• Facebook
  • Myspace
  • Twitter
  • Google+

Total Pageviews

Reviews Mais Recentes


Amorphis - Queen of Time


Ghost - Prequelle


Angelus Apatrida - Cabaret de la Guillotine


Bleed From Within - Era


Painted Black - Raging Light


Necrobode - Metal Negro da Morte


Pestilence - Hadeon


Tortharry - Sinister Species


Inframonolithium - Mysterium


Somali Yacht Club - The Sea


Dallian - Automata


Candidata-te

A Metal Imperium encontra-se a recrutar colaboradores para redação de notícias, reviews de álbuns ou entrevistas a bandas.

Quem quiser fazer parte desta equipa poderá candidatar-se contactando-nos por email: metalimperium@gmail.com



Concertos em Destaque

Tradutor

Entrevistas Mais Recentes



































Ghost estreiam duas novas músicas ao vivo

Os Ghost fizeram um inicio "oficioso" da sua próxima digressão mundial no "The Roxy", em Hollywood, Los Angeles, e presentearam os fãs que(...)

Roy Khan confessa que sair dos Kamelot foi a "melhor decisão" que alguma vez tomou

Roy Sætre Khantatat, conhecido como Roy Khan, ou mais conhecido como o antigo vocalista dos Kamelot, falou à italiana SpazioRock (...)

Epica lançam vídeo para “Universal Love Squad”

Os holandeses lançaram recentemente o vídeo para a canção “Universal Love Squad”, sendo possível visualizar o mesmo (...)

Morbid Angel disponibilizam novo vídeo

A banda de death metal Morbid Angel divulgou recentemente um novo vídeo para o tema "Garden Of Disdain", pertencente ao mais recente álbum, "Kingdoms Disdained". (...)

Alice In Chains lançam vídeo para novo single

"The One You Know" é o novo single dos Alice In Chains, que pode ser ouvido no vídeo acima. A faixa faz parte do próximo álbum da banda, (...)



Não há volta a dar, por vezes, temos algo que nos obriga a gritar… THRAAAAAAAAAAAAAAAAASH!! E o começo de “Legal Emptiness” é sem dúvida um desses momentos. Como tal, é uma decisão extremamente inteligente colocar este tema a abrir o seu segundo álbum de originais já que estabelece o mood para o resto do disco e não desilude. Outro aspecto que não desilude e que também está patente nessa primeira faixa como também na própria capa é o seu carácter de protesto social.

No metal há uma liberdade para se falar de tudo um pouco e cada hipótese será igualmente válida, no entanto, é sempre apreciável termos uma revolta palpável e real como aquela que transpira ao longo destes dez temas que se esgotam em pouco mais de trinta e sete minutos. Em termos musicais poderá não haver uma grande dinâmica, tirando as excepções feitas à curta instrumental “Breakdown” e com a “OBDC” que tem um colorido diferente por ser cantada em castelhano – a origem dos Conflicted é chilena – no entanto a banda consegue compensar essa lacuna com potência e garra a rodos.

Não há uma grande ciência a desvendar por trás de “Under Bio-lence” e por vezes são as coisas mais simples que nos conquistam quando anda tudo a tentar inventar uma roda dentro da roda já inventada. Não há necessidade de aproveitar a roda – principalmente quando não se tem criatividade para tal – pelo que o melhor é mesmo aproveitá-la. Esta roda está muito bem aproveitadinha e estes dez temas cumprem a sua missão. Convidam ao abano do capacete e entretém durante a totalidade da sua duração. O que é preciso mais?


Nota: 8/10

Review por Fernando Ferreira