• Facebook
  • Myspace
  • Twitter
  • Google+

Total Pageviews

Reviews Mais Recentes


Amorphis - Queen of Time


Ghost - Prequelle


Angelus Apatrida - Cabaret de la Guillotine


Bleed From Within - Era


Painted Black - Raging Light


Necrobode - Metal Negro da Morte


Pestilence - Hadeon


Tortharry - Sinister Species


Inframonolithium - Mysterium


Somali Yacht Club - The Sea


Dallian - Automata


Candidata-te

A Metal Imperium encontra-se a recrutar colaboradores para redação de notícias, reviews de álbuns ou entrevistas a bandas.

Quem quiser fazer parte desta equipa poderá candidatar-se contactando-nos por email: metalimperium@gmail.com



Concertos em Destaque

Tradutor

Entrevistas Mais Recentes



































Ghost estreiam duas novas músicas ao vivo

Os Ghost fizeram um inicio "oficioso" da sua próxima digressão mundial no "The Roxy", em Hollywood, Los Angeles, e presentearam os fãs que(...)

Roy Khan confessa que sair dos Kamelot foi a "melhor decisão" que alguma vez tomou

Roy Sætre Khantatat, conhecido como Roy Khan, ou mais conhecido como o antigo vocalista dos Kamelot, falou à italiana SpazioRock (...)

Epica lançam vídeo para “Universal Love Squad”

Os holandeses lançaram recentemente o vídeo para a canção “Universal Love Squad”, sendo possível visualizar o mesmo (...)

Morbid Angel disponibilizam novo vídeo

A banda de death metal Morbid Angel divulgou recentemente um novo vídeo para o tema "Garden Of Disdain", pertencente ao mais recente álbum, "Kingdoms Disdained". (...)

Alice In Chains lançam vídeo para novo single

"The One You Know" é o novo single dos Alice In Chains, que pode ser ouvido no vídeo acima. A faixa faz parte do próximo álbum da banda, (...)



Para quem não sabe ao que vem, ao pegar neste "Nigrescent Years Of Chaos" e ao deparar-se com o som precário, principalmente no que ao volume diz respeito, poderá pensar que se trata de um engano. Efectivamente não é. Esta é uma compilação que pega nos primórdios da banda canadiana de thrash metal infernäl Mäjesty que tem apenas um culto bastante reduzido - o que nos dias de hoje quer dizer que nos é apresentado como se fosse um grande clássico de trinta anos atrás - e reapresenta-os como se fosse aquilo que precisávamos mesmo para completar a nossa colecção no que ao thrash metal clássico diz respeito.

Efectivamente não é aquilo que precisávamos mesmo para completar a nossa colecção no que ao thrash metal clássico diz respeito mas ainda assim é um registo interessante - e quem gosta de thrash metal não terá problemas em encontrar afinidades com temas como "Night Of The Living Dead", "S.O.S.", "Into The Unknown" e "Power Intrusion", apesar de todas as limitações que apresenta, tanto as de volume como as de própria execução técnica ou composição, embora os últimos temas já não sofram tanto deste mal.

Os temas são retiradas das primeiras três demos da banda, "Infernäl Mäjesty" de 1986, "Nigrescent Dissolution" de 1988 e "Creation Of Chaos" de 1991. É possível apreciar a evolução da banda em termos técnicos assim como temos as tão malfadadas diferenças de produção e de volume que fazem com que transpareça por completo aquilo que é óbvio: estamos perante uma manta de retalhos. Curiosamente, dos três períodos apresentados, o mais interessante é mesmo o da primeira demo. Vá-se lá perceber. Para os coleccionadores fanáticos, daqueles que coleccionam caricas das garrafas de cerveja desde o Verão de 1987.


Nota: 5/10

Review por Fernando Ferreira