• Facebook
  • Myspace
  • Twitter
  • Google+

Reviews Mais Recentes



Akercocke - Renaissance in Extremis


Neige et Noirceur - Verglapolis


Process Of Guilt - Black Earth


Dephosphorus - Impossible Orbits


Samsara Blues Experiment - One With the Universe


Æther Realm - Tarot


Psygnosis - Neptune


Schammasch - The Maldoror Chants: Hermaphrodite


Altar of Betelgeuze - Among The Ruins


Nargaroth - Era of Threnody


Condor - Unstoppable Power


Holy Blood - Glory to the Heroes


The Flight of Sleipnir - Skadi


The Obsessed - Sacred


Necroblood - Collapse of the Human Race


Full of Hell - Trumpeting Ecstasy


Funeralium - Of Throes And Blight


Nightbringer - Terra Damnata


The Sarcophagus - Beyond This World's Illusion


Chaos Synopsis - Gods of Chaos


Farsot - Fail.Lure


Unearthly Trance - Stalking the Ghost


Daemon Forest - Dissonant Walk


The Ruins of Beverast - Exuvia


Novembers Doom - Hamartia


Funeral Tears - Beyond The Horizon



Summoner - Beyond the Realm of Light

Metal Imperium - Merchandise

.
Para encomendar, enviar email para: metalimperium@gmail.com

Concertos em Destaque

Visitantes

Tradutor

Entrevistas Mais Recentes



































Queens of the Stone Age confirmados no NOS Alive'18

Os Queens of the Stone Age foram confirmados para a próxima edição do NOS Alive, que vai ocorrer entre os dias 12 e 14 de Julho de 2018(...)

Under The Doom V anuncia um cancelamento e respetiva substituição

O cartaz do Under The Doom V, que vai ocorrer entre os dias 30 de Novembro e 2 de Novembro, acaba de sofrer uma ligeira alteração. Os franceses Funeraliumoi (...)

Corrosion Of Conformity lançam novo álbum em Janeiro

Os americanos Corrosion Of Conformity estão a preparar-se para lançar, a 12 de Janeiro, o seu novo álbum “No Cross No Crown”, pela Nuclear Blast Entertainment. (...)

SWR Barroselas Metalfest revela primeiras confirmações

O festival SWR Barroselas Metalfest anunciou hoje as primeiras confirmações para a edição do próximo ano. O evento, que vai ter lugar de 27 a 29 de Abril(...)

Graveyard em Portugal - Revelada banda de abertura

Como é sabido, os suecos Graveyard vão atuar na sala Lisboa Ao Vivo, já no próximo dia 25 de Novembro. Os portugueses(...)


Os Obsidian Kingdom foram uma surpresa brutal. Uma banda que surgiu pela sua própria mão e teve um impacto tão grande que praticamente obrigou a que reparessem neles, chamada de atenção que a Season Of Mist foi inteligente o suficiente para não deixar passar ao lado. Sendo assim, o seu segundo trabalho - depois do primeiro ter sido reeditado pela sua nova editora - era muitíssimo aguardado. E eis que aí está ele. A primeira coisa a que temos que dizer é que "A Year With No Summer" é um álbum completamente diferente da direcção que era expectável que a banda tomasse.

Para quem esperava uma mistura entre o extremo e o melódico, ficará talvez desiludido porque aqui a banda surge bem mais progressiva - essa costela não estava propriamente evidente mas estava lá para os ouvidos mais atentos a detectarem. No entanto, e tal como aconteceu no álbum anterior, a banda não tem propriamente uma forma linear de fazer as coisas, isto é, não se consegue dizer exactamente que encaixa neste ou naquele género, no entanto, e ao contrário de "Mantiis", "A Year With No Summer" é um álbum muito mais focado e não tão disperso. Se assim não fosse, não poderíamos ter um tema como "April 10th" que é basicamente uma peça de ambient metal progressivo. O rótulo parece inventado? Talvez, mas encaixa como uma luva aqui.

A banda espanhola continua a deixar-nos de queixo caído principalmente por continuarem a surpreender. Não sabemos se isso é algo que vai continuar a acontecer no futuro, embora exista algo em temas como "Darkness" e "The Kandinsky Group" que quase que nos garante que sim. Só podemos falar, no entanto, daquilo que temos aqui e o que temos aqui é música progressiva, sem grandes pontos (para não dizer nenhuns) em comum com o extremismo evidenciado no álbum anterior, mas com a mesma capacidade inconformada como que tivesse a certeza de que há mais para além daquilo que temos à frente da vista (ou dos ouvidos). E há, a prova está em "A Year With No Summer", este grande álbum.


Nota: 9/10

Review por Fernando Ferreira