• Facebook
  • Myspace
  • Twitter
  • Google+

Reviews Mais Recentes


Rasgo - Ecos da Selva Urbana


Terror Empire - Obscurity Rising


Painted Black - Raging Light


Wolves in the Throne Room - Thrice Woven


Celeste - Infidèle(s)


Moonspell - 1755


Battle Dagorath - II - Frozen Light of Eternal Darkness


Kalmankantaja - Routamaa


Archspire - Relentless Mutation


Tod Huetet Uebel - N.A.D.A


Benthik Zone - Via Cosmicam ad Europam ab Gelid Inferis


Acherontas - Amarta अमर्त (Formulas of Reptilian Unification Part II)


Progenie Terrestre Pura - oltreLuna


Vita Imana - El M4l


Overkill - The Grinding Wheel


Time Lurker - Time Lurker


Warbringer - Woe to the Vanquished



Akercocke - Renaissance in Extremis


Neige et Noirceur - Verglapolis


Concertos em Destaque

Tradutor

Entrevistas Mais Recentes



































System of a Down têm músicas novas

Afinal não há nenhum problema com os System of a Down. É Serj Tankian quem o afirma, numa entrevista recente concedida à Rolling Stone. Na verdade a banda tem músicas novas, (...)

Simbiose, Alien Squad, Dokuga atuam no Porto em fevereiro

Os nacionais Simbiose, Alien Squad e Dokuga vão tocar no Metalpoint (Porto), no dia 3 de fevereiro do próximo ano.(...)

Hourswill apresentam novo álbum na companhia dos Inner Blast, The Chapter e Scarmind

Os Hourswill apresentam ao vivo o seu mais recente álbum, "Harm Full Embrace", dia 13 de janeiro, no RCA Club em Lisboa.(...)

Kamelot lançam novo vídeo e revelam novidades para 2018

Os Kamelot disponibilizaram o novo vídeo do tema "Under Grey Skies", que conta com a participação da vocalista dos Delain, Charlotte Wessels.(...)

Graveyard a gravar novo álbum

Os suecos Graveyard encontram-se nos Park Studios, em Estocolmo, a gravar o seu próximo álbum de estúdio, sucessor de "Innocence and Decadence", lançado no ano 2015. (...)


Mais uma banda dos primórdios da década de oitenta que regressam renovados embora estes suecos Mindless Sinner tenham tido tantas encarnações como os Deep Purple músicos em toda a sua carreira. Começaram como Purple Haze, mudaram para Genocide, tornaram-se Mindless Sinner (e lançaram “Turn On The Power” em 1986), mudaram para “Mindless”, terminando funções em 1990. Voltaram em 2001, mas foi sol de pouca dura (até 2004), voltando novamente no ano passado e materializando esse regresso com este “The New Messiah”, o segundo álbum de originais, quase trinta anos depois da estreia.

Então e o que é que os Mindless Sinner gostam de fazer, pode perguntar o caro leitor? Heavy metal. Simplesmente heavy metal. Quando temos tanta experimentação e variação, tanto avanço e inovação (e atenção, isto não é uma crítica, apenas uma constatação da riqueza deste género musical) sabe bem voltar ao básico e ouvir bom e simples heavy metal em toda a sua glória. Claro que isto por si só não implica que o trabalho em questão seja automaticamente bom.  Que inspira e chama por todos os que gostam de heavy metal isso é facto mas não se livra de alguns problemas ou limitações.

A maior que tem é um pouco a falta de energia. Falta chama a este conjunto de músicas. Não é forçosamente graças ao midtempo adoptado pela banda, mas também tem influência. Até em faixas como “Follow Your Path”, que tem umas cavalgadas valentes, parece que falta algo. Vive sobretudo das suas melodias e harmonias entre as duas guitarras mas depois não há aquele elemento extra, aquela estrelinha que faz com que se fique logo agarrado. Ouve-se bem, mas não fica presente depois de terminada a audição nem há grande motivação para voltar a repetir.


Nota: 5.5/10

Review por Fernando Ferreira