• Facebook
  • Myspace
  • Twitter
  • Google+

Total Pageviews

Reviews Mais Recentes


Amorphis - Queen of Time


Ghost - Prequelle


Angelus Apatrida - Cabaret de la Guillotine


Bleed From Within - Era


Painted Black - Raging Light


Necrobode - Metal Negro da Morte


Pestilence - Hadeon


Tortharry - Sinister Species


Inframonolithium - Mysterium


Somali Yacht Club - The Sea


Dallian - Automata


Candidata-te

A Metal Imperium encontra-se a recrutar colaboradores para redação de notícias, reviews de álbuns ou entrevistas a bandas.

Quem quiser fazer parte desta equipa poderá candidatar-se contactando-nos por email: metalimperium@gmail.com



Concertos em Destaque

Tradutor

Entrevistas Mais Recentes



































Ghost estreiam duas novas músicas ao vivo

Os Ghost fizeram um inicio "oficioso" da sua próxima digressão mundial no "The Roxy", em Hollywood, Los Angeles, e presentearam os fãs que(...)

Roy Khan confessa que sair dos Kamelot foi a "melhor decisão" que alguma vez tomou

Roy Sætre Khantatat, conhecido como Roy Khan, ou mais conhecido como o antigo vocalista dos Kamelot, falou à italiana SpazioRock (...)

Epica lançam vídeo para “Universal Love Squad”

Os holandeses lançaram recentemente o vídeo para a canção “Universal Love Squad”, sendo possível visualizar o mesmo (...)

Morbid Angel disponibilizam novo vídeo

A banda de death metal Morbid Angel divulgou recentemente um novo vídeo para o tema "Garden Of Disdain", pertencente ao mais recente álbum, "Kingdoms Disdained". (...)

Alice In Chains lançam vídeo para novo single

"The One You Know" é o novo single dos Alice In Chains, que pode ser ouvido no vídeo acima. A faixa faz parte do próximo álbum da banda, (...)


O primeiro álbum destes GOD revela-se num trabalho muito bem produzido e executado por parte dos músicos. Muita definição em todas as frequências, os graves profundos e definidos e os agudos cristalinos e agradáveis, o que ajuda muito na apreciação deste tipo de música. Que tipo e esse? Bem, agarrem no peso bruto de uns Meshuggah e juntem os ambientes etereais de uns Year Of No Light e obtém-se estes GOD. 

Tal como os YONL este trabalho é instrumental mantendo sempre um equilíbrio bem conseguido entre o groove e peso com as melodias e harmonias criadas pelas guitarras. Podemos ainda encontrar um toque de Animals as Leaders, como por exemplo na música "Foreknown" mas conseguindo sempre manter a sua identidade, o que por si só e de louvar nos dias de hoje. GOD I é um álbum para apreciar na sua totalidade, todas as músicas têm um uma certa continuidade ao longo do disco e todas tem algo para mostrar ao ouvinte. Apesar de haver bastante melodia e ambientes harmoniosos, há sempre um ritmo bem apropriado ao headbang de cara feia e 'horns up' a acompanhar, o que pode soar estranho mas que este grupo conseguiu fazer resultar esta bipolaridade. Irá certamente agradar aos fãs de Year Of No Light, Meshuggah, Periphery e God is an Astronaut.

A banda parece ter optado pelo anonimato devido à temática abordada no trabalho, sendo esta religiosa cristã, independentemente de orientações religiosas, é um trabalho que merece ser ouvido.

Nota: 8/10

Review por Filipe Gomes