• Facebook
  • Myspace
  • Twitter
  • Google+

Reviews Mais Recentes


Rasgo - Ecos da Selva Urbana


Terror Empire - Obscurity Rising


Painted Black - Raging Light


Wolves in the Throne Room - Thrice Woven


Celeste - Infidèle(s)


Moonspell - 1755


Battle Dagorath - II - Frozen Light of Eternal Darkness


Kalmankantaja - Routamaa


Archspire - Relentless Mutation


Tod Huetet Uebel - N.A.D.A


Benthik Zone - Via Cosmicam ad Europam ab Gelid Inferis


Acherontas - Amarta अमर्त (Formulas of Reptilian Unification Part II)


Progenie Terrestre Pura - oltreLuna


Vita Imana - El M4l


Overkill - The Grinding Wheel


Time Lurker - Time Lurker


Warbringer - Woe to the Vanquished



Akercocke - Renaissance in Extremis


Neige et Noirceur - Verglapolis


Concertos em Destaque

Tradutor

Entrevistas Mais Recentes



































Ghost estreiam duas novas músicas ao vivo

Os Ghost fizeram um inicio "oficioso" da sua próxima digressão mundial no "The Roxy", em Hollywood, Los Angeles, e presentearam os fãs que(...)

Roy Khan confessa que sair dos Kamelot foi a "melhor decisão" que alguma vez tomou

Roy Sætre Khantatat, conhecido como Roy Khan, ou mais conhecido como o antigo vocalista dos Kamelot, falou à italiana SpazioRock (...)

Epica lançam vídeo para “Universal Love Squad”

Os holandeses lançaram recentemente o vídeo para a canção “Universal Love Squad”, sendo possível visualizar o mesmo (...)

Morbid Angel disponibilizam novo vídeo

A banda de death metal Morbid Angel divulgou recentemente um novo vídeo para o tema "Garden Of Disdain", pertencente ao mais recente álbum, "Kingdoms Disdained". (...)

Alice In Chains lançam vídeo para novo single

"The One You Know" é o novo single dos Alice In Chains, que pode ser ouvido no vídeo acima. A faixa faz parte do próximo álbum da banda, (...)


Embora na eterna referência para nós metaleiros, o website Metal Archives, venha a indicação de que o colectivo francês conhecido como Otargos toca black metal, tal designação revela-se bastante limitadora. Para já existe um forte sabor a death metal que acompanha todos os oito temas deste trabalho, seja pelos riffs com groove e bastante técnica, como pelos ocasionais apontamentos da guitarra solo. Esta incursão por mundos mais death metal não é de agora. Aliás, ao sexto trabalho, a banda francesa continua a sua progressão para fora dos limites daquilo que entendemos como black metal.

Intensidade sempre foi a imagem de marca da banda, seja nos tempos do black metal mais puro, seja nas experimentações e misturas pelo mundo do industrial e death metal e esse ponto continua bem presente. "Dark Mechanicus" é um exemplo perfeito, onde a banda conjuga o groove do black/death com uma certo ritmo marcial, próprio do metal industrial. No entanto é na brutalidade de temas como "The Ruinous Powers", "Chariots Ov The Godz" e "Realm Of The Dead" que a banda triunfa. Onde se sente que todo o seu poder é atingido na plenitude.

Não se trata só de apresentar potência e brutalidade, porque a música extrema não vive só disso. É o conjugar esses elementos com as dinâmicas e os elementos que faz com que se tenham verdadeiras músicas, com príncipio, meio e fim. Claro que são temas como o tema título que se mostram como aqueles mais imediatos e os que ficam logo à primeira, no entanto, com consequentes audições, todos os outros elementos subliminares começam a chegar-se à frente - como a inesperada melodia de "Phase Shifters". Para quem não conhecia a banda, o valor deste álbum fará com que queira andar para trás na discografia para ver o que andou a perder. Para os outros que já seguiam a sua carreira há já algum tempo, este álbum é apenas uma confirmação da metamorfose bem sucedida que a banda tem vindo a efectuar nos últimos anos.


Nota: 8/10


Review por Fernando Ferreira