• Facebook
  • Myspace
  • Twitter
  • Google+

Reviews Mais Recentes


Rasgo - Ecos da Selva Urbana


Terror Empire - Obscurity Rising


Painted Black - Raging Light


Wolves in the Throne Room - Thrice Woven


Celeste - Infidèle(s)


Moonspell - 1755


Battle Dagorath - II - Frozen Light of Eternal Darkness


Kalmankantaja - Routamaa


Archspire - Relentless Mutation


Tod Huetet Uebel - N.A.D.A


Benthik Zone - Via Cosmicam ad Europam ab Gelid Inferis


Acherontas - Amarta अमर्त (Formulas of Reptilian Unification Part II)


Progenie Terrestre Pura - oltreLuna


Vita Imana - El M4l


Overkill - The Grinding Wheel


Time Lurker - Time Lurker


Warbringer - Woe to the Vanquished



Akercocke - Renaissance in Extremis


Neige et Noirceur - Verglapolis


Concertos em Destaque

Tradutor

Entrevistas Mais Recentes



































System of a Down têm músicas novas

Afinal não há nenhum problema com os System of a Down. É Serj Tankian quem o afirma, numa entrevista recente concedida à Rolling Stone. Na verdade a banda tem músicas novas, (...)

Simbiose, Alien Squad, Dokuga atuam no Porto em fevereiro

Os nacionais Simbiose, Alien Squad e Dokuga vão tocar no Metalpoint (Porto), no dia 3 de fevereiro do próximo ano.(...)

Hourswill apresentam novo álbum na companhia dos Inner Blast, The Chapter e Scarmind

Os Hourswill apresentam ao vivo o seu mais recente álbum, "Harm Full Embrace", dia 13 de janeiro, no RCA Club em Lisboa.(...)

Kamelot lançam novo vídeo e revelam novidades para 2018

Os Kamelot disponibilizaram o novo vídeo do tema "Under Grey Skies", que conta com a participação da vocalista dos Delain, Charlotte Wessels.(...)

Graveyard a gravar novo álbum

Os suecos Graveyard encontram-se nos Park Studios, em Estocolmo, a gravar o seu próximo álbum de estúdio, sucessor de "Innocence and Decadence", lançado no ano 2015. (...)


O press release diz que os Pierce The Veil fazem hard rock, mas não é preciso muito de "Dive In" para se chegar à conclusão que se isto é hard rock, os Guns'N'Roses tocam hardcore. No entanto, não interessa, são apenas rótulos, correcto? Mesmo que seja um rótulo errado, o que interessa é mesmo a qualidade. Se pegarmos no referido tema que abre este "Misadventures" temos um caldeirão de coisas diferentes que juntos até que resulta mais ou menos bem. Desde um feeling emo, principalmente pela voz de Vic Fuentes (que também dá um jeito nos teclados e nas teclas), passando pelo metalcore, punk rock ou punk pop, como preferirem.

Não parece grande coisa, não é? Mas soa melhor ao que parece. "Misadventures" é o quarto álbum da banda e surge após um muito bem sucedido "Collide With The Sky" soando bastante dinâmico e diversificado, e até surpreendentemente pesado - "Texas Forever" é frenética como se fosse 30 Seconds On Mars ou Muse on drugs - mas sempre com aquele toque melódico que fará revirar os olhos os que detestam este tipo de coisas. Quer se queira ou não, é o tipo de música que mais chega à juventude hoje em dia - daquela juventude que ainda não tem barba, quer do sexo masculino ou feminino - e convenhamos, é melhor isto que Rihannas e outras coisas abjectas sem talento.

Existem momentos interessantes mas dificilmente existem músicas que não tenha algo que nos desagrade, embora existam músicas que tenham só coisas que nos desagradam, como o extremamente pop rançoso "Floral & Fading", que nos faz pensar em tudo aquilo que detestamos na música mainstream de hoje em dia. É um equilíbrio delicado por isso a forma como fazemos isto é a seguinte: Jovem, tens 13 anos e não sabes bem o que é isto da música pesada? Podes começar por aqui, mas não abuses se não corres o risco de ser mais um número a favor da teoria de que a juventude está perdida. Caso tenhas mais 14 anos, ganho juízo e vai lá ouvir música decente, que esta coisa da música descartável faz mal à saúde. À tua e daqueles que te rodeiam.


Nota: 6/10

Review por Fernando Ferreira