• Facebook
  • Myspace
  • Twitter
  • Google+

Candidata-te

A Metal Imperium encontra-se a recrutar colaboradores para redação de notícias, reviews de álbuns ou entrevistas a bandas.

Quem quiser fazer parte desta equipa poderá candidatar-se contactando-nos por email: metalimperium@gmail.com



Reviews Mais Recentes

Uada - Cult of the Dying Sun


Occultum - In Nomine Rex Inferni


Monolithe - Nebula Septem


Morag Tong - Last Knell of Om


Haunted - Dayburner


Djevel - Blant Svarte Graner


Raw Decimating Brutality - Era Matarruana


Czort - Czarna Ewangelia


Kinetik - Critical Fallout


Dopethrone - Transcanadian Anger


Abhor - Occulta ReligiO


Refuge - Solitary Men


Sevendust - All I See Is War


Black Fast - Spectre of Ruin


Sleep - The Sciences


Tomb Mold - Manor of Infinite Forms


Taphos - Come Ethereal Somberness


Wrath Sins - The Awakening


Judas Priest - Firepower


Bleeding Through - Love Will Kill All


Ihsahn - Àmr


Alkaloid - Liquid Anatomy


Filii Nigrantium Infernalium - "Fellatrix


Amorphis - Queen of Time


Ghost - Prequelle


Angelus Apatrida - Cabaret de la Guillotine


Bleed From Within - Era


Painted Black - Raging Light


Necrobode - Metal Negro da Morte


Pestilence - Hadeon


Tortharry - Sinister Species


Inframonolithium - Mysterium


Somali Yacht Club - The Sea


Dallian - Automata


Total Pageviews

Concertos em Destaque

Tradutor

Entrevistas Mais Recentes



































The Sword vão entrar num hiato

Corte quase fatal no futuro dos The Sword, uma vez que a banda texana anunciou há dias que fará uma pausa, embora tenha lançado ainda em março (...)

Hate Eternal lançam áudio de "Nothingness of Being"

A banda de death metal irá lançar o novo álbum, Upon Desolate Sands, a 26 de outubro através da Season Of Mist. Depois de desvendar (...)

Alterações no alinhamento do Festival Bardoada e Ajcoi

O Festival Bardoada e Ajcoi anunciou a substituição de duas das bandas previamente confirmadas. (...)

Marky Ramone em Portugal no próximo mês

O veterano Marky Ramone tem dois espectáculos marcados para o nosso país, que serão nada mais, nada menos, do que o warm up para o Lisbon Tattoo Rock Fest 2018. (...)

Behemoth lançam nova música "Wolves Ov Siberia"

"Wolves Ov Siberia", o novo vídeo de Behemoth, pode ser visto acima. A música faz parte do próximo álbum da banda, "I Loved You At Your Darkest", (...)


2018 está no panorama nacional como um bom ano de lançamentos e de algumas revelações. Emerging Chaos, banda oriunda da margem sul - Barreiro, Setúbal - lançou este ano o seu primeiro álbum de estúdio de nome "The Roots of Lunacy". Quase que já antecipamos o que nos vão dar (quando juntamos Portugal e Death/Thrash a coisa normalmente corre bem) e por isso mesmo avançamos sem medo.

Desde já, sabemos que vamos ser prendados por 40 minutos de pura energia do lado sulista do Rio Tejo. "Mutilated", primeira faixa do álbum, vem provar-nos que estávamos certos e que a teoria de que o metal português normalmente corre bem. As vozes rasgadas de Jim Gäddnäs abraçam-nos num ambiente em que, instrumentalmente falando, Pedro Nascimento, Jorge Silva e Tainan Reis completam esta raiz lunática. Conseguimos de certa forma reparar num traço minúsculo de black metal numa composição marcadamente Death/Thrash.

"Naked" assalta-nos com os riffs rápidos e growls que fazem as maravilhas dos ouvintes e inveja a outros, que querem ser vocalistas. Ainda nem 10 minutos passaram e damos por nós a abanar a cabeça e bater com o pé no chão. Logo a seguir temos "In This Room" e "The Remains" que dão continuidade ao álbum. Apercebemo-nos também que por vezes não é preciso sair do rectângulo português para termos boa seleção musical. A bateria de Jorge Silva acompanha o ouvinte nesta degustação de death e thrash português, nu, cru e puro (e o que dizer do baixo afinado de Pedro Nascimento?...).

"The Urge", um instrumental de meio minuto não nos deixa respirar e parece que o caos não pára nesta banda, até porque "The Truth Needs no Amplifier" continua esta marcha de gritos rasgados, baterias rápidas, guitarras afinadas e linhas de baixo lado-a-lado com este panorama.

Vemos o fim do álbum em breve, mas "The Recruiter", antepenúltima faixa do álbum, faz-nos esquecer este sentimento e carrega-nos de energia e ódio com riffs pesados e rápidos, gritos de guerra e ritmos primitivos. De destacar também é a intro profunda de "Captain of Lunacy" que nos dá a ouvir melhor o baixo de Pedro Nascimento por uns segundos e quase que notamos semelhanças com "Real Eyes Realize Real Lies" de Machine Head com vozes radiofónicas. Com pouca duração, porque Emerging Chaos vieram para mostrar que são parecidos com eles próprios (o ouvinte que venha testar), "Sickth Sense" termina o álbum com o mesmo registo, e nós ficamos com vontade de muito mais disto!

Questionamo-nos sobre a possibilidade de um espetáculo desta banda para podermos saborear tudo isto. Aos Emerging Chaos, os meus parabéns pela criação e por ajudarem o caos a emergir do solo nacional!

Nota: 8.9/10

Review por Carolina Lisboa Pereira