• Facebook
  • Myspace
  • Twitter
  • Google+

Reviews Mais Recentes


Rasgo - Ecos da Selva Urbana


Terror Empire - Obscurity Rising


Painted Black - Raging Light


Wolves in the Throne Room - Thrice Woven


Celeste - Infidèle(s)


Moonspell - 1755


Battle Dagorath - II - Frozen Light of Eternal Darkness


Kalmankantaja - Routamaa


Archspire - Relentless Mutation


Tod Huetet Uebel - N.A.D.A


Benthik Zone - Via Cosmicam ad Europam ab Gelid Inferis


Acherontas - Amarta अमर्त (Formulas of Reptilian Unification Part II)


Progenie Terrestre Pura - oltreLuna


Vita Imana - El M4l


Overkill - The Grinding Wheel


Time Lurker - Time Lurker


Warbringer - Woe to the Vanquished



Akercocke - Renaissance in Extremis


Neige et Noirceur - Verglapolis


Process Of Guilt - Black Earth


Dephosphorus - Impossible Orbits


Samsara Blues Experiment - One With the Universe


Æther Realm - Tarot


Psygnosis - Neptune


Schammasch - The Maldoror Chants: Hermaphrodite


Altar of Betelgeuze - Among The Ruins


Nargaroth - Era of Threnody


Condor - Unstoppable Power


Holy Blood - Glory to the Heroes


The Flight of Sleipnir - Skadi


The Obsessed - Sacred


Necroblood - Collapse of the Human Race


Full of Hell - Trumpeting Ecstasy


Funeralium - Of Throes And Blight


Nightbringer - Terra Damnata


The Sarcophagus - Beyond This World's Illusion


Chaos Synopsis - Gods of Chaos


Farsot - Fail.Lure


Unearthly Trance - Stalking the Ghost


Daemon Forest - Dissonant Walk


The Ruins of Beverast - Exuvia


Novembers Doom - Hamartia


Funeral Tears - Beyond The Horizon



Summoner - Beyond the Realm of Light

Metal Imperium - Merchandise

.
Para encomendar, enviar email para: metalimperium@gmail.com

Concertos em Destaque

Tradutor

Entrevistas Mais Recentes



































Queens of the Stone Age confirmados no NOS Alive'18

Os Queens of the Stone Age foram confirmados para a próxima edição do NOS Alive, que vai ocorrer entre os dias 12 e 14 de Julho de 2018(...)

Under The Doom V anuncia um cancelamento e respetiva substituição

O cartaz do Under The Doom V, que vai ocorrer entre os dias 30 de Novembro e 2 de Novembro, acaba de sofrer uma ligeira alteração. Os franceses Funeraliumoi (...)

Corrosion Of Conformity lançam novo álbum em Janeiro

Os americanos Corrosion Of Conformity estão a preparar-se para lançar, a 12 de Janeiro, o seu novo álbum “No Cross No Crown”, pela Nuclear Blast Entertainment. (...)

SWR Barroselas Metalfest revela primeiras confirmações

O festival SWR Barroselas Metalfest anunciou hoje as primeiras confirmações para a edição do próximo ano. O evento, que vai ter lugar de 27 a 29 de Abril(...)

Graveyard em Portugal - Revelada banda de abertura

Como é sabido, os suecos Graveyard vão atuar na sala Lisboa Ao Vivo, já no próximo dia 25 de Novembro. Os portugueses(...)

Quando se preparam para subir ao palco do Cave 45, na próxima sexta-feira, dia 22, com os Sacred Sin, os Shadowsphere conversaram com a Metal Imperium, através do Seu mentor, Luis Goulão.

Muito aconteceu com Shadowsphere desde o último disco... resume-nos isso.

Depois de terminada a tour de promoção ao “DarkLands MMIX” em Dezembro de 2015, houve a necessidade de parar um pouco e repensar o futuro, a todos os níveis. Definiram-se prioridades, objectivos a longo prazo e sobretudo impôs-se a vontade de continuar, principalmente inovar.  Eu mudei-me para o Porto pela necessidade de estabilidade pessoal. Devido à mudança geográfica, Shadowsphere teve de abrandar um pouco, o que provocou a saída de alguns membros, ficando comigo o Ricardo Trincheiras, guitarrista que entrou em 2010. 
2017 foi o ano da renovação com tudo a compor-se e, neste momento, estamos mais fortes que nunca, com uma banda apoiada numa forte amizade entre todos e com uma garra incrível para o sucessor de “DarkLands MMIX”.


M.I. - Como se deu essa relocação para o Porto?

Em 2015 conheci a minha actual namorada/mulher com que vivo, decidi mudar de vida e passei a viver no Porto. Como é óbvio, onde estou, está Shadowsphere. Portanto, neste momento, Shadowsphere é uma banda do Porto com membros efectivos do Porto mas com coração dividido com o Seixal onde crescemos como banda, e onde temos os fãs que nos acompanham há mais de 10 anos.


M.I. - Quem são os novos músicos?

A nova formação, além de mim, inclui o Ricardo Trincheiras, que está connosco desde 2010, e o único que continua a viver no sul, a Susana Brochado no baixo e o Orca na voz.


M.I. - E agora? Este concerto com Sacred é a estreia da nova formação? Que se pode esperar do concerto?

Será sim, o primeiro concerto com esta nova formação, e é simultaneamente a sua apresentação ao vivo. Pode-se esperar um excelente concerto de Death Metal melódico, cheio de energia como Shadowsphere sempre habituou os seus fãs.


M.I. - Planos de futuro? Para quando novo disco? 

Temos na forja algumas novidades para o início do ano e é a nossa vontade lançar novo álbum para 2018. A composição e o concept art do novo trabalho estão já avançados e posso dizer-vos que vai valer a pena esperar.


Entrevista por Emanuel Ferreira