• Facebook
  • Myspace
  • Twitter
  • Google+

Total Pageviews

Reviews Mais Recentes


Amorphis - Queen of Time


Ghost - Prequelle


Angelus Apatrida - Cabaret de la Guillotine


Bleed From Within - Era


Painted Black - Raging Light


Necrobode - Metal Negro da Morte


Pestilence - Hadeon


Tortharry - Sinister Species


Inframonolithium - Mysterium


Somali Yacht Club - The Sea


Dallian - Automata


Candidata-te

A Metal Imperium encontra-se a recrutar colaboradores para redação de notícias, reviews de álbuns ou entrevistas a bandas.

Quem quiser fazer parte desta equipa poderá candidatar-se contactando-nos por email: metalimperium@gmail.com



Concertos em Destaque

Tradutor

Entrevistas Mais Recentes



































Ghost estreiam duas novas músicas ao vivo

Os Ghost fizeram um inicio "oficioso" da sua próxima digressão mundial no "The Roxy", em Hollywood, Los Angeles, e presentearam os fãs que(...)

Roy Khan confessa que sair dos Kamelot foi a "melhor decisão" que alguma vez tomou

Roy Sætre Khantatat, conhecido como Roy Khan, ou mais conhecido como o antigo vocalista dos Kamelot, falou à italiana SpazioRock (...)

Epica lançam vídeo para “Universal Love Squad”

Os holandeses lançaram recentemente o vídeo para a canção “Universal Love Squad”, sendo possível visualizar o mesmo (...)

Morbid Angel disponibilizam novo vídeo

A banda de death metal Morbid Angel divulgou recentemente um novo vídeo para o tema "Garden Of Disdain", pertencente ao mais recente álbum, "Kingdoms Disdained". (...)

Alice In Chains lançam vídeo para novo single

"The One You Know" é o novo single dos Alice In Chains, que pode ser ouvido no vídeo acima. A faixa faz parte do próximo álbum da banda, (...)



Não sabendo bem porquê, sempre ficou a sensação de que os American Head Charge eram uma mistura de punk com nu-metal e foi preciso que surgisse este “Tango Umbrella” para nos mostrar como estávamos errados. Trata-se do quarto álbum da banda, que já não lançava nada há 11 anos e que o lança como se estivesse não em 2005 mas em 2001. Parece não fazer grande diferença estes quatro anos, mas para quem não se recorda, o nu-metal já estava completamente moribundo em 2005 e se estava nessa altura, imaginem como estará agora… é o regresso dos mortos-vivos, basicamente.

“Let The World Believe” serve como despertar para todos aqueles, como nós, que estavam a dormir. A faixa mostra-nos algo que pode ser encarado como uma mistura entre Marilyn Manson e Limp Bizkit, mistura que junta às seguintes, onde já nos parece termos Deftones com Korn, por exemplo, faz-nos entrar num modo de reflexão e de introspecção e obriga-nos a olhar para trás, com ou sem nostalgia. O que é certo é que perante este exercício, o álbum passa-nos ao lado, o que também não será de estranhar já que a música soa-nos bem familiar, como tudo aquilo que fugíamos a sete pés quinze anos atrás.

Este é um trabalho que não nos impressionou, temos que ser honestos. Tem os seus pontos positivos, tem energia, tem melodias cativantes, mas fica sempre no ar o cheiro a mofo e a representação de uma era que não foi particularmente para o lado mais mainstream da música pesada. Não acrescenta rigorosamente nada em relação ao que já foi feito, isto é, tudo aquilo que nos queixámos naquela época é tudo aquilo que nos queixamos em “Tango Umbrella”. Definitivamente, não é um trabalho para vencer o teste do tempo. Na realidade, perde logo essa batalha à primeira audição.


Nota: 4/10

Review por Fernando Ferreira