• Facebook
  • Myspace
  • Twitter
  • Google+

Reviews Mais Recentes


Iron Reagan - Crossover


Lich King - Omniclash


Demonic Resurrection - Dashavatar


Black Anvil - As Was


Benighted - Necrobreed


Mechina - As Embers Turn To Dust


Adamantine - Heroes & Villains


Barathrum - Fanatiko


Persefone - Aathma


Blame Zeus - Theory Of Perception


Kreator - Gods Of Violence


Lock Up - Demonization


Obituary - Obituary


H.O.S.T. - Bastard Of The Fallen Thrones


Antropomorphia - Sermon Ov Warth


Fall From Perfection - Metamorph


Pallbearer - Heartless


Mastodon - Emperor Of Sand


wolfheart - Tyhjyys


Sinister - Syncretism


Primal Attack - Heartless Oppressor


Grog - Ablutionary Rituals

Metal Imperium - Merchandise

.
Para encomendar, enviar email para: metalimperium@gmail.com

Concertos em Destaque

Visitantes

Tradutor

Entrevistas Mais Recentes



































Dying Fetus revelam detalhes do novo álbum

Os Dying Fetus vão lançar o seu novo álbum, "Wrong One To Fuck With", a 23 de Junho pela editora Relapse Records, e será o tão aguardado sucessor de "Reign Supreme", lançado em 2012.(...)

Novembers Doom - Novo álbum disponível para audição na íntegra

O novo álbum dos norte-americanos Novembers Doom, intitulado "Hamartia", é lançado hoje pela The End Records. Este trabalho pode ser ouvido na íntegra através desta ligação. (...)

SWR Barroselas Metalfest XX - Horários das atuações

Ampliando a imagem acima, é possível conhecer o horário de atuação de cada uma das bandas que irá compor o SWR Barroselas Metalfest XX. Recorde-se que o festival ocorre entre os dias 27 e 30 de Abril, em Barroselas. (...)

Tony Iommi está a trabalhar em novo material de Black Sabbath

O já conhecido guitarrista dos Black Sabbath, Tony Iommi confirmou em entrevista que está neste momento a juntar e trabalhar o som do último concerto que a banda deu, em Birmingham, e também há rumores(...)

Tankard lançam novo vídeo com letra

Os Tankard lançaram um novo video com letra para a música "Arena Of The True Lies", que fará parte do seu sétimo álbum de estúdio, "One Foot In The Grave"(...)


Depois de dois EP´s lançados em 2014 e 2015, os Belgas Possession apresentam-nos agora a sua mais que esperada criação: Exorkizein. Uma explosão genial de Old School Death Metal com mortíferas estucadas do mais tradicional Black Metal.

Ao ouvido tudo isto vai fazer sentido, Sacerdotium dá-nos um “cheirinho” do que por aí vem. A crueza sonora deste álbum vai nos deixar com vontade de sangrar por mais.

O vocal “raivoso” e desumano de V. Viriakh é imenso assim como a garra da guitarra que nos cilindra sem pedir licença. Ouçam Infestation – Manifestation e sintam as minhas palavras. 

Neste Exorkizein nota-se que a parapsicologia e o culto têm vida própria. Nas melodias e no timbre das “entrelinhas” líricas conseguimos perceber isso de forma clara.

Take The Oath, eleva-nos a agonia e a obscuridade a níveis dementes, saímos desta viagem com vontade de “regar as nossas vidas com gasolina e entregar as cinzas a Lucifer”. Outro momento alto, Preacher's Death. A intenção desta malha é muito bem conseguida, os cinco elementos do Universo estão nestes últimos minutos de Exorkizein como que uma despedida à vida. As passagens melódicas são verdadeiros estágios emocionais.

Intenso, poderoso e híbrido. Exorkizein é curto na sua duração mas enorme na sua mensagem.

Nota: 7.8/10

Review por Ricardo Gonçalves

Formado em 2012, este quarteto de belgas conta já com uma demo de estreia, dois EP’s, um split e finalmente em 2017: o álbum de estreia chamado Exorkizein.

O disco começa com uma intro sinistra como se tivesse sido tirada de um filme do Bram Stoker, seguida de uma bateria e guitarras ritualísticas em “Sacerdotium”, como que a fazer jus ao nome da música. 

Na transição de uma poderosa “Beasts Of Prey”, para a sua sucessora “In Vain”, encontramos pelo meio um órgão sinistro a rematar com uma entrada calma e ritmada da bateria, seguido de um baixo com um tom tão negro como se tivesse sido tirado das profundezas do próprio Inferno.

Ao longo deste Exorkizein, podemos sentir um ambiente negro e até ritualístico, como se estivéssemos a testemunhar um ritual, porque é isso que este álbum é, um ritual. Desde uma bateria e guitarras com ritmos sombrios até à voz do sr. Viriakh a transbordar ódio e repulsa a cada letra e a cada nota que entoa.

Para fãs de Inquisition, dos primórdios de Satyricon e de Mayhem, recomendo vivamente este álbum.

Nota: 8/10

Review por Pedro Loureiro