• Facebook
  • Myspace
  • Twitter
  • Google+

Reviews Mais Recentes


Iron Reagan - Crossover


Lich King - Omniclash


Demonic Resurrection - Dashavatar


Black Anvil - As Was


Benighted - Necrobreed


Mechina - As Embers Turn To Dust


Adamantine - Heroes & Villains


Barathrum - Fanatiko


Persefone - Aathma


Blame Zeus - Theory Of Perception


Kreator - Gods Of Violence


Lock Up - Demonization


Obituary - Obituary


H.O.S.T. - Bastard Of The Fallen Thrones


Antropomorphia - Sermon Ov Warth


Fall From Perfection - Metamorph


Pallbearer - Heartless


Mastodon - Emperor Of Sand


wolfheart - Tyhjyys


Sinister - Syncretism


Primal Attack - Heartless Oppressor


Grog - Ablutionary Rituals

Metal Imperium - Merchandise

.
Para encomendar, enviar email para: metalimperium@gmail.com

Concertos em Destaque

Visitantes

Tradutor

Entrevistas Mais Recentes



































Entrevista aos Venom Inc

Os Venom Inc nasceram em meados de 2015 como uma nova banda que reúne toda a força e poder dos seus membros: Tony “Demolition Man” Dolan (baixo/voz) com os membros originais de Venom – Jeff “Mantas” Dunn (guitarra) and Anthony “Abaddon” Bray (bateria). A banda tem estado em tournée(...)

Falecimento do antigo baixista de Celtic Frost

O antigo baixista e membro fundador de Celtic Frost e de Hellhamer Martin Eric Ain, faleceu no passado sábado dia 21 de Outubro, aos 50 anos de idade. A causa da morte foi (...)

Novo álbum de Pestilence em Março

Os Pestilence irão lançar o seu novo álbum "Hadeon", em Março, pela Hammerheart Records. Este trabalho terá treze faixas que combinam as raízes de Pestilence, com a sua (...)

Arch Enemy com novo vídeo "The Race"

Os Arch Enemy acabam de lançar mais um vídeo do seu novo álbum, "Will To Power", que foi lançado no dia 8 de setembro através da Century Media.(...)

Angel Dust estão de volta!

A banda alemã informou através da sua página de Facebook que está de volta e já em estúdio a gravar o seu próximo trabalho. Depois de se terem separado em 2011, (...)


Não conhecemos muito do metal vindo da Roménia, pelo que é com alguma curiosidade que reparamos que os Crimena são oriundos do país do Drácula. No entanto, há um detalhe que ainda nos faz ter mais curiosidade... é que o vocalista é indonésio. Isto antes de ouvirmos o quer que seja do álbum. Depois de "Quemadero", o tema de abertura, começar a soar, chegamos à conclusão de que o vocalista até poderia ser português, que não haveria nada de extraordinário nesse ponto. A música felizmente vai-nos despertando o interesse perdido pela expectativa furada.

Trata-se de um death metal moderno - que por esta altura já é tudo menos moderno, já que este tipo de coisa já nos surge há coisa de vinte anos - com uma base muito forte no thrash cheio de groove. Agora não se pense lá porque se fale em groove que não temos aqui virtuosismo. Para desfazer essas dúvidas basta ouvir o interessante solo de "Gospel", por exemplo. Mas... e há sempre um mas... fica-se com uma sensação de déjà vú grande demais para que o saldo final seja acima da média. Não há surpresas. Nenhumas mesmo.

O facto de se antecipar algo de diferente por se ter um vocalista indonésio só revela o desespero de encontrar algo diferente. Claro que poderão haver aqueles que chegam aqui sem expectativas e sem conhecimento de se ter um vocalista oriental. Temos a certeza de que mesmo esses sentirão a tal sensação de déjà vú. Não existem temas maus, não existe demonstrações explicítas (ou mesmo implícitas) de falta de talento, no entanto, faltam músicas que nos surpreendam e que nos obriguem a fixá-las. Infelizmente isso falta em abundância. De qualquer forma, é uma estreia interessante e um força do metal europeu/internacional a ter em conta. A ver vamos o que o segundo álbum nos traz.


Nota: 6.4/10

Review por Fernando Ferreira