que gostamos dele.


Nota: 8.2/10

Review por Fernando Ferreira