• Facebook
  • Myspace
  • Twitter
  • Google+

Reviews Mais Recentes


Rasgo - Ecos da Selva Urbana


Terror Empire - Obscurity Rising


Painted Black - Raging Light


Wolves in the Throne Room - Thrice Woven


Celeste - Infidèle(s)


Moonspell - 1755


Battle Dagorath - II - Frozen Light of Eternal Darkness


Kalmankantaja - Routamaa


Archspire - Relentless Mutation


Tod Huetet Uebel - N.A.D.A


Benthik Zone - Via Cosmicam ad Europam ab Gelid Inferis


Acherontas - Amarta अमर्त (Formulas of Reptilian Unification Part II)


Progenie Terrestre Pura - oltreLuna


Vita Imana - El M4l


Overkill - The Grinding Wheel


Time Lurker - Time Lurker


Warbringer - Woe to the Vanquished



Akercocke - Renaissance in Extremis


Neige et Noirceur - Verglapolis


Concertos em Destaque

Tradutor

Entrevistas Mais Recentes



































System of a Down têm músicas novas

Afinal não há nenhum problema com os System of a Down. É Serj Tankian quem o afirma, numa entrevista recente concedida à Rolling Stone. Na verdade a banda tem músicas novas, (...)

Simbiose, Alien Squad, Dokuga atuam no Porto em fevereiro

Os nacionais Simbiose, Alien Squad e Dokuga vão tocar no Metalpoint (Porto), no dia 3 de fevereiro do próximo ano.(...)

Hourswill apresentam novo álbum na companhia dos Inner Blast, The Chapter e Scarmind

Os Hourswill apresentam ao vivo o seu mais recente álbum, "Harm Full Embrace", dia 13 de janeiro, no RCA Club em Lisboa.(...)

Kamelot lançam novo vídeo e revelam novidades para 2018

Os Kamelot disponibilizaram o novo vídeo do tema "Under Grey Skies", que conta com a participação da vocalista dos Delain, Charlotte Wessels.(...)

Graveyard a gravar novo álbum

Os suecos Graveyard encontram-se nos Park Studios, em Estocolmo, a gravar o seu próximo álbum de estúdio, sucessor de "Innocence and Decadence", lançado no ano 2015. (...)


One-man-band de culto do underground, Belenos estreou-se com um primeiro álbum que levantou algum burburinho no underground no início do milénio com o seu black metal de orientação pagã. Este "Kornôg", o sétimo álbum do projecto, quebra um silêncio de seis anos, é totalmente cantado em bretão, tal como o anterior "Yen Sonn Gardis" e apresenta mais elementos de death metal e menos de black metal, uma mistura que nos traz mais dinâmica aos temas, emboras as raízes pagãs continuem a estar presentes, algo que o tema-título que inicia o trabalho e o "E Donder Ar Mor" trans mitem muito bem.

Não se pense no entanto que a mística se perdeu, aquela que sempre foi característica na sua música. Continuamos a ter uma ambiência, aquela muito própria dos Belenos que faz com que fãs de Bathory na sua fase viking se sintam completamente em casa. A capacidade de conseguir fazer com que o ouvinte se abstraia do momento presente e se perca nas imagens criadas pela música é algo que apreciamos e valorizamos bastante, pelo que em pouco tempo este trabalho se transformou um vício. Mesmo que não seja um trabalho imediato, que não o é.

Não se pode dizer que existam por aqui temas que nos sejam imediatos ou que tenhamos riffs ou passagens memoráveis, tirando umas tiradas de malhões como "Armorika". Outro dos pontos fortes é a dinâmica, que permite que se tenham temas como "Lidkerzh An Anaon" (mais compassado) ou "Treizhadden-Noz" (um interlúdio instrumental com as teclas a provocarem um drone que causa um ambiente desconfortável) que acabam por dar uma variedade mais intensa ao trabalho assim como acrescentado o interesse do mesmo. Um álbum que vai crescendo e viciando.


Nota: 8.3/10


Review por Fernando Ferreira