• Facebook
  • Myspace
  • Twitter
  • Google+

Total Pageviews

Reviews Mais Recentes


Amorphis - Queen of Time


Ghost - Prequelle


Angelus Apatrida - Cabaret de la Guillotine


Bleed From Within - Era


Painted Black - Raging Light


Necrobode - Metal Negro da Morte


Pestilence - Hadeon


Tortharry - Sinister Species


Inframonolithium - Mysterium


Somali Yacht Club - The Sea


Dallian - Automata


Candidata-te

A Metal Imperium encontra-se a recrutar colaboradores para redação de notícias, reviews de álbuns ou entrevistas a bandas.

Quem quiser fazer parte desta equipa poderá candidatar-se contactando-nos por email: metalimperium@gmail.com



Concertos em Destaque

Tradutor

Entrevistas Mais Recentes



































Ghost estreiam duas novas músicas ao vivo

Os Ghost fizeram um inicio "oficioso" da sua próxima digressão mundial no "The Roxy", em Hollywood, Los Angeles, e presentearam os fãs que(...)

Roy Khan confessa que sair dos Kamelot foi a "melhor decisão" que alguma vez tomou

Roy Sætre Khantatat, conhecido como Roy Khan, ou mais conhecido como o antigo vocalista dos Kamelot, falou à italiana SpazioRock (...)

Epica lançam vídeo para “Universal Love Squad”

Os holandeses lançaram recentemente o vídeo para a canção “Universal Love Squad”, sendo possível visualizar o mesmo (...)

Morbid Angel disponibilizam novo vídeo

A banda de death metal Morbid Angel divulgou recentemente um novo vídeo para o tema "Garden Of Disdain", pertencente ao mais recente álbum, "Kingdoms Disdained". (...)

Alice In Chains lançam vídeo para novo single

"The One You Know" é o novo single dos Alice In Chains, que pode ser ouvido no vídeo acima. A faixa faz parte do próximo álbum da banda, (...)


Segundo álbum dos norte-americanos Gracepoint que quebra com "Echoes" um longo silêncio de dezasseis anos. O nome do álbum faz lembrar o épico tema de Pink Floyd e acaba por fazer sentido já que a banda também apresenta afinidades com essa sonoridade embora a base seja o heavy/power tradicional e isso é algo que fica logo bastante claro com o primeiro tema "Animal" que nos remete para os momentos mais pesados e directos dos Dream Theater e tem o seu quê de Nevermore, ou seja, tudo bons indicadores para  quase uma hora de boa música, que é o que realmente temos.

Para quem gosta do seu som progressivo mas com peso a acompanhar, então esta é uma boa proposta ainda que longe da perfeição. Acaba por ser um pouco inconsistente por um lado (a inclusão de temas como o instrumental "Secrets", uma música de puro shredder, faz com que fique um pouco a boiar no meio do resto, ainda por cima logo na terceira posição) e a jogar demasiado pelo seguro por outro (com a maior parte dos temas a apostar na mesma fórmula fazendo com que seja difícil destacar um deles de todo o conjunto). Ficam os valores individuais como a voz de Matt Tennessen, que tem tanto de metal (em algumas ocasiões chega a lembrar o nosso Rui Duarte) como de grunge, uma mistura vencedora e o trabalho de guitarras, bem acima da média, não ficando a secção rítmica esquecida.

Dezasseis anos é muito tempo de intervalo entre discos e talvez a apreciação deste trabalho sofra um pouco com isso, porque dá ideia de que se tivesse sido lançado dois ou três anos após a sua estreia, que este "Echoes" poderia ser mais bem recebido do que aquilo que será hoje em dia, onde este tipo de proposta já é um pouco banal. Para os menos exigentes, está aqui uma boa surpresa. Temas como a power ballad "Somber" ajudam a que se pense dessa forma. Interessante, veremos onde esta banda vai ou se fica por aqui. Há talento para mostrar mais.

Nota: 6.5/10

Review por Fernando Ferreira