• Facebook
  • Myspace
  • Twitter
  • Google+

Reviews Mais Recentes


Rasgo - Ecos da Selva Urbana


Terror Empire - Obscurity Rising


Painted Black - Raging Light


Wolves in the Throne Room - Thrice Woven


Celeste - Infidèle(s)


Moonspell - 1755


Battle Dagorath - II - Frozen Light of Eternal Darkness


Kalmankantaja - Routamaa


Archspire - Relentless Mutation


Tod Huetet Uebel - N.A.D.A


Benthik Zone - Via Cosmicam ad Europam ab Gelid Inferis


Acherontas - Amarta अमर्त (Formulas of Reptilian Unification Part II)


Progenie Terrestre Pura - oltreLuna


Vita Imana - El M4l


Overkill - The Grinding Wheel


Time Lurker - Time Lurker


Warbringer - Woe to the Vanquished



Akercocke - Renaissance in Extremis


Neige et Noirceur - Verglapolis


Concertos em Destaque

Tradutor

Entrevistas Mais Recentes



































System of a Down têm músicas novas

Afinal não há nenhum problema com os System of a Down. É Serj Tankian quem o afirma, numa entrevista recente concedida à Rolling Stone. Na verdade a banda tem músicas novas, (...)

Simbiose, Alien Squad, Dokuga atuam no Porto em fevereiro

Os nacionais Simbiose, Alien Squad e Dokuga vão tocar no Metalpoint (Porto), no dia 3 de fevereiro do próximo ano.(...)

Hourswill apresentam novo álbum na companhia dos Inner Blast, The Chapter e Scarmind

Os Hourswill apresentam ao vivo o seu mais recente álbum, "Harm Full Embrace", dia 13 de janeiro, no RCA Club em Lisboa.(...)

Kamelot lançam novo vídeo e revelam novidades para 2018

Os Kamelot disponibilizaram o novo vídeo do tema "Under Grey Skies", que conta com a participação da vocalista dos Delain, Charlotte Wessels.(...)

Graveyard a gravar novo álbum

Os suecos Graveyard encontram-se nos Park Studios, em Estocolmo, a gravar o seu próximo álbum de estúdio, sucessor de "Innocence and Decadence", lançado no ano 2015. (...)



Parece mentira mas já lá vão seis anos desde que foi lançado "Under The Hurricane". O tempo voa, principalmente se tivermos em consideração que se teve este tempo todo sem um novo álbum dos nossos Dollar Llama e do seu som de puro rock energético e pujante. A expectativa já era alguma mas "Grand Union" não as defrauda, nem por um único segundo. Por vezes, o melhor é manter as coisas mesmo simples e é o que a banda lisboeta faz em temas como "Howl" e "Jaws". A simplicidade dos seus títulos condizem com o som forte e directo, perfeito para quem apenas quer rockar como nunca.

Aquilo que sempre pautou a banda foi a sua base bem assente no rock, mas sempre a ir beber um pocuo a algumas influências metálicas, que continuam a surgir bem expressivas aqui. No entanto, a principal razão do triunfo da banda é não se poder dizer que existe uma separação das águas. A identidade da banda já está bem estabelecida e não se consegue separar uma coisa da outra. Assim sendo, um tema com um groove demolidor como a "Bloodthunder" contém tanto de rock/stoner sulista de uns Corrosion Of Conformity na sua fase Wiseblood, como a potência de uns Overkill no "I Hear Black" ou de uns Sacred Reich no "Heal".

Não se pense que pela descrição talvez distinta atrás, de que teremos aqui um trabalho aborrecido e sem dinâmica para aqueles que não apreciam muito a faceta rock ou metal da música da banda. Os Dollar Llama vão desde o rock ao stoner, sem esquecer de passar pelo doom e pelo sludge, trazendo-nos ainda à memória bandas como Down, Floodgate e Crowbar. É um trabalho orgânico em tempos de música de plástico, a provar que ainda é possível respirar, ler e ouvir coisas feitas pelo homem. Neste caso, feito pelos homens, dez faixas de uma qualidade inegável. Um grande álbum, que cresce dentro do ouvinte sem encontrar qualquer tipo de resistência. Mais um vício garantido.


Nota: 9/10

Review por Fernando Ferreira