• Facebook
  • Myspace
  • Twitter
  • Google+

Total Pageviews

Reviews Mais Recentes


Amorphis - Queen of Time


Ghost - Prequelle


Angelus Apatrida - Cabaret de la Guillotine


Bleed From Within - Era


Painted Black - Raging Light


Necrobode - Metal Negro da Morte


Pestilence - Hadeon


Tortharry - Sinister Species


Inframonolithium - Mysterium


Somali Yacht Club - The Sea


Dallian - Automata


Candidata-te

A Metal Imperium encontra-se a recrutar colaboradores para redação de notícias, reviews de álbuns ou entrevistas a bandas.

Quem quiser fazer parte desta equipa poderá candidatar-se contactando-nos por email: metalimperium@gmail.com



Concertos em Destaque

Tradutor

Entrevistas Mais Recentes



































Ghost estreiam duas novas músicas ao vivo

Os Ghost fizeram um inicio "oficioso" da sua próxima digressão mundial no "The Roxy", em Hollywood, Los Angeles, e presentearam os fãs que(...)

Roy Khan confessa que sair dos Kamelot foi a "melhor decisão" que alguma vez tomou

Roy Sætre Khantatat, conhecido como Roy Khan, ou mais conhecido como o antigo vocalista dos Kamelot, falou à italiana SpazioRock (...)

Epica lançam vídeo para “Universal Love Squad”

Os holandeses lançaram recentemente o vídeo para a canção “Universal Love Squad”, sendo possível visualizar o mesmo (...)

Morbid Angel disponibilizam novo vídeo

A banda de death metal Morbid Angel divulgou recentemente um novo vídeo para o tema "Garden Of Disdain", pertencente ao mais recente álbum, "Kingdoms Disdained". (...)

Alice In Chains lançam vídeo para novo single

"The One You Know" é o novo single dos Alice In Chains, que pode ser ouvido no vídeo acima. A faixa faz parte do próximo álbum da banda, (...)


O heavy/power metal dos Fatal Impact é daqueles que tem classe para ter sobrevivido ao boom do género no início do milénio. A banda só surgiu depois no entanto, as suas músicas têm um carisma assinalável. O anterior álbum, "Esoteria", já data de 2012, mas os mais atentos poderão lembrar-se que o mesmo nos causou uma boa impressão quando o analisámos nestas mesmas páginas. O terceiro continua essa boa impressão e ainda demonstra uma maior capacidade evolutiva. Para já aquilo que temos a assinalar é que temos peso.

Muito peso.

Desde as vozes mais extremas que surgem na" Hidden In Plain Sight", até ao peso das guitarras (ajudadas pela produção também, sem dúvida) temos aqui um belo álbum que nos fornece também boas dinâmicas e contrastes com alguns arranjos electrónicos (muito ao de leve) e que também nos traz melodias que transformam qualquer refrão do mais apelativo que é possível. E é engraçado ver como esta mudança ou dinâmica é possível de encontrar na mesma música. Algo que agradará definitivamente aqueles que gostam do lado mais pesado do heavy/power metal.

Talvez ainda falte um pouco à banda para chegar à primeira divisão do estilo, mas o que podemos comprovar aqui é que se os noruegueses não estão lá, é por questões técnicas porque temos aqui um arraial de bom gosto, técnica, músicos de primeira e arranjos a condizer mas mais que tudo, temos grandes músicas, capazes de resistir ao teste do tempo. Como é que é possível ouvir uma música como a "Too Many Years" e não deixar que ela se aloje para sempre na nossa memória? Praticamente impossível garantimos. Uma grande banda de heavy/power metal.


Nota: 8.5/10

Review por Fernando Ferreira