• Facebook
  • Myspace
  • Twitter
  • Google+

Reviews Mais Recentes

Symphony X - Underworld




Riverside - Love Fear And The Time Machine




Amorphis - Under The Red Cloud





Flayed - Monster Man




Ivanhoe - 7 Days




Elferya - Eden's Fall




Spektr - The Art To Disappear




Rab - Rab 2




Exumer - The Raging Tides




Tales Of The Tomb - Volume One Morprhas




Dimino - Old Habits Die Hard




Roxxcalibur - Gems Of The NWOBHM





The Fifth Alliance - Death Poems




Augrimmer - Moth And The Moon




The Great Tyrant - The Trouble With Being Born




Weeping Silence - Opus IV - Oblivion




Watercolour Ghosts - Watercolour Ghosts




Hexx - Under The Spell/ No Escape




Deseized - A Thousand Forms Of Action




Razor Rape - Orgy In Guts




Sadist - Hyaena




Xandria - Fire & Ashes




Alien Syndrome 777 - Outer




Asylum Pyre - Spirited Away




Canyon Of The Skell - Canyon Of The Skull




Chron Goblin - Blackwater




Extreme Cold Winter - Paradise Ends Here

Metal Imperium - Merchandise

.
Para encomendar, enviar email para: metalimperium@gmail.com

Concertos em Destaque

Visitantes

Tradutor

Entrevistas Mais Recentes



















Entrevista aos Wintersun

Os Wintersun estão de volta mas só acede ao novo álbum “The Forest Seasons” quem participar na campanha de crowdfunding que se iniciou no dia 1 de março e que terminará no dia 31 do mesmo mês. (...)

Vallenfyre revelam detalhes do novo álbum

O próximo álbum dos Vallenfyre, intitulado "Fear Those Who Fear Him", será lançado a 2 de Junho pela Century Media Records. O 3º álbum da banda foi gravado (...)

Hail Of Bullets chegam ao fim

A guerra dos Hail Of Bullets chegou ao fim. A banda holandesa colocou um término na sua luta e para a história ficaram álbuns como "...of Frost and War", (...)

Novembers Doom lançam novo vídeo

Os Novembers Doom, banda oriunda de Chicago, acaba de lançar um novo vídeo com a letra. Retirada do seu décimo álbum, “Zephyr”, foi, desta feita, a escolhida.(...)

Testament preparam lançamento de novo álbum e livro

Apesar do seu último álbum "Brotherhood Of The Snake" ter sido lançado há apenas cinco meses, os Testament encontram-se já a trabalhar no seu sucessor. A revelação surgiu numa entrevista(...)


Anos noventa, o domínio de um senhor sueco Dan Swäno foi lendário. Domínio não só a nível de produção mas sobretudo a nível criativo com o multi-instrumentista a desdobrar-se por infindáveis projectos e bandas que brindaram algumas das obras primas inesquecíveis do underground sueco e da música extrema mundial. Ends Of Sanity, Bloodbath, Nightingale… é uma listagem infindável. Conforme a década foi chegando ao final, o amigo Dan foi-se desfazendo dos projectos, deixando para trás um atrás de outro, um nítido sinal da mudança dos tempos.

Infestdead marcou o final desses tempos, embora não se possa dizer que tenha havido um término. Os seus dois álbuns surgiram nesse período, numa altura em que a música extrema já estava a ficar mais acessível ou, pelo menos, mais popular – não de uma forma massiva mas pelo menos de uma forma mais alargada que no início da década. O duo composto por Dan Swanö, que cuidou de toda a parte instrumental, e Dread, dos Tormented, que ficou a cargo da voz, lançou dois álbuns e são esses dois álbuns que encontramos aqui reeditados com alguns extras.

O objectivo da banda era criar death metal tipicamente norte-americano e blasfemo à semelhança de uns Deicide e os Deicide são precisamente o nome que nos surge mais vezes, embora a qualidade não se possa comparar. Não é que o amigo Dan não estivesse inspirado quando compôs estas quase quarenta músicas. É uma questão mais de forma do que de conteúdo. A produção é estranha e a bateria programada não ajuda. Para quem deixou passar isto ao lado, tem aqui uma boa forma de uma só cajadada ficar com a discografia da banda. No primeiro CD temos o álbum “JesuSatan” editado originalmente em 1999 com a demo editada em 1993 e no segundo, o álbum “Hellfuck” editado originalmente em 1997 em conjunto com o MCD “Killing Christ” editado em 1996. Peça de colecção, nada mais que isso.


Nota: 6.7/10

Review por Fernando Ferreira