• Facebook
  • Myspace
  • Twitter
  • Google+

Total Pageviews

Reviews Mais Recentes


Amorphis - Queen of Time


Ghost - Prequelle


Angelus Apatrida - Cabaret de la Guillotine


Bleed From Within - Era


Painted Black - Raging Light


Necrobode - Metal Negro da Morte


Pestilence - Hadeon


Tortharry - Sinister Species


Inframonolithium - Mysterium


Somali Yacht Club - The Sea


Dallian - Automata


Candidata-te

A Metal Imperium encontra-se a recrutar colaboradores para redação de notícias, reviews de álbuns ou entrevistas a bandas.

Quem quiser fazer parte desta equipa poderá candidatar-se contactando-nos por email: metalimperium@gmail.com



Concertos em Destaque

Tradutor

Entrevistas Mais Recentes



































Ghost estreiam duas novas músicas ao vivo

Os Ghost fizeram um inicio "oficioso" da sua próxima digressão mundial no "The Roxy", em Hollywood, Los Angeles, e presentearam os fãs que(...)

Roy Khan confessa que sair dos Kamelot foi a "melhor decisão" que alguma vez tomou

Roy Sætre Khantatat, conhecido como Roy Khan, ou mais conhecido como o antigo vocalista dos Kamelot, falou à italiana SpazioRock (...)

Epica lançam vídeo para “Universal Love Squad”

Os holandeses lançaram recentemente o vídeo para a canção “Universal Love Squad”, sendo possível visualizar o mesmo (...)

Morbid Angel disponibilizam novo vídeo

A banda de death metal Morbid Angel divulgou recentemente um novo vídeo para o tema "Garden Of Disdain", pertencente ao mais recente álbum, "Kingdoms Disdained". (...)

Alice In Chains lançam vídeo para novo single

"The One You Know" é o novo single dos Alice In Chains, que pode ser ouvido no vídeo acima. A faixa faz parte do próximo álbum da banda, (...)


"Noise For The Drunk" é o EP de estreia dos Booze Abuser que, tal como a própria designação indica, tem apetência pelas substâncias alcóolicas, embora não seja muito claro se o aftershave do avô escapa à senda. Em termos sonoros, o que temos é o thrash metal/crossover bruto e descomplicado e indicado para o bailarico. É a típica banda que aparenta não ter grandes ambições a não ser provocar a festa metálica (com uma pitada de punk/hardcore aqui e ali) por todos os sítios por onde passam. A simplicidade das músicas por vezes evidencia-se em demasia - "Booze Abuser", por exemplo, poderia muito bem ter sido escrita no início da década de oitenta pelos Ratos de Porão e a "Death Wins" é precariamente vintage) - mas o espírito acaba por ser o grande trunfo.

Claro que para quem não gostar deste tipo de bombocas underground, não achará muita piada ao que se pode ouvir aqui e nós até admitimos que este é um trabalho que se ouve muito melhor em cima de um qualquer palco ou até numa sala de ensaios podre do que no conforto do seu lar. A produção talvez seja a principal culpada disto e o espírito de "estou-a-borrifar-me,-quero-é-cerveja-para-a-tola" tem piada à primeira mas a à segunda já perde o encanto (e não esqueçamos que já andamos a ouvir Tankard à trinta anos). Uma estreia interessante, mas para um álbum de estreia espera-se substancialmente mais.


Nota: 6/10

Review por Fernando Ferreira