• Facebook
  • Myspace
  • Twitter
  • Google+

Candidata-te

A Metal Imperium encontra-se a recrutar colaboradores para redação de notícias, reviews de álbuns ou entrevistas a bandas.

Quem quiser fazer parte desta equipa poderá candidatar-se contactando-nos por email: metalimperium@gmail.com



Reviews Mais Recentes

Uada - Cult of the Dying Sun


Occultum - In Nomine Rex Inferni


Monolithe - Nebula Septem


Morag Tong - Last Knell of Om


Haunted - Dayburner


Djevel - Blant Svarte Graner


Raw Decimating Brutality - Era Matarruana


Czort - Czarna Ewangelia


Kinetik - Critical Fallout


Dopethrone - Transcanadian Anger


Abhor - Occulta ReligiO


Refuge - Solitary Men


Sevendust - All I See Is War


Black Fast - Spectre of Ruin


Sleep - The Sciences


Tomb Mold - Manor of Infinite Forms


Taphos - Come Ethereal Somberness


Wrath Sins - The Awakening


Judas Priest - Firepower


Bleeding Through - Love Will Kill All


Ihsahn - Àmr


Alkaloid - Liquid Anatomy


Filii Nigrantium Infernalium - "Fellatrix


Amorphis - Queen of Time


Ghost - Prequelle


Angelus Apatrida - Cabaret de la Guillotine


Bleed From Within - Era


Painted Black - Raging Light


Necrobode - Metal Negro da Morte


Pestilence - Hadeon


Tortharry - Sinister Species


Inframonolithium - Mysterium


Somali Yacht Club - The Sea


Dallian - Automata


Total Pageviews

Concertos em Destaque

Tradutor

Entrevistas Mais Recentes



































The Sword vão entrar num hiato

Corte quase fatal no futuro dos The Sword, uma vez que a banda texana anunciou há dias que fará uma pausa, embora tenha lançado ainda em março (...)

Hate Eternal lançam áudio de "Nothingness of Being"

A banda de death metal irá lançar o novo álbum, Upon Desolate Sands, a 26 de outubro através da Season Of Mist. Depois de desvendar (...)

Alterações no alinhamento do Festival Bardoada e Ajcoi

O Festival Bardoada e Ajcoi anunciou a substituição de duas das bandas previamente confirmadas. (...)

Marky Ramone em Portugal no próximo mês

O veterano Marky Ramone tem dois espectáculos marcados para o nosso país, que serão nada mais, nada menos, do que o warm up para o Lisbon Tattoo Rock Fest 2018. (...)

Behemoth lançam nova música "Wolves Ov Siberia"

"Wolves Ov Siberia", o novo vídeo de Behemoth, pode ser visto acima. A música faz parte do próximo álbum da banda, "I Loved You At Your Darkest", (...)


Os Hipérion, banda de heavy metal portuguesa, nasceram em 2010, apenas com três elementos. Actualmente são um quinteto (Paulo Bandão – voz;  Agostinho – guitarra; Hélder Soares – guitarra; João Costa – Baixo e Filipe Costa – bateria) e lançaram o seu último trabalho, Witchery, em Fevereiro deste ano. 

M.I. - Hipérion – oitava maior lua de Saturno; Titã, filho de Urano e Gaia, a sua união com Teia gerou Selene (a lua), Hélios (o sol) e Eas (a aurora). Porquê a escolha deste nome tão associado à mitologia e cosmologia? 

O Heavy Metal sempre teve alguma ligação à mitologia, e nós tentamos procurar por aí... Encontrámos alguns nomes que poderiam servir e tiramos um à sorte... Ficou Hipérion... 


M.I. - Qual a inspiração para “Witchery”, o vosso último trabalho?

As músicas foram aparecendo naturalmente, as inspirações foram várias, pois temos várias temáticas nas 8 músicas do álbum.  Vamos desde o misticismo da "The Mighty Excalibur", até à triste realidade do terrorismo em "My Revenge", passando pelo valor da união e força do Heavy Metal em "Die for Metal"... 


M.I. - Falando ainda de “Witchery”, que foi “edição de autor”. Porquê esta opção que, cada vez mais, tem sido a opção de muitas bandas nacionais?

O mundo da música está em constante transformação, e o Metal não foge ao problema... Com o aparecimento das plataformas de distribuição de música pela Internet a necessidade de comprar um álbum físico foi diminuindo, levando à perda de influência sobretudo das editoras mais pequenas, que deixaram de apresentar soluções "apetecíveis" para as bandas...  No nosso caso nenhuma das propostas que tivemos era apelativa... 


M.I. - E se uma editora se mostrasse interessada no vosso trabalho?

Estamos sempre abertos a todas as sugestões... 


M.I. - Fazer Heavy Metal nos dias de hoje, em Portugal, é conquistar novo público, ou uma reinvenção permanente para manter o público que já existe?

Talvez seja mais difícil conquistar novo público do que manter a "velha guarda"...  Quem ouve Heavy Metal há mais anos e vem sobretudo dos "gloriosos 80" é mais fiel e segue mais de perto...  O público mais novo é mais variado nos gostos musicais e não fica tão "agarrado" ao Heavy Metal... 


M.I. - E quem é o vosso público?

São sobretudo os fãs da NWOBHM... 


M.I. - Como está a ser o ano de 2018 para os Hipérion, em termos de actuações ao vivo?

Está um pouco fraco... estivemos no Tondela Rocks e no Cambra Metal Fest e pouco mais...  Fica um pouco a ideia que os promotores apostam cada vez menos no Heavy Metal... 


M.I. - Como é que definem a vossa sonoridade?

Heavy metal puro e duro...  Uma mistura entre Judas, Maiden, Accept e um pouco de OVERKILL... 


M.I. - Com oito anos de existência, o que é que mudou nos Hipérion? Qual o balanço que fazem?

Mudámos todos... Hoje estamos mais unidos e mais assertivos...  Somos mais banda... 


M.I. - Projectos para o futuro…

Estamos a trabalhar num EP que contamos apresentar no próximo ano e que contará com 5 músicas cantadas em português...  Vamos variar um pouco... Obrigado pela oportunidade que nos deram para podermos mostrar um pouco mais do nosso trabalho.  Que o Metal fique convosco! 


Entrevista por Rosa Soares