• Facebook
  • Myspace
  • Twitter
  • Google+

Total Pageviews

Reviews Mais Recentes


Amorphis - Queen of Time


Ghost - Prequelle


Angelus Apatrida - Cabaret de la Guillotine


Bleed From Within - Era


Painted Black - Raging Light


Necrobode - Metal Negro da Morte


Pestilence - Hadeon


Tortharry - Sinister Species


Inframonolithium - Mysterium


Somali Yacht Club - The Sea


Dallian - Automata


Candidata-te

A Metal Imperium encontra-se a recrutar colaboradores para redação de notícias, reviews de álbuns ou entrevistas a bandas.

Quem quiser fazer parte desta equipa poderá candidatar-se contactando-nos por email: metalimperium@gmail.com



Concertos em Destaque

Tradutor

Entrevistas Mais Recentes



































Ghost estreiam duas novas músicas ao vivo

Os Ghost fizeram um inicio "oficioso" da sua próxima digressão mundial no "The Roxy", em Hollywood, Los Angeles, e presentearam os fãs que(...)

Roy Khan confessa que sair dos Kamelot foi a "melhor decisão" que alguma vez tomou

Roy Sætre Khantatat, conhecido como Roy Khan, ou mais conhecido como o antigo vocalista dos Kamelot, falou à italiana SpazioRock (...)

Epica lançam vídeo para “Universal Love Squad”

Os holandeses lançaram recentemente o vídeo para a canção “Universal Love Squad”, sendo possível visualizar o mesmo (...)

Morbid Angel disponibilizam novo vídeo

A banda de death metal Morbid Angel divulgou recentemente um novo vídeo para o tema "Garden Of Disdain", pertencente ao mais recente álbum, "Kingdoms Disdained". (...)

Alice In Chains lançam vídeo para novo single

"The One You Know" é o novo single dos Alice In Chains, que pode ser ouvido no vídeo acima. A faixa faz parte do próximo álbum da banda, (...)


Depois de anunciada a sua saída forçada - ainda que temporária - dos AC/DC devido a problemas de audição (arriscava mesmo ficar surdo se tivesse continuado em digressão), o vocalista Brian Johnson pronunciou-se agora sobre isso, num comunicado onde revela que está "devastado" por ter de abandonar a banda australiana, mas que "se sente optimista para voltar a gravar no estúdio", bem como "ao vivo", embora saiba da "imprevisibilidade do tratamento".

"Estou devastado por isto, mais que toda a gente pode pensar. A tristeza que sinto hoje é algo que nunca senti antes na minha vida. Ser parte integrante dos AC/DC, gravar e tocar para milhões de fãs nos últimos 36 anos faz parte de minha vida profissional. Não me consigo imaginar a seguir em frente sem isto, mas não tenho outra opção neste momento. A única coisa certa é que sempre estarei com os AC/DC em espírito em cada concerto, isto se não conseguir estar pessoalmente", disse.

Para além disto, neste excerto do comunicado, o vocalista britânico explica também o que se passou no dia em que recebeu a notícia que tinha de se afastar dos palcos e consequentemente, dos AC/DC.

"No dia 7 de Março, após uma série de exames feitos por causa da minha perda de audição, fui advertido que se continuasse a apresentar-me nos concertos ao vivo, poderia ficar completamente surdo. Embora petrificado pela realidade que me apresentavam, na verdade eu já tinha consciência que a minha perda parcial de audição estava a começar a atrapalhar as minhas actuações em palco. Estava com dificuldade em ouvir as guitarras e por não conseguir ouvir os outros músicos bem, temia que a qualidade da minha actuação poderia ser comprometida e honestamente, isto é algo que a minha consciência impede que aconteça. Nossos fãs merecem um espectáculo a nível máximo e se por alguma razão eu não me puder entregar ao espectáculo a este nível não vou desapontar os nossos fãs ou embaraçar os outros membros dos AC/DC. Não sou de desistir e gosto de terminar o que comecei. Sendo assim, os médicos deixaram claro para mim e para os outros elementos da banda que eu não tinha outra opção a não ser parar de continuar a subir aos palcos que restavam e possivelmente depois destes também. Foi o dia mais tenebroso da minha vida profissional".

Como foi anunciado nos últimos dias e já divulgado aqui, o vocalista que irá substituir Brian Johnson no que resta da digressão "Rock or Bust", em suporte do último álbum dos AC/DC, será Axl Rose, vocalista dos Guns N' Roses que recentemente se voltaram a reunir.

Aqui pode ser lido o comunicado na sua totalidade.

Por: Carlos Ribeiro - 19 Abril 16