• Facebook
  • Myspace
  • Twitter
  • Google+

Total Pageviews

Reviews Mais Recentes


Amorphis - Queen of Time


Ghost - Prequelle


Angelus Apatrida - Cabaret de la Guillotine


Bleed From Within - Era


Painted Black - Raging Light


Necrobode - Metal Negro da Morte


Pestilence - Hadeon


Tortharry - Sinister Species


Inframonolithium - Mysterium


Somali Yacht Club - The Sea


Dallian - Automata


Candidata-te

A Metal Imperium encontra-se a recrutar colaboradores para redação de notícias, reviews de álbuns ou entrevistas a bandas.

Quem quiser fazer parte desta equipa poderá candidatar-se contactando-nos por email: metalimperium@gmail.com



Concertos em Destaque

Tradutor

Entrevistas Mais Recentes



































Ghost estreiam duas novas músicas ao vivo

Os Ghost fizeram um inicio "oficioso" da sua próxima digressão mundial no "The Roxy", em Hollywood, Los Angeles, e presentearam os fãs que(...)

Roy Khan confessa que sair dos Kamelot foi a "melhor decisão" que alguma vez tomou

Roy Sætre Khantatat, conhecido como Roy Khan, ou mais conhecido como o antigo vocalista dos Kamelot, falou à italiana SpazioRock (...)

Epica lançam vídeo para “Universal Love Squad”

Os holandeses lançaram recentemente o vídeo para a canção “Universal Love Squad”, sendo possível visualizar o mesmo (...)

Morbid Angel disponibilizam novo vídeo

A banda de death metal Morbid Angel divulgou recentemente um novo vídeo para o tema "Garden Of Disdain", pertencente ao mais recente álbum, "Kingdoms Disdained". (...)

Alice In Chains lançam vídeo para novo single

"The One You Know" é o novo single dos Alice In Chains, que pode ser ouvido no vídeo acima. A faixa faz parte do próximo álbum da banda, (...)


Os gregos Acherontas sempre passaram um pouco despercebidos no panorama internacional de Black Metal. Apesar disto, a música que têm vindo a produzir sempre provou ser de crescente qualidade, fazendo muitas vezes lembrar os conterrâneos Varathron ou os vanguardistas Dissection, apresentando uma base de black metal directo e simplista que consegue ainda assim juntar bastante melodia e uma atmosfera contemplativa.

A primeira parte de "Formulas Of Reptilian Unification": o álbum “Ma-Ion”, de 2014, misturava à sua base sonora uma série de texturas que submergiam o ouvinte numa escuridão ritualista que ia crescendo à medida que o disco avançava. Em “Amarta”, o caso muda de figura e a banda está mais focada nas raízes da sua sonoridade, não descartando por completo os elementos que mais se realçavam em “Ma-Ion”. Tal se verifica com a existência de momentos em que a voz declamada assume o palco central entre os guturais sujos, bem como o reverb imponente que se faz ouvir e o facto de grande parte da música tocada ser maioritariamente num mid tempo quase a abrandar para o down. A mistura de todas estas características dá à música dos Acherontas a aura mística que a define e que tem em temas como “Schism Of Worlds”, ou na tântrica “Savikalpa Samadhi”, uma verdadeira amostra do poderio sónico destes veteranos da cena grega.

No ano em que celebram 10 anos de carreira, os Acherontas lançam um disco bem representativo do trabalho árduo que, uma discografia prolífera em lançamentos de qualidade, consegue conceber. Um disco que garante uma hora de black metal atmosférico bem aproveitada.

Nota: 8.5/10

Review por Tiago Neves