• Facebook
  • Myspace
  • Twitter
  • Google+

Reviews Mais Recentes


Rasgo - Ecos da Selva Urbana


Terror Empire - Obscurity Rising


Painted Black - Raging Light


Wolves in the Throne Room - Thrice Woven


Celeste - Infidèle(s)


Moonspell - 1755


Battle Dagorath - II - Frozen Light of Eternal Darkness


Kalmankantaja - Routamaa


Archspire - Relentless Mutation


Tod Huetet Uebel - N.A.D.A


Benthik Zone - Via Cosmicam ad Europam ab Gelid Inferis


Acherontas - Amarta अमर्त (Formulas of Reptilian Unification Part II)


Progenie Terrestre Pura - oltreLuna


Vita Imana - El M4l


Overkill - The Grinding Wheel


Time Lurker - Time Lurker


Warbringer - Woe to the Vanquished



Akercocke - Renaissance in Extremis


Neige et Noirceur - Verglapolis


Concertos em Destaque

Tradutor

Entrevistas Mais Recentes



































System of a Down têm músicas novas

Afinal não há nenhum problema com os System of a Down. É Serj Tankian quem o afirma, numa entrevista recente concedida à Rolling Stone. Na verdade a banda tem músicas novas, (...)

Simbiose, Alien Squad, Dokuga atuam no Porto em fevereiro

Os nacionais Simbiose, Alien Squad e Dokuga vão tocar no Metalpoint (Porto), no dia 3 de fevereiro do próximo ano.(...)

Hourswill apresentam novo álbum na companhia dos Inner Blast, The Chapter e Scarmind

Os Hourswill apresentam ao vivo o seu mais recente álbum, "Harm Full Embrace", dia 13 de janeiro, no RCA Club em Lisboa.(...)

Kamelot lançam novo vídeo e revelam novidades para 2018

Os Kamelot disponibilizaram o novo vídeo do tema "Under Grey Skies", que conta com a participação da vocalista dos Delain, Charlotte Wessels.(...)

Graveyard a gravar novo álbum

Os suecos Graveyard encontram-se nos Park Studios, em Estocolmo, a gravar o seu próximo álbum de estúdio, sucessor de "Innocence and Decadence", lançado no ano 2015. (...)



Para quem não sabe ao que vem, ao pegar neste "Nigrescent Years Of Chaos" e ao deparar-se com o som precário, principalmente no que ao volume diz respeito, poderá pensar que se trata de um engano. Efectivamente não é. Esta é uma compilação que pega nos primórdios da banda canadiana de thrash metal infernäl Mäjesty que tem apenas um culto bastante reduzido - o que nos dias de hoje quer dizer que nos é apresentado como se fosse um grande clássico de trinta anos atrás - e reapresenta-os como se fosse aquilo que precisávamos mesmo para completar a nossa colecção no que ao thrash metal clássico diz respeito.

Efectivamente não é aquilo que precisávamos mesmo para completar a nossa colecção no que ao thrash metal clássico diz respeito mas ainda assim é um registo interessante - e quem gosta de thrash metal não terá problemas em encontrar afinidades com temas como "Night Of The Living Dead", "S.O.S.", "Into The Unknown" e "Power Intrusion", apesar de todas as limitações que apresenta, tanto as de volume como as de própria execução técnica ou composição, embora os últimos temas já não sofram tanto deste mal.

Os temas são retiradas das primeiras três demos da banda, "Infernäl Mäjesty" de 1986, "Nigrescent Dissolution" de 1988 e "Creation Of Chaos" de 1991. É possível apreciar a evolução da banda em termos técnicos assim como temos as tão malfadadas diferenças de produção e de volume que fazem com que transpareça por completo aquilo que é óbvio: estamos perante uma manta de retalhos. Curiosamente, dos três períodos apresentados, o mais interessante é mesmo o da primeira demo. Vá-se lá perceber. Para os coleccionadores fanáticos, daqueles que coleccionam caricas das garrafas de cerveja desde o Verão de 1987.


Nota: 5/10

Review por Fernando Ferreira