• Facebook
  • Myspace
  • Twitter
  • Google+

Reviews Mais Recentes


Rasgo - Ecos da Selva Urbana


Terror Empire - Obscurity Rising


Painted Black - Raging Light


Wolves in the Throne Room - Thrice Woven


Celeste - Infidèle(s)


Moonspell - 1755


Battle Dagorath - II - Frozen Light of Eternal Darkness


Kalmankantaja - Routamaa


Archspire - Relentless Mutation


Tod Huetet Uebel - N.A.D.A


Benthik Zone - Via Cosmicam ad Europam ab Gelid Inferis


Acherontas - Amarta अमर्त (Formulas of Reptilian Unification Part II)


Progenie Terrestre Pura - oltreLuna


Vita Imana - El M4l


Overkill - The Grinding Wheel


Time Lurker - Time Lurker


Warbringer - Woe to the Vanquished



Akercocke - Renaissance in Extremis


Neige et Noirceur - Verglapolis


Concertos em Destaque

Tradutor

Entrevistas Mais Recentes



































System of a Down têm músicas novas

Afinal não há nenhum problema com os System of a Down. É Serj Tankian quem o afirma, numa entrevista recente concedida à Rolling Stone. Na verdade a banda tem músicas novas, (...)

Simbiose, Alien Squad, Dokuga atuam no Porto em fevereiro

Os nacionais Simbiose, Alien Squad e Dokuga vão tocar no Metalpoint (Porto), no dia 3 de fevereiro do próximo ano.(...)

Hourswill apresentam novo álbum na companhia dos Inner Blast, The Chapter e Scarmind

Os Hourswill apresentam ao vivo o seu mais recente álbum, "Harm Full Embrace", dia 13 de janeiro, no RCA Club em Lisboa.(...)

Kamelot lançam novo vídeo e revelam novidades para 2018

Os Kamelot disponibilizaram o novo vídeo do tema "Under Grey Skies", que conta com a participação da vocalista dos Delain, Charlotte Wessels.(...)

Graveyard a gravar novo álbum

Os suecos Graveyard encontram-se nos Park Studios, em Estocolmo, a gravar o seu próximo álbum de estúdio, sucessor de "Innocence and Decadence", lançado no ano 2015. (...)


Imprevisíveis têm sido os Mastodon ao longo da sua carreira que desde, o primeiro disco até ao “Emperor of Sand”, editado em 2017, têm demonstrado serem capazes de mudar o seu som, mantendo sempre as características que os tornam numa banda única e capaz de manter os seus ouvintes à espera de mais, mas não do mesmo.

Ora o EP, editado também em 2017, é composto por temas que não foram incluídos em “Emperor of Sand” e no anterior “Once More Around the Sun”, mas, que no seu todo, compõem uma unidade que se destaca de ambos os álbuns supra referidos. Este lançamento parece tratar-se de um EP conceptual, o que não destoa da discografia de uma banda que habituou os seus fãs a álbuns que regra geral possuem um conceito no seu centro lírico e musical.

O primeiro tema, "North Side Star", é assim mesmo, imprevisível, começando melancolicamente e mudando de dinâmica a meio para uma secção com groove, solos de guitarra que estabelecem uma ponte entre o lado mais pesado e melancólico dos Mastodon, dos tempos “Crack the Skye”, ao lado mais solto e agitado de “Blood Mountain”. “Toe to Toes”, a música que foi escolhida para o vídeo de apresentação do EP, tem na guitarra acústica o seu motor e riffs cativantes como fio condutor que acompanham a letra introspectiva cantada a duas vozes distintas, Brent Hinds e Troy Sanders, sendo que no tema anterior “Blue Walsh", brilha a voz de Brann Dailor.

A melancolia iniciada no primeiro tema com a voz de Brent Hinds e o seu pedal steel é retomada no tema-título que encerra o EP, dando fim uma jornada na qual três elementos musicais essenciais dos Mastodon são, na minha perspectiva, reunidos: vozes distintas partilhadas por três elementos da banda, mestria musical de cada um dos músicos (destacado desde “Remission”) e um conceito musical unificador (patente desde “Leviathan”).

Nota: 9/10

Review por Raúl Avelar